Sábado, 21 de Maio de 2011

...

    AFIFE  DIGITAL.             

Semanario On-Line de Afife                      
Edição actualizada aos sábados pelas 21h30     
Editado por Afife Noticias,Caminho da Cabriteira, Afife 4900-012    

Mail--   afifenoticias@sapo.pt                      

LOCAL ON_LINE-05   REGIONAL ON_LINE01   NECROLOGIA-00
JUNTA de FREGUESIA CASINO AFIFENSE          RADIO AFIFENSE     
APCA                             ROTEIRO                         ASS DES AFIFENSE  

 Retomamos as noticias on-line, locais e regionais, para saber tudo na hora , click em cima na janela, LOCAL ON-LINE  ou  emREGIONAL ON-LINE  ,                                  

Desporto

 ANDEBOL. Afifense,  a um jogo do final do calvário. Agora só depende de si e para tal, tem que vencer em casa o Feirense no dia 4 de Junho, pelas 20h00.

 FUTSAL---Agora só falta jogar a Super Taça, no dia 11 de Junho.

----------------------------------------------------------------

Este domingo dia 22, pelas 11h30, é inaugurado o novo espaço de atendimento da Junta, no edifício da estação, com a presença do presidente da Câmara, entre outras individualidades locais e regionais.          

               

----------------------------------------------------------------

Dia 3 de Junho, vai haver Sarau Artistico no Casino.

-----------------------------------------------------------------

O edifício da Casa do Povo de Afife completou na quinta feira, 43 anos,a obra é de autoria do arquiteto Afifense, Silvestre Lomba

 Bar de Santo António, precisa de mudar de visual, agora a sua imagem, fere facilmente  a vista de quem visita este local.

 

Junta de freguesia, procede à limpeza de caminhos, agora com um reforço de pessoal, mas este é trabalho que não serve pata todos.

 Casino, organizou, jantar,para ver a final da liga Europa em écran gigante e foram muitos os portistas e não portistas, que marcaram presença.

 

 

Carreço, faz ver ao distrito, com o seu grupo de teatro, agora e com casa cheia, apresentou, Republica sem Farol, peça encenado por António Neiva e que vai poder ser vista brevemente no Casino Afifense.

 Caminhos da veiga, estão a ficar escondidos, em densa vegetação, é que ninguem é responsavel pela sua manutenção.

 

Andebol de Afife,continua na luta pela manutenção, quando falta apenas um jogo,para o final desta fase.

 Atletismo. Atletas da ADA, conseguem resultados surpreendentes, nos campeonatos regional e seis, garantiram a presença nas finais nacionais em Leiria em Junho.

 

   

AFL. A Associação Florestal do Lima

envolve jovens na sustentabilidade florestal.

 
   
   
   
   

 

VIANA  DO  CASTELO    

 

Campanha "Comer Bem é mais barato" na Praça 1. Maio.

 Dia Internacional dos Museus em Viana do Castelo.

Câmara Municipal vai apostar no turismo acessível.

Plano Municipal para a Mobilidade Eléctrica em Viana do Castelo.

 

        CAMINHA                 

 

Câmara Municipal disponibiliza estacionamento em Vila Praia de Âncora

O Energie Music Vilar de Mouros.

A Marcha de Sensibilização decorre na quinta-feira nas ruas de Caminha.

Simulacro de incêndio testa Escola Básica.

Vila Praia de Âncora prepara mais uma edição da Festa do Mar e da Sardinha

 

   VALENÇA                 

 

 

Valença recebe exposição “Viva a República.

Câmara Municipal de Valença e ESCE apresentam projecto do Centro de Inovação Empresarial e Logístico de Valença.

Lanterna Mágica em Valença

Câmara de Valença comemora  Dia  dos Museus.

   
   
   
   
publicado por afifenoticias às 18:01
link do post | favorito

Valença

Valença recebe exposição “Viva a República”

 

           

           

            Valença recebe a exposição itinerante “Viva a República”, de 23 a 25 de Maio, na zona escolar, entre as 10h e as 20h.

            Uma viatura adaptada, complementada com duas tendas de apoio, será o espaço onde o visitante é convidado a acompanhar a história da I República, um dos períodos mais marcantes da história recente de Portugal. Através de imagens, um jogo digital, um roteiro pedagógico e um mapa de ideias, ficará a conhecer o percurso de evolução do ideário republicano, o processo de implantação da República e os principais contextos e transformações a que esteve associada. 

            Comemorou-se a 5 de Outubro de 2010 o primeiro centenário da implantação da República Portuguesa. Uma ocasião para evocar as principais aspirações das gerações que se empenharam em promove

r e realizar as grandes causas da participação e do desenvolvimento do país.

            Da concretização do Programa do Centenário espera-se que possa resultar uma valorização da cultura histórica e da consciência patrimonial, vectores dos sentimentos colectivos de pertença e de partilha; um contributo para o revigoramento das práticas cívicas e da aproximação entre a política e os cidadãos. Deseja-se sobretudo contribuir para o desenvolvimento de valores, como o exercício de uma cidadania responsável e consciente, a valorização da cultura humanista e universal e a construção de uma sociedade mais igualitária, justa e plural.

            Em digressão desde Setembro de 2010, esta exposição percorre cerca de 100 concelhos de todo o país, permanecendo durante aproximadamente um ano em itinerância.

 

Câmara Municipal de Valença e ESCE apresentam projecto do Centro de Inovação Empresarial e Logístico de Valença

 

         O Presidente da Câmara, Jorge Salgueiro Mendes e o Presidente do IPVC, Rui Teixeira, apresentam o projecto de construção de um equipamento multiusos, no dia 19 de Maio, a partir das 14h30, na ESCE, com a presença do Secretário de Estado Adjunto da Indústria e do Desenvolvimento, Fernando Medina.

         As instalações definitivas do CIL (Centro de Inovação e Logística        ), na Quinta da Mota, em Valença, pretendem agregar, num só espaço, formação de Ensino Superior, um Centro de Divulgação de Ciência, um Centro de Formação Autárquico (CFAut), um Ninho de Empresas e um Centro de Apoio às Actividades Empresariais da Região.

 O Centro de Divulgação de Ciência permitirá o contacto directo e próximo entre as empresas e o ensino, contribuindo, desta forma, para fomentar a inovação, a investigação e o desenvolvimento tecnológico do tecido sócio-cultural, numa perspectiva de competitividade e de desenvolvimento sustentado desta região transfronteiriça.

O Centro Ciência Viva de Valença será um espaço pluri-funcional de ciência e tecnologia, vocacionado para a difusão da cultura científica e tecnológica através da observação e experimentação.

         Utilizando o tema “ Inovação e Ciências Empresariais” e com um carácter científico, lúdico e didáctico, o Centro Ciência Viva disponibilizará exposições interactivas, mediateca, mini-laboratório, auditório e um espaço gratuito de acesso à Internet.

         Jorge Salgueiro Mendes, Presidente da Câmara, considera “Este um grande projecto e muito importante para Valença. Revela-se estruturante pois criará todas as condições para a realização de actividades vitais no desenvolvimento deste concelho, combinando funções de ensino e conhecimento científico, com ligação ao mundo empresarial. É um projecto com efeitos alavanca e integrador, na medida em que vai permitir preparar empreendedores, qualificar novos empresários e recursos humanos com formação superior, fundamental ao desenvolvimento de novas empresas, novas actividades de negócio e, novos projectos, com vista a crescentes aumentos de produtividade e, consequentemente, meios facilitadores do desenvolvimento económico-social de Valença”.

   Este projecto está a ser encaminhado para candidatura ao CREN, aos fundos que possam ser disponibilizados pelo Programa Operacional e Regional do Norte.

 

Lanterna Mágica em Valença

 

 

         Câmara Municipal de Valença promove uma actividade na Biblioteca dedicada à linguagem do cinema, até 25 de Maio e destina-se a todos os  alunos do 3.º e 4.º ano das Escolas do Concelho.

 

         Num jogo entre a história e a imagem,  a equipa da Biblioteca de Valença faz uma abordagem prática e interactiva com os  mais jovens explicando-lhes como funcionava a lanterna mágica, a partir da recriação de um modelo.

         A actividade explica como eram criadas as imagens das histórias no cinema, a partir de uma lamina de vidro.

         A lanterna mágica foi inventada no século XVII, pelo jesuíta alemão Atanásio Kircher. Era um aparelho óptico que projectava imagens ampliadas e desenhadas à mão, sobre um ecrã branco. É um dos antepassados mais longínquos da máquina fotográfica e das máquinas de projectar cinema.

         No século XIX, as lanternas mágicas de mesa (modelo familiar), tornaram-se num dos brinquedos favoritos da época. A partir do Lampascope, um modelo criado por Johannes Zahn, as imagens pintadas sobre vidro eram fixadas sobre um disco circular que fazia girar as lentes do projector, sugerindo movimento. É este modelo que é recriado nesta actividade.

 

Câmara de Valença comemora  Dia Internacional dos Museus

 

 

         Atelier de Maquetagem Museológica e Visita à muralha com lanternas antigas homenageiam museus.

        

        No âmbito das comemorações do Dia Internacional dos Museus, dia 18 de Maio, a Câmara Municipal de Valença irá promover duas iniciativas: um atelier de maquetagem museológica, destinado aos alunos do 1º ciclo e, uma visita à muralha com lanternas antigas, para o público em geral.

         Na Praça da República, a partir das 10h os alunos do 4º ano, orientados pelo maquetista Augusto Maciel Estima, poderão participar num atelier de maquetagem museológica, executar uma parede da muralha e um troço da fortaleza com as respectivas portas e guaritas.

         A par desta actividade, as crianças poderão visitar as duas réplicas da Ponte Internacional sobre o Rio Minho e o Castelo Medieval de Valença, em exposição nos Paços do Concelho e Núcleo Museológico.

         Às 21h45 terá início uma visita aos vários pontos com interesse histórico e patrimonial da muralha, que partirá do Núcleo Museológico, com a particularidade dos participantes se fazerem acompanhar por lanternas antigas.

         Com esta iniciativa pretende-se promover uma nova forma de conhecer a muralha de Valença, assim como as suas histórias, levando os participantes a “recuarem no tempo”.

         A Câmara Municipal de Valença pretende que este seja um momento divertido no qual se consigam envolver as diferentes gerações.

 

 

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

BAR DE S.ANTONIO, CRIA UMA MA IMAGEM DO LOCAL.

        MONTE DE SANTO ANTONIO, TEM O BAR COMO PAISAGEM NEGATIVA..           

     

Depois do corte das arvores e a respetiva reflorestação no monte de Santo António, ficou por fazer apenas  um dos casos que mais facilmente salta à vista de quem visita este local, o edifício do bar que foi construído para  dar apoio as festas.  Não há duvida, que o seu interior foi alvo de obras por anteriores comissões, que adaptaram o espaço ás exigências, assim como em condições higiénicas,no entanto a sua imagem exterior, e, termos paisagísticos é degradante e fere facilmente a vista do visitante, que encontra no meio de tanta beleza, uma construção feita a martelo e mal caboucada, como se diz na Giria popular.

 Na altura da construção deste bar, muitos foram aqueles que se insurgiram contra, inclusive a associação NAIAA, mais tarde e quando se efetuou a sua ampliação, a contestação veio uma vez mais ao de cima, no entanto e porque a arborização era densa, ainda cobria um pouco a sua má imagem. Agora e porque a vegetação foi cortada,ficou visível de quase toda a freguesia,aquele mamarracho,que nada dignifica o local que durante muitos anos foi considerado,como o miradoiro de Afife.

 Em tempos não muito distantes, era intenção da autarquia dar uma nova imagem aquela construção,aplicando inclusive um telhado entra outros, só que essa ideia não vingou e nem sequer as comissões que muitas vezes tiveram saldos elevados, contribuíram para apagar esta imagem negativa do local. Neste momento, o bar chama a atenção de todos, mas pela parte mais negativa, dado a sua visibilidade de todos os cantos da freguesia,.sabe-se que em termos da autarquia e dado as dificuldades que se sentem, esta não terá disponibilidades para tentar atenuar a má imagem desta construção, mas é certo que este nunca foi um caso tido em conta pelas comissões de festas, que tal como comungam muitos Afifenses que para tal contribuíram, que esta situação, poderia ter sido levada em conta e até apontam algumas soluções, que passam pela demolição da estrutura, ou então por um arranjo urbanístico, pensado de acordo com o local.

 

21-05-11

ANI

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

CAMINHOS DA VEIGA OBSTRUIDOS.

               CAMINHOS DA VEIGA, COM FALTA DE MANUTENÇÃO.                   

 

Há vários caminhos na veiga de Afife, que se encontram, abandonados, já que não  tem sido feita a manutenção exigida e há outros que se estão a degradar,com o crescimento de  vegetação, que já quase que os cobre e torna muito difícil a circulação. Uma destas situações, é verigicada  na parte litoral norte,precisamente no seguimento do caminho da Folgosa para norte,onde as australias crescem de maneira assustadora e já quase cobrem o caminho, tendo mesmo a circulação que se fazer  pela berma. Aqui a parte em betuminoso,já se encontra coberta pela vegetação infestante, mas se esta é uma preocupação, no Inverno não é menos preocupante a situação dos regos foreiros,pois  estes estão obstruídos, não é feita qualquer manutenção e por tal é frequente a criação de longos lençóis de agua, que chegam mesmo a inundar as leiras. É certo que  estes caminhos foram feitos para servir a área agrícola, mas vieram a beneficiar inúmeras pessoas que por esses circulam e neste momento para passarem por muitos troços destes caminhos, já o fazem quase por carreiros.  Quanto à Junta de Freguesia, diz esta  ser uma área, não da sua jurisdição, por tal não lhe diz respeito efetuar ali trabalhos, agora cabe certamente , ás entidades com responsabilidades nesta área, inteirarem-se deste problema e que lhe seja dada uma solução, que passa pelo corte da vegetação, afim de  novo,os caminhos ficarem transitáveis. Naquilo que toca à parte litoral norte da freguesia, estes caminhos servem também todos aqueles que durante a época de verão frequentam as praias daquele área, mas da maneira que se encontram, só dificilmente alguém tentará passar por aquelas bandas.

21-05-11

ANI

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

VIANA

.

Terras de Geraz 2010” vence Medalha de Prata no Concurso Mundial de Bruxelas .

O vinho “Terras de Geraz 2010”, de Viana do Castelo, venceu a Medalha de Prata daquele que é um dos mais importantes concursos mundiais de enoturismo: o Concours Mondial Bruxelles 2011. Este galardão foi atribuído pelo prestigiado júri que reúne profissionais e experts de todo o mundo de um total de mais de sete mil vinhos internacionais.

O “Terras de Geraz” do produtor Armindo Fernandes venceu assim o Concurso Mundial, uma referência incontornável para o mercado vitivinícola do Mundo criada em 1994 que é já o campeonato do mundo do vinho e da degustação e que, em 2011, reuniu 7386 vinhos de 49 países diferentes.

O vinho de Viana do Castelo vê assim reconhecida a sua qualidade, numa altura em que a aposta efectuada pela Câmara Municipal nos vinhos da região começa a surtir resultado. Viana do Castelo, recorde-se, foi eleita Cidade do Vinho 2011 pelo Conselho Directivo da Associação de Municípios Portugueses do Vinho, como resultado da coerência do programa de actividades apresentado e das parcerias desenvolvidas pelo Município de Viana do Castelo na promoção dos vinhos verdes.

O executivo municipal, com o objectivo de promover os recursos locais, como o vinho e a vinha quer valorizar o vinho verde e suas características únicas, potenciar a participação dos produtores de vinho em feiras nacionais e internacionais, promover a gastronomia, promover as tradições e o património vinícola, assim como o enoturismo concelhio.

Câmara Municipal lança Guias Interpretativos sobre algas .algas

A Câmara Municipal de Viana do Castelo apresentou ontem, no Museu do Traje, os dois primeiros livros da colecção “Guias Interpretativos da Zona entre Marés”, da autoria do Professor Leonel Pereira, Biólogo da Universidade de Coimbra. Estas edições, uma valiosa contribuição para o conhecimento das algas, inclui inúmeras curiosidades sobre algas, enumera as várias espécies e ainda apresenta receitas com algas ou a aplicação de algas na saúde e beleza.

As edições, apresentadas no Museu que integra um núcleo museológico dedicado às algas em Castelo de Neiva, pretendem mostrar e servir de guia para a vida da zona entre marés. Estes guias de campo caracterizam o ambiente entre marés das praias rochosas e ainda as macroalgas e os animais que as habitam. Com um “objectivo pedagógico”, estes guias permitem contribuir para a compreensão destes habitats, conhecer alguns exemplares dos seres vivos e suscitar a reflexão sobre a actividade humana e a sua interferência no equilibro dos habitats.

Um dos guias apresenta também os usos das algas na agricultura, na indústria e na alimentação, contendo mesmo receitas como o caldo de camarões com algas, o arroz de algas, passas e pinhões e a mousse fria de lima-limão. O sargaço, a talassoterapia, as algas e a cosmética, os usos farmacêuticos e medicinais ou a utilização das algas na produção da energia são outros temas abordados.

A edição da Câmara Municipal é da autoria de Leonel Pereira, doutorado em Biologia, especialista em Biologia Celular pela Faculdade de Ciência e Tecnologia da Universidade de Coimbra. É editor chefe de uma publicação electrónica sobre macroalgas e, em 1998, recebeu o prémio Francisco de Holanda na Expo 98.

Modernização Administrativa: Câmara Municipal investiu 2.1 milhões de euros .modenrizaao

A Câmara Municipal tem em marcha um ambicioso plano de modernização da administração municipal que contempla sectores importantes da Autarquia como o urbanismo digital, a desmaterialização do licenciamento ou o apetrechamento tecnológico municipal. Na sessão de apresentação, onde esteve presente a Secretária de Estado da Modernização Administrativa, Maria Manuel Leitão, foi anunciada a criação do portal das freguesias até final do ano, numa altura em que foram já investidos mais de 2.1 milhões de euros desde 2008.

Estas medidas, que permitem mais agilidade, maior eficácia, mais celeridade e maior transparência nos serviços autárquicos, surge na sequência de alterações profundas que tem vindo a ser implementadas na Câmara Municipal de Viana do Castelo como, por exemplo, o manuseamento digital de todos os planos de pormenor, de urbanização e do Plano Director Municipal, da adequação e simplificação do Regulamento Municipal de Taxas e Outras Receitas de Urbanização e Edificação ou da implementação de ferramentas de novas tecnologias nos serviços de licenciamento e gestão urbanística.

No âmbito desta política de modernização administrativa dos serviços, foram igualmente dados importantes passos na desmaterialização digital e é possível remeter via digital aos serviços da Administração Local e Central - e para efeitos de Certidão de IMI - os projectos aprovados e telas finais, permitindo poupanças de tempo, de dinheiro e de limite de prazos ou mesmo a emissão online de plantas de localização.

Certo é que todas as medidas deste ambicioso projecto de modernização administrativa marcam uma nova “era” na relação do Município com os cidadãos. O recurso às novas ferramentas tecnológicas - tramitação digital de todos os procedimentos administrativos na área do licenciamento - está a permitir uma agilização e consequente celeridade nas decisões, como uma elevada e garantida transparência das respectivas decisões associadas.

Assim, os principais investimentos para a Modernização Administrativa em Viana do Castelo foram a Rede de Fibra Óptica (35 quilómetros que interligam todos os edifícios municipais), a instalação de Data Center (centralização de serviços), o apetrechamento tecnológico das escolas, a central de digitalização, a criação de um Portal de Atendimento /Gestão Documental/ Integração, a criação do Urbanismo Digital, a modernização da comunicação (eliminação de faz, telefones VOIP) e está em fase de criação o Portal das Freguesias | Portal da Educação | Serviços Online.

            Na sessão de apresentação, a governante elogiou o trabalho desenvolvido, considerando o trabalho uma “mudança de cultura” já que se tratou de um dos processos mais difíceis das autarquias. “Trata-se de um trabalho notável”, referenciou.

Campanha "Comer Bem é mais barato" na Praça 1. Maio .

Desde o dia 16 de Abril que estão a decorrer em diversas cidades portuguesas, as acções de proximidade da Campanha COMER BEM É MAIS BARATO, criada pela Fundação Calouste Gulbenkian, pela Fundação EDP e pela SIC, com o apoio da DECO e da Associação Portuguesa de Nutricionistas.

Évora, Lisboa, Porto e Coimbra foram as primeiras cidades a acolher esta Campanha, cientes da importância do objectivo último que esta pretende veicular: ensinar a confeccionar receitas nutricionalmente completas a preços controlados e dessa forma contribuir para a qualificação da economia familiar, bem como, dos hábitos alimentares das pessoas. Nos próximos dias 21 e 28 de Maio e 4 de Junho, a Campanha realizar-se-á nas cidades de Viana do Castelo (Praça 1º de Maio), Faro (Jardim Manuel Bívar) e Santarém (Largo Cândido dos Reis).

Estas acções têm tido um eco muito positivo por parte das populações das cidades, tanto no  acompanhamento do cozinheiro André Domingos na ida ao mercado para dicas na compra dos alimentos, como na confecção da refeição numa roulotte estacionada em locais de grande afluência de público. Durante a demonstração, a assistência coloca questões, participa na confecção dos pratos e usufrui de consultas sobre nutrição  com técnicos da Associação Portuguesa dos Nutricionistas ou de conselhos sobre compra e conservação dos alimentos com consultores da DECO.

Ao sabor de uma mensagem positiva, centenas de pessoas, em cada dia, receberam com agrado os conselhos desta Campanha: uma alimentação mais equilibrada e saudável por menos dinheiro.

Dia Internacional dos Museus em Viana do Castelo .

Visitas guiadas, apresentação de livros, actividades ao ar livre e o “Museu Fora de Horas” são algumas das acções previstas para comemorar o Dia Internacional dos Museus que, em Viana do Castelo se assinala amanhã, dia 18 de Maio e no próximo sábado, dia 21 de Maio.

As iniciativas, que decorrem durante todo o dia e toda a noite, permitem a participação nos ateliers dos Serviços Educativos do Museu de Arte e Arqueologia e do Museu do Traje, onde também decorrerão visitas guiadas especialmente preparadas para os comerciantes de Viana, dando a conhecer a exposição “Poesia Experimental Portuguesa”, organizada pela Fundação Serralves, e a nova Exposição Permanente do Museu do Traje.

Pelas 18 horas, no Museu do Traje, serão apresentados os dois primeiros livros da colecção “Guias Interpretativos da Zona entre Marés”. A apresentação será feita pelo autor o Professor Leonel Pereira, Biólogo da Universidade de Coimbra e contará com a presença do Presidente da Câmara, José Maria Costa. Estas edições, valiosa contribuição para o conhecimento das algas, poderá ainda ser complementar com uma visita ao Núcleo Museológico do Sargaço em Castelo de Neiva.

O Dia dos Museus continua no sábado, dia 21, com uma formação feita por técnicos especialistas da Fundação de Serralves sobre a exposição “Poesia Experimental Portuguesa” (aberto ao público, gratuito mas sujeito a inscrição) e, na Praça da República, durante a manhã, haverá diversas actividades do Serviço Educativo para os mais novos.

À noite, regressa o Museu Fora de Horas, acompanhando a exposição “Poesia Experimental Portuguesa” no Museu de Arte e Arqueologia, com diversas actividades a partir das 21.30 promovidas pela AISCA, em colaboração com a Fundação de Serralves.

 

Câmara Municipal vai apostar no turismo acessível.CMVC_fachada       

Viana do Castelo vai apostar no Turismo Acessível para Todos. Para tal, acaba de adjudicar a elaboração do Plano Sectorial de Promoção da Acessibilidade de Viana do Castelo para o Turismo com o objectivo de identificar e optimizar recursos para aumentar a qualidade de vida dos cidadãos com mobilidade reduzida no sector turístico, nomeadamente em 35 estabelecimentos privados e nos espaços culturais e turísticos municipais.

O Plano é, assim, uma ferramenta de gestão da acessibilidade fundamental que permite alcançar um aumento da qualidade de vida para todos os cidadãos e do sector turístico e permite optimizar os recursos utilizados pelas autarquias. “Diagnosticar, facilitar e promover a acessibilidade aos equipamentos, recursos e serviços turísticos a todos e para todos” é o principal objectivo deste documento que, em última análise, permitirá tornar realidade em Viana do Castelo a concepção de Turismo para Todos.

Esta aposta do Turismo para Todos assenta na constatação de que, desta forma, ser atinge um importante segmento do mercado que, na actualidade, carece de uma oferta acessível. Estima-se que, só na Europa, oitenta milhões de pessoas têm algum tipo de deficiência ou mobilidade reduzida, um mercado que cresce anualmente com o fenómeno do envelhecimento progressivo da população, podendo o potencial deste mercado crescer aos 133 milhões de pessoas na Europa uma vez que estes turistas não viajam sozinhos.

Por estes motivos, a aposta da Câmara Municipal passa pela caracterização e pela aplicação de medidas em vários espaços do cocnelho. Numa primeira fase, serão analisadas as necessidades e solicitações dos cidadãos, turistas e empresários para depois serem pensadas acções a curto e médio prazo e priorizadas as intervenções de forma a que haja um planeamento estratégico ao nível do turismo municipal, favorecendo a oferta a pessoas com deficiência e mobilidade reduzida ou a criação de destinos turísticos acessíveis.

O Plano irá, assim, centrar-se no diagnóstico dos problemas e na proposta de soluções de melhoria de acessibilidade de equipamentos e serviços dependentes da Câmara Municipal, nomeadamente nos dois museus, no posto de turismo, em dois espaços culturais e em 35 estabelecimentos privados (cafés, restaurantes, estabelecimentos comerciais).

 

 

 

Plano Municipal para a Mobilidade Eléctrica em Viana do Castelo .mobie_viana

 Plano Municipal para a Mobilidade Eléctrica de Viana do Castelo, que previa numa primeira fase a instalação de dez áreas de carregamento, está já a preparar o alargamento para a segunda fase de instalação. Neste momento, estão já a funcionar as áreas do edifício da Marina, estação de caminhos-de-ferro, pavilhão municipal Mestre Luís Braga, Largo Cidade da Baía, Capitães de Abril, Praia do Cabedelo, Zona Industrial Neiva (1ª. Fase), Largo da Estação de Caminhos de Ferro de Barroselas, Portucel (Deocriste) e Parque Empresarial de Lanheses.

Até 2015, a Câmara Municipal vai alargara instalação destes pontos com o reforço na cidade e em várias freguesias, nomeadamente Outeiro, Nogueira, Portuzelo, Afife, Vila de Punhe, Barroselas, Lanhesesm Deocriste, Neiva, Chafé e Castelo de Neiva.

Estes pontos de carregamento MOBI.E foram instalados no âmbito do contrato assinado entre as 25 autarquias e a INTELI – Inteligência e Inovação, permitindo formar o primeiro living lab para a mobilidade eléctrica na Europa. Este desafio prevê a operacionalização da Fase Piloto do Programa para a Mobilidade Eléctrica com a instalação de uma infra-estrutura mínima de mobilidade eléctrica de 1300 postos de carregamento a nível nacional durante 2011.

Com esta subscrição, Viana do Castelo assume-se como um território de experimentação, teste e validação de novas soluções de mobilidade eléctrica, criando um laboratório de experimentação de soluções de mobilidade eléctrica à escala nacional, visando a criação de sinergias entre os diferentes municípios.

Este projecto inovador e pioneiro a nível internacional contempla a implementação das infra-estruturas e sistemas de suporte necessários ao carregamento de veículos eléctricos a ser executada em três fases (fase piloto até finais de 2011, fase de crescimento para consolidar as soluções adoptadas e fase de consolidação a iniciar quando a procura de veículos eléctricos atingir um nível sustentado).

O programa integra também a implementação do modelo para a Mobilidade Eléctrica (MOBI.E), cujas áreas de intervenção implicam a utilização de veículos eléctricos mas também sistemas de mobilidade/intermodalidade, modelos energéticos, ordenamento do território e planeamento urbano, entre outros. Neste âmbito, as Autarquias que subscreveram o plano constituem-se como centros de inovação, conhecimento e criatividade, mas também como laboratórios de experimentação.

Com metas de criação de 1300 pontos de carregamento em 2011, a Rede Piloto é compatível com todas as marcas de veículos eléctricos e baterias e torna Portugal um dos primeiros países do mundo a ter uma política integrada para a mobilidade eléctrica e uma rede de carregamento de âmbito nacional.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

ATLETAS DA ADA EM DESTAQUE.

      ATLETISMO AFIFENSE, EM ALTA.                     

   

Atletas da Associação Desportiva Afifense, estiveram em destaque nos campeonatos regionais do Atleta Completo e Olímpico Jovem, conseguindo resultados muito positivos, tanto a nível individual, como no coletivo. No Atleta Completo e no escalão de iniciados. As atletas Cláudia Almeida e Elísia Magalhães, sagram-se campeã e vice-campeã regional no heptatulo, enquanto a juvenil, Marisa Vieira, conseguiu um excelente terceiro lugar no octátulo. Quanto ao Olímpico Jovem, Elísia Magalhães, sagrou-se campeã regional no salto em altura e nos 80 metros barreiras, conseguindo a melhor marca regional da época. Cláudia Almeida sagrou-se campeã regional nos 80 metros e salto em cumprimento e Marisa Vieira, foi campeã regional, nos 300 metros e lançamento do disco. No mesmo campeonato, Rafaela Morais, sarou-se campeã regional nos lançamentos do dardo e do peso. Marco Maio, foi igualmente campeão regional do salto em altura e conseguiu a melhor marca da época. Daniela Marques, foi vice-campeã do peso e dardo. Assim são seis atletas da ADA, apurados para a final nacional, que vai ter lugar nos dias 4 e 5 de Junho em Leiria.

Esta é mais uma prestação dos atletas da ADA digna de registo em provas de pista, ocorridas nas pistas sintéticas do estádio de Melgaço e no estádio Manuela Machado na Meadela. De realçar que  os atletas da ADA, tem conseguido resultados e recordes  significativos durante a presente época,especialmente nas disciplinas técnicas.

21-05-11

ANI

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

REPUBLICA 100 FAROL

    SOCIEDADE DE CARREÇO, ENCHEU, PARA VER “REPUBLICA 100 FAROL”.        

           

O Grupo de teatro da Sociedade de Instrução e Recreio de Carreço, apresentou mais uma revista “Republica 100 Farol” e teve casa cheia na apresentação dos dois primeiros espectáculos na Sociedade e pondera levar à cena mais representações, na freguesia, dado o êxito conseguido nos espectáculos de estreia, alem de estar em agenda levar a peça a outras casas de espectáculo do concelho. Esta é uma peça que envolve meia centena de participantes, entre atores, músicos, técnicos e colaboradores com idades compreendidas entre os 9 e os 79 anos, teve a encenação do ator António Neiva e os textos uma vez mais foram escritos, por António Cabecho e Manuel Neves, enquanto que a direção musical, esteve a cargo de Zé Paulo.

Esta é uma peça crítica que versa temas relacionados com os centenários Farol de Montedor e a Republica Portuguesa, em que tudo se desenvolve em seu torno, fazendo a passagem para a atualidade, com a habitual crítica, onde belisca entidades locais e concelhias e nem o Sócrates escapou. Esta peça está dividida em 9 quadros e inicia-se com a inauguração do farol e sua influência na agricultura bovina, passa para o Trolha do farol, que retrata o panorama atual da profissão, com imigrantes de varias as nacionalidades, o padrinho, que junta os afilhados para discutirem a sociedade de uma indústria, que se designa de associação e o Polvamento da Republica, que não é mais que um debate na república dos polvos. As portagens, também não poderiam ficar de fora e aqui o pagamento de portagem na Quelha das Pipas, revolta tudo e todos, assim como o confessionário eletronico, que dispensa a presença do padre, mas as coisas com tanta tecnologia, também podem falhar. Os últimos quadros, são o mercado, onde se vende, desde fruta produtos vindos da Ásia e onde é necessário a intervenção da ASAE.

Para o encenador António Neiva, a peça apesar de ser anunciada como uma revista e de efetivamente possuir algumas características inerentes a este género teatral, sente-se no espetaculo uma pulsação de arte, rumo a uma fusão de diversas disciplinas que faz expandir os respetivos limites da tradicional revista. Diz tratar-se de uma peça provocatória, que vem recordar que o teatro se faz para dividir. Salienta que se aposta numa relação fortemente orgânica entre interpretação teatral, musica, elementos coreográficos, efeitos sonoros e visuais, com a intuição de que não pretende sem esconder, nem modernizar, mas sim aparecer. Salienta o encenador, que esta produção é um marmoto de emoções contraditórias, que o publico identificar-se-á com as personagens, através de emoções que todos reconhecem.

 Para Ramiro Araújo, presidente da Sociedade de Carreço, refere que esta peça surge na sequência do trabalho que tem vindo a ser realizado nos últimos anos, em que foi possível fazer ressurgir o teatro em Carreço, embora a tradição teatral na casa remonte aos anos 30. O grupo reiniciou a atividade, há 10 anos, juntou os atores mais experientes e foi crescendo e neste momento esta peça, já movimentou mais de 50 participantes, muitos na sua maioria jovens da terra que começam a ganhar gosto pelo teatro e que já vão demonstrando grandes qualidades. Ramiro Araújo refere que esta peça começou a ser ensaiada a partir de Fevereiro, embora tivessem havido umas pausas pelo meio, mas com novos métodos de ensaio, já é possível colocar uma peça em cena em menos tempo que antigamente e o grupo já possui muito equipamento de modo a depender só de si.

Agendada está pelo menos mais uma representação no dia 27 em Carreço e em Junto a pela vai poder ser vista no casino Afifense e no Teatro Sá de Miranda em Viana do Castelo.

Para o público que durante os dois dias encheu a casa, consideram que a peça esteve à altura dos pergaminhos da Sociedade, e este participou, já que cantou com os atores, aplaudiu e a alguns até lhe vieram as lágrimas aos olhos com a emoção. No final, toda a plateia se levantou para aplaudir de pé os atores e participantes da peça.

Quanto a novas peças, o grupo está unido e espera voltar a ensaiar novo espetaculo para depois do verão, agora cabe a António Cabecho e Manuel Neves o trabalho nada fácil de escrever os textos, o que ambos se prontificam a fazer dentro daquilo que lhes é possível, já que o bichinho do teatro sempre os moveu, embora nesta peça, tenham sido espetadores.

 

Afife, vai poder assistir a este espetaculo em Junho, embora a peça fora de Carreço apenas venha a ser representada em Afife e no Sá de Miranda e esta é uma peça ao gosto do grande publico.

Oh farol amlumia cá para baixo

 

Polvamento das Republica

O Confessionario eletronico

É de realçar a união que existe neste grupo que cada vez consegue ser mais numeroso, com jovens atraídos certamente pelos mais experientes para a arte de representar.O êxito que tem conseguido espelha a dedicação e o trabalho de qualidade que tem sido feito, que certamente fará inveja a muitos grupos mais profissionais e com melhores condições. Agora ainda não é tempo de perguntar para quando uma nova peça, porque esta ainda está, para dar e durar.

Agora e porque é preciso manter a tradição teatral em Carreço, cabe ao Antonio Cabecho e Manuel Neves, começarem a pensar na feitura de textos,nos seus tempos livres, que certamente não serão muitos, mas já é o povo que assim exige.

21-05-11

ANI

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

CASA DO POVO, COMPLETOU 43 ANOS.

              CASA DO POVO DE AFIFE, FOI INAUGURADA HÁ 43 ANOS.                      

        

O atual edifício da Casa do Povo de Afife, fez na passada quinta feira, 43 anos em que foi inaugurado, com a presença do então Ministro das Corporações, Gonçalves de Proença. Este edifício veio substituir um outro que lhe ficava de frente, precisamente onde hoje de situa o jardim e que anteriormente havia sido sede de uma coletividade Afifense antecessora do Casino. O edifício da atual casa do Povo, é da autoria de um Afifense e foi feito por Afifenses, pois trata-se de um projeto do arquiteto, Afifense, já falecido, Silvestre Lomba e este foi o único tipo de projeto aprovado para este tipo  de casa, pois já na altura os projetos, eram já tipo pavilhão.

No entanto Silvestre Lomba,exercendo as suas influencias, conseguiu ara a sua terra um edifício consonante com a aldeia e o seu meio urbanístico, fazendo um projeto perfeitamente enquadrado no ambiente rural e nem sequer esqueceu a maneira de homenagear os estucadores Afifenses,pois projetou os candeeiros formados por colheres do estuque. A obra foi executada por outro Afifense, igualmente já falecido, Armando Alves,construtor civil,em que a mão de obra era na sua maioria constituída por gente de Afife. Os trabalhos foram cumprindo os prazos então estabelecidos e o edifício viria a ser inaugurado num domingo, 19 de Maio de1968, da parte da manhã, onde as gentes de Afife, fizeram questão de estar presentes na inauguração de tão importante equipamento para a freguesia.

A Casa do Povo atual,deu continuidade a alguns serviços que eram prestados no anterior e degradado edifício,como o atendimento medico e de enfermagem, haviam sessões de cinema e sala de televisão. No entanto e porque durante a construção da atual Casa do Povo, o antigo edifício foi demolido, os serviços foram transferidos para a então residência Paroquial, no caminho de Oiteiro, hoje casa particular. A Casa do Povo de Afife, na década de 60.fomentou o desporto na freguesia, tendo se sagrada campeã distrital de voleibol, por varias vezes e até chegou a  ter um campo em terra batida, no local onde hoje existe o pavilhão desportivo. A ginastica foi outra das modalidades praticadas, conjuntamente com a pesca desportiva e outros. Com o noivo edifício, o futebol, também começou a fazer parte desta casa, com a equipa da Casa do Povo de Afife, que disputou o campeonato distrital do INATEL e que jogava de camisola  e meias amarela  e calção preto. O futebol  foi criado na direção de em que o presidente era Juventino Enes, que mais tarde viria a criar a equipa de atletismo, que mais tarde e durante a direção de António Almeida e José Poço, viria a ser reactivada e até aos dias de hoje, não mais parou, muito embora mais tarde, tivesse passado para a ADA. Hoje a Casa do Povo,continua a servir a população da freguesia, com os serviços médicos e de enfermagem, possui em pleno funcionamento o jardim de infancia e creche, onde emprega já um numero significativo de funcionarias. Nos últimos anos o edifício foi alvo de obras de adaptação aos serviços de infância, foi ampliado na parte traseira, mas mantêm a sua traça original.

São 43 anos a funcionar em pleno neste edifício e muitos dos serviços prestados à população, vieram já do anterior edifício, que foi uma associação cultural e recreativa e Casa do Povo.

 

21-05-11

ANI

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

LIMPEZA EM CAMINHOS

   JUNTA DE AFIFE, CONTA COM MAIS QUATRO TRABALHADORES.   

   

A Junta de Freguesia de Afife, vê aumentado o seu numero de trabalhadores,com um reforço de mais quatro elementos,que já se encontram ao serviço. Estes novos quatro trabalhadores, estão ai serviço da autarquia através de um protocolo que a Junta firmou, com vista a poder contar com pessoas que se encontram na situação de desempregados. Assim a autarquia conseguiu ver reforçado o seu setor das obras, onde um dos novos trabalhadores é de Afife, dois são residentes e um outro é de Viana. A Junta de freguesia já em anos anteriores havia concorrido a este tipo de protocolo, mas as pessoas atribuídas na sua maioria, acabaram por declinar o contrato e apenas uma se manteve ao serviço,durante o período estipulado. ara a Junta de Freguesia, este reforço vem na melhor hora, já que a limpeza de caminhos, largos, jardins e praias, exige trabalhos reforçados nesta altura do ano,em que a autarquia aposta forte nestes trabalhos de maneira a manter a freguesia limpa. Neste momento, os trabalhos centram-se na parte central da freguesia, mas brevemente serão centrados na area da spraias com vista à abertura da época balnear, que se inicia já em Junho.A autarquia Afifense, vai continuar a ser responsável pela limpeza das praias, tanto na zona de areal, como na limpeza das suas áreas envolventes. Este é um trabalho que é feito tanto por meios mecânicos, como manuais e é diário, o que exige meios humanos.

Ultimamente o trabalho de limpeza no seio da freguesia tem sido notado e até foi referenciado pela positiva, pelos membros da oposição, na ultima sessão da Assembleia de Freguesia de Afife, no entanto nem tudo está limpo, até porque não se pode atacar tudo ao mesmo tempo, se a freguesia está limpa na sua maior parte dos caminhos, o mesmo não se pode dizer do caminho a nascente da rotunda da Cabriteira, porque aqui a vegetação cresce, mesmo em pleno passeio de peões. Mas certamente que terá a sua vez, para ficar limpo.

21-05-11

ANI

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

AFL, PROMOVE PROJETOS

A Associação Florestal do Lima

envolve jovens na sustentabilidade florestal

A Associação Florestal do Lima (AFL) irá desenvolver 6 projectos de ‘Acções para a Sustentabilidade Florestal’ nas Zonas de Intervenção Florestal (ZIF) das quais é entidade gestora: ZIF de Ponte de Lima e ZIF de São Lourenço no concelho de Ponte de Lima; ZIF do Monte de Roques e ZIF da Serra de Santa Luzia no concelho de Viana do Castelo e ZIF de Ponte da Barca e ZIF de Arcos de Valdevez.

Estas acções são promovidas no âmbito do protocolo de colaboração entre o Instituto Português de Juventude, a Autoridade Florestal Nacional e o Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas, compreendendo actividades de informação, participação pública, sensibilização e educação ambiental (não formal) de intervenção comunitária.

Os 6 projectos que a AFL viu aprovados consistem em criar um percurso pedestre em cada uma das áreas, elaborar um folheto informativo e promover a realização de uma caminhada e de uma acção de limpeza de cada percurso.

As acções dos projectos serão realizadas com recurso a voluntariado jovem (14 aos 30 anos), pelo que a AFL irá seleccionar 9 jovens voluntários por cada um dos 6 projectos, aos quais será atribuída uma bolsa de participação.

 Os interessados em participar deverão candidatar-se até ao dia 31 de Maio utilizando a ficha de inscrição que se disponibiliza para o efeito na página web da AFL (www.aflima.pt), remetendo-a por correio ou por e-mail.

Inseridos no ano internacional das florestas, pretende-se contribuir para a educação ambiental, florestal e social, sensibilizando não só os jovens directamente envolvidos nas acções, mas também a população local durante a sua participação na caminhada.

Para mais informações contacte:

Associação Florestal do Lima

Rua Poço de Cabaços, Lote 1, R/C

4990-344 Feitosa - Ponte de Lima

Tel/Fax: 258 944 103 | Telemóvel: 961 107 576

E-mail:afloreslima@gmail.com

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

ANDEBOL

              AFIFENSE, A DUAS JORNADAS DO FIM, FOI A GAIA.               

         

AFIFENSE SOFREU, DADO TER ESTADO 15 MINUTOS SEM MARCAR UM SÓ GOLO.

Faltam duas jornadas para finalizar esta fase de apuramento para a terceira divisão nacional de andebol, o Afifense pode ter dado um passo grande para  de certa maneira ultrapassar o calvário dos maus resultados, já que na sua deslocação ao F C de Gaia, venceu por 28-29, depois de ter estado a ganhar por 11 golos de vantagem e acabou oj ogo a sofrer.

Parece que a tradição se mantem, em o Afifense conseguir bons resultados em Gaia e grandes exibições e foi aquilo que uma vez mais acontecer. O Afifense entrou bem no jogo, conseguiu impor o seu ritmo, com velocidade e acima de tudo a eficácia no ataque, terá mesmo contribuído para que a equipa viesse a ganhar confiança e caminhasse para manter uma vantagem confortável no marcador. O Gaia, viu-se surpreendido na primeira parte pela tatica aplicada pelo Afifense, não conseguiu parar a boa combinação entre a defesa e ataque dos visitantes e tanto Castro, como Tiago estiveram em grande no remate final e quando estes não tinham espaço para o remate, aparecia o João Pedro, sempre muito oportuno a aturar pela certa. O setor defensivo com Ricardo Fontainhas na baliza,também se mostrou confiante durante todo o primeiro período e contribuiu para que se chegasse a intervalo, com o resultado de 9-20 para o Afifense, em que Romeu chamado à baliza para um livre de sete metros e como já nos habituou, fez uma magnifica defesa.

SEGUNDO TEMPO, PARA ESQUECER, JÁ QUE FOI O GAIA QUEM MANDOU NO JOGO.

No segundo tempo, o Afifense entrou frouxo e deixou que a equipa da casa  subisse  de rendimento e nos primeiros  5 minutos, permitiu ainda  que o Gaia marcasse 4 golos, enquanto o Afifense marcou apenas 2. A partir daqui,viu-se uma equipa que parou no ataque, pois foram 15 minutos  a sofrer golos e a não conseguir marcar um só, não simplesmente pela atuação do guarda redes do  Gaia,bem como com quatro bolas atiradas ao poste e uma desconcentração em termos de remate final. O Afifense, conseguiu assegurar o resultado a seu favor, já nos instantes finais da partida , depois  de uma recuperação de bola por parte de Romeu numa altura em  que o resultado estava em 27-28 e Castro consegue fazer o 27-29 a 30 segundos do apito final.

O Afifense sofreu e não é habitual uma equipa chegar a intervalo a vencer por 11 golos e depois sofrer a bom sofrer para conseguir os três pontos, isto quer dizer que alguma coisa não  correu bem e neste momento é altura para  se retificarem os erros cometidos, se é que eles aconteceram porque o Afifense agora só depende de si para garantir a permanência na terceira  divisão, pois no dia 4 de Junho e na ultima jornada pelas 20h00 se vencer o Feirense, atira esta equipa para a despromoção, conjuntamente com o Madalenense, por o Afifense na pior das situações, fica sempre em penúltimo, mas esse é o lugar que a equipa não quer porque fá direito à despromoção,por tal, todos devem acompanhar a equipa e a apoiar na decisão final no pavilhão de Afife.

 

 

QUEM MARCOU OS GOLOS:

Castro------------------9

João Pedro-------------9

Tiago-------------------7

Sandro----------------- 1---  + -- VERMELHO

Marcio------------------ 1

Verde------------------- 1

 

 

EXCLUSÕES 2 minutos.

Sandro------------1

Tiago------------- 1

 

O Afifense beneficiou de  tres sete metros, concretizados por João Pedro e Romeu defendeu um  livre sete metros.

 

 RESULTADOS:

F C Gaia-- 28     Afifense-------29

Canelas---28      Monte----------26

Feirense -          Madalenense--

Leça-------         Fermentões----

 

CLASSIFICAÇÃO.

1º- Canelas--------34

2º- Fermentões---

3º- Monte----------29

4º- Gaia------------29

5º-Leça-------------

6º-

7º-

8º- Madalenense--

 

 

 

 

 

 

 

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

caminha

Câmara Municipal disponibiliza estacionamento em Vila Praia de Âncora.Câmara Municipal disponibiliza estacionamento em Vila Praia de Âncora

A Câmara Municipal vai disponibilizar um terreno junto da Ecovia das Camboas, em Vila Praia de Âncora, para colmatar a falta de estacionamento provocada pelas obras no Portinho. Em plena época balnear, a vila vai poder contar com mais locais de estacionamento do que no ano anterior.

A população de Vila Praia de Âncora aumenta consideravelmente nos meses de verão e o movimento é maior. Sabendo desta necessidade, a Câmara Municipal de Caminha chegou a acordo com os proprietários de um terreno, no início sul da Ecovia das Camboas, perto do parque infantil.

O local que agora vai ser disponibilizado prevê-se que possa acolher cerca de 400 veículos, e vai estar disponível de forma gratuita até que as obras do Portinho terminem. O número de lugares de estacionamento naquela zona vai, com esta solução, ser superior ao habitual mesmo antes das obras no Portinho terem começado.

Ao garantir este terreno para parque de estacionamento, a Autarquia está a dar condições para uma maior adesão da população a eventos como a Festa do Mar e da Sardinha, o Vila Praia de Âncora Stock Off, a Feira do Livro, as festividades em honra de Nossa Senhora da Bonança, entre outras actividades de verão.

Câmara propõe alteração ao projecto do Portinho

Para que a solução não seja apenas provisória, a Autarquia fez uma proposta de alteração ao projecto do Instituto Portuário e Transportes Marítimos (IPTM), de forma a que as obras no Portinho disponibilizem mais 75 lugares de estacionamento, sem que o custo da obra altere.

As obras da segunda fase do Portinho de Vila Praia de Âncora começaram em Julho do ano passado. Este arranjo da zona ribeirinha vai custar cerca de 5,7 milhões de euros e requalificar toda a zona do Portinho de Vila Praia de Âncora.

 

O Energie Music Vilar de Mouros .Pow Pow Movement, Henrik Schwarz, Dixon e Michael Mayer são alguns dos nomes já confirmados

A 1ª Edição do Energie Music Vilar de Mouros, que se irá realizar a 21 de Agosto com o apoio da Câmara Municipal de Caminha, promete revelar um conceito de festival totalmente inovador, transversal e alternativo, que volta a posicionar Vilar de Mouros no mapa dos grandes festivais de Verão. Os 20 mil visitantes esperados vão poder sentir o espírito irreverente de uma grande festa ao ar livre fundir-se com o ambiente eclético e multicultural de um festival inspirado nas diferentes sonoridades, desde o reggae, à música electrónica, passando pelo rock e o drum 'n' bass.

Entre os nomes já confirmados, destaque para o grupo alemão Pow Pow Movement, uma das bandas reggae mais aclamadas da cena internacional; Henrik Schwarz, uma mistura orgânica entre jazz, techno e soul clássico; Dixon, DJ de house por excelência e um dos nomes mais respeitados nos clubes de todo o mundo; Michael Mayer, Lopazz e Steve Bug, três grandes referências da música electrónica europeia; e os brasileiros Marcelinho da Lua e Fernanda Porto.

Entre os artistas e bandas portugueses que irão actuar no Festival é já garantida a presença de Olivetree Dance, conhecido pela sua sonoridade muito futurista; Richie Campbell, um nome incontornável do reggae nacional; o DJ Miguel Rendeiro; Buraka DJ's, Johnwaynes, Freshkitos, João Dinis, Subway, Let There Be Rock, Música de Saltos Altos e Pumpkins.

Serão 18 horas non-stop de concertos e muita animação num cenário paradisíaco, com o rio Coura e o verde da paisagem minhota como pano de fundo. O Festival estará organizado em 4 palcos: o Palco Energie, o Palco Electrónico, o Palco Tributo a Vilar de Mouros que dará destaque ao rock, e o Palco Novas Tendências para estilos mais alternativos. O recinto inclui ainda uma área VIP.

O Energie Music Vilar De Mouros, que tem como grande embaixador e patrocinador a marca de roupa italiana Energie, espera receber 20 mil pessoas. O apresentador Fernando Alvim será uma das figuras públicas que irá apadrinhar o festival. Sendo o seu principal sponsor uma marca de roupa, a organização do Festival irá desenvolver animações, passatempos e festas promocionais - Energie Outdoor Party's -, que vão reflectir este conceito de festival mais fashion, cool e vanguardista, aberto à moda e à cultura urbana.

Entre as actividades, está prevista a realização de diversos workshops e de uma Regata no Rio Minho, que arrancará no sábado dia 20, em Espanha, e termina a 21 de Agosto, em Vilar de Mouros.

Os bilhetes terão o custo de 15€, se comprados antecipadamente e de 20€ se adquiridos no próprio dia.

 

A Marcha de Sensibilização decorre na quinta-feira nas ruas de Caminha.V Semana dos Direitos da Criança começa na segunda

A Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Caminha organiza a V Semana dos Direitos da Criança de 23 a 27 de Maio. As várias actividades realizam-se em Caminha e Vila Praia de Âncora e destinam-se à comunidade em geral.

A Semana dos Direitos da Criança serve para ajudar a relembrar a problemática dos direitos da criança. São direitos básicos que são dados como óbvios, mas que muitas vezes são esquecidos. É nessas alturas que a Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Caminha tem de intervir. Para evitar estas intervenções, a aposta faz-se na prevenção e na elucidação da população.

Neste sentido, em cada um dos dias da Semana dos Direitos da Criança vai decorrer uma actividade. O destaque vai para a conferência "Direito à Família" com Luís Villas Boas, psicólogo clínico e director do Refúgio Aboim Ascensão, mas também para a Marcha de Sensibilização para os Direitos da Criança, na qual vão participar mais de 1200 crianças, que vão percorrer as ruas de Caminha desde o Parque 25 de Abril até centro da vila.

 

 

 

Simulacro de incêndio testa Escola Básica .Simulacro de incêndio testa Escola Básica e Jardim-de-infância de Caminha

O Serviço Municipal de Protecção Civil, em colaboração com a Corporação de Bombeiros de Caminha e o Agrupamento de Escolas Coura e Minho, realizou um Simulacro de Incêndio na Escola Básica e Jardim-de-infância de Caminha. O exercício decorreu de forma positiva.

A acção teve como principais objectivos avaliar o Plano de Emergência do estabelecimento de ensino, detectar e corrigir eventuais disfunções do Plano de Emergência e testar e criar rotinas de comportamento da população da escola face a situações de emergência.

A actividade contou com a participação também da GNR, do INEM e do CDOS de Viana do Castelo. Ficou demonstrado que a comunidade da Escola Básica e Jardim-de-infância de Caminha se encontra preparada para dar resposta a uma situação real e já possui uma rotina no seu comportamento face a uma emergência. Ficou também comprovada a capacidade de resposta rápida e eficaz dos agentes locais de socorro.

Ao exercício, seguiu-se um balanço com as entidades envolvidas, directa e indirectamente, onde foram analisados os aspectos positivos e negativos, de forma a corrigir os últimos. Uma das mensagens finais prendeu-se com o compromisso de fomentar uma rotina em todo o agrupamento de escolas, no sentido de melhor preparar a comunidade para situações reais que possam ocorrer.

 

Vila Praia de Âncora prepara mais uma edição da Festa do Mar e da Sardinha.   Vila Praia de Âncora prepara mais uma edição da Festa do Mar e da Sardinha

Já está praticamente tudo preparado para a Festa do Mar e da Sardinha, o certame gastronómico que já se tornou tradição no concelho de Caminha. Este ano a festa decorre de 17 a 26 de Junho, na zona envolvente do Portinho em Vila Praia de Âncora.

A festa que consagra Vila Praia de Âncora como terra de pescadores, de bons cozinheiros e melhores anfitriões já está preparada para animar o Alto Minho. Para além da habitual zona de restauração, onde se podem provar os melhores pratos de sardinha, há muita animação à mistura e inclusive algumas novidades.

Pela primeira vez, a edição 2011 da Festa do Mar e da Sardinha vai promover um Encontro Internacional de Embarcações Tradicionais de Vila Praia de Âncora. É mais uma atracção que deverá conquistar a atenção de todos os visitantes. Esta iniciativa vai ficar patente no Parque Dr. Ramos Pereira. A organização é da Câmara Municipal de Caminha e da Associação Barcos do Norte.

De resto, a tradição mantém-se: boa comida e ambiente alegre. Também não vai faltar a já habitual exposição. O tema deste ano é "Homens de Fé". A mostra é da responsabilidade de Carlos Castro e Carlos Vilasboas e retrata, através da manifestação religiosa, a identidade cultural da vila piscatória de Vila Praia de Ancora, nos momentos de fé vividos na procissão naval de Nossa Senhora da Ínsua, que se realiza desde 1959, e na procissão religiosa em honra da padroeira das gentes do mar - Nossa Senhora da Bonança.

As datas já estão lançadas, de 17 a 26 de Junho Vila Praia de Âncora proporciona a melhor sardinha do mundo no local mais emblemático e tradicional.

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

PORTISTAS VIRAM O JOGO NA MESA DO CASINO

        JUNTOS NO CASINO, PARA VER O PORTO SER CAMPEÃO DA EUROPA.             

           

Parece já ser tradição, que sempre que o FCP, ou seja o Futebol Clube do Porto se sagra campeão de qualquer prova europeia, em Afife organiza-se sempre um jantar de confraternização, que também serve para todos seguirem o jogo pela televisão. este ano os organizadores escolheram o Casino Afifense como local, para esta reunião comestível e em écran gigante,  para lá estiveram virados todos os olhares durante mais de 90 minutos, isto porque o Mossoró, teimou em não levar o jogo para prolongamento.

 Este convívio, não junto só portistas, mas os de outros clubes também por lá se fizeram representar, mas  certamente a puxar mais pelos vermelhos, que por sinal até haviam eliminado o Benfica e assim impediram esta de estar presente na final. A ementa, foi leitão e todos ficaram contentes com a escolha, no entanto e quanto ao jogo, foi tanto tempo para ver tão poucos golos, é que se não fosse o águia, do falcão com aquela cabeçada certeira,ninguém atava,ou desatava o jogo. Certamente que se o Porto, jogasse a final com qualquer outro clube,que não Português, os portistas, teriam certamente muito mais adeptos,mas como eram duas equipas do norte, tinha que ganhar a melhor, ou pelo menos aquela que mais golos marcasse e isso parece que ninguém ficou com duvidas.

Afora espera-se que este tipo de jantares se venha a repetir para o ano, porque isso queria dizer, que o tal FCP, estaria na final de novo, só que até essa pode ser a final dos campeões, agora digam lá que os portistas não tem equipa para isso. Uma vez que a tal equipa maravilha, em que todos esperavam que iria ganhar tudo, apenas ficou com uma taça caseira e ganha com muito suor ao Paços de Ferreira e por 2-1, desiludiu uma vez mais e não cumpriu o que tão seriamente prometeu, valha-nos os clubes do norte, que com menos conversa e mais futebol,lá vão mostrando como se ganha e se chega a uma final europeia.

 

21-05-11

ANI

 

Com Rui Martins

publicado por afifenoticias às 18:00
link do post | favorito

.posts recentes

. ...

. FESTA DO TRAJE

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. mares vivas, na semana qu...

. ...

.pesquisar

 

.Agosto 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. ...

. FESTA DO TRAJE

. ...

. ...

. ...

. ...

. ...

. mares vivas, na semana qu...

. ...

.arquivos

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.SONDAGEM

CONCORDA COM A REALIZAÇÃO DE TOURADAS EM VIANA
CONCORDO
NÃO CONCORDO
VIANA DEVE ser anti-touradas
VIANA NÃO deve ser anti-touradas

.CONTADOR de Março de 2009 a 17-04-11,teve 205000 visitas, foi iniciada Nova contagem a partir daí


Contador gratis

.visitas


contador de visitas para blog

.on line

utilizadores online

.imagens de AFIFE

Montagem criada Bloggif

.subscrever feeds