Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

AFIFENSE, FORA DA TAÇA  NA  PRIMEIRA         

            ELIMINATORIA                                               

A Académica de Coimbra foi o carrasco do Afifense na primeira eliminatória da Taça de Portugal em andebol, já que eliminou o Afifense e manteve a tradição de o Afifense ainda não ter vencido qualquer jogo oficial em casa. 

                

Esta foi uma partida onde o Afifense contou com Romeu na baliza, um atleta que defendeu as cores Afifenses durante varias epocas e  agora está em outras modalidades, mas que sempre que lhe seja possível, vai defender as cores Afifenses. A partida foi pautada de grande equilibrio, com maior dominio por parte do Afifense que esteve sempre á frente do marcador, mas nos instantes finais da partida, as coisas não correram bem para o Afifense, dado que Cábé, um dos jogadores mais influentes e de maaior experiencia do Afifense foi expulso, por acumulação de exclusões e o facto de ter entrado em campo aquando a segunda exclusão, originou a mostragem do cartão vermelho. Aqui o Afifense entrou em desvantagem numérica numa altura crucial da partida e a Academica aproveitou para passar para a frente do marcador. Mas acontece que quando tudo pensava que o jogo iria acabar com a vitoria da Academica, o Afifense nos derradeiros instantes da partida ainda consegue o empate a 25 golos, levando a partida para prolongamento.

Aqui as coisas pioraram, já que o Afifense sofre mais duas expulsões, por jogadas mais violentas de Chico e Hugo e o Afifense reduzido a quatro jogadores pouca mais pode fazer para inverter a situação vencendo a Académica  no final por 30-32

Esta foi uma partida onde o Afifense mostrou a sua classe e a haver um vencedor, este seria o Afifense, por todo o espectaculo que proporcionou a todos os presentes. Aqui jogou ainda contra o Afifense, a inexperiência de alguns dos seus jogadores, que não souberam manter a calma necessaria e controlar o seu jogo. Para muitos que presenciaram a partida, embora numa tarde de frio, ficaram com a ideia que o resultado não espelha aquilo que se passou durante os  trinta minutos da partida, pois o Afifense merecia melhor sorte e seria um digno vencedor por tudo aquilo que fez e pelo empenho dos seus jogadores.

Na bancada o Luís São João,  apoiava com o som do seu triquelitraque, que até fazia jeito, já que com o frio que se fazia sentir, dava para aquecer.

            

O QUE DISSERAM OS TREINADORES.

Começamos por ouvir  o treinador da Academica de Coimbra, Horacio Poiares, que nos disse que a Academica trazia os trabalhos de casa já feitos, porque havia recolhido todas as informações do Afifense e o caso da equipa não estar bem, não foi aquilo que demonstrou em campo, por isso a vitoria só aconteceu porque  respeitaram o Afifense. Tirou algumas informações do Afifense junto de outros clubes e tambem de um jogador que já representou o Afifense (Ivo). Considerou que foi um jogo muito dificil e se vieesem a pensar que seria um jogo facil, certamente não seguiriam em frente. Considerou ainda que o Afifense demonstrou ter uma grande equipa, assim como a serie norte a mais forte de todo o campeonato.

Para Jorge Freitas, que ocupa o cargo de orientação tecnica do Afifense, dando assim uma ajuda, já que Cábé,voltou a ser jogador, reforçando assim a equipa dada a sua experiencia e estar ainda em boas condições fisicas. Jorge Freitas adiantou que foi uma partida nada facil, onde o Afifense até jogou bem quase toda a partida, mas as tres expulsões verificadas, deixaram a equipa sem margem de manobra para vencer a partida numa altura complicada do jogo. O  prolongamento foi complicado com a equipa em desvantagem numerica, frente a uma Academica muito forte, até porque  é das primeiras classificadas na serie centro, complicou  bastante e por tal não foi possivel seguir em frente, embora a equipa lutasse até ao final sem nunca baixar os braços.

 

Agora só se espera que seja quebrado o enguiço das derrotas caseiras e que o Afifense consiga os resultados que merece, já que todos os treinadores das equipas que tem jogado com o Afifense, são unânimes em comentar que não se compreende como é que o Afifense a jogar desta maneira, não consegue as vitorias que tanto merece, porque esta classificação, nada tem a ver com o valor da equipa..

-

06 de DEZEMBRO de   2008

Pág. 36/36

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub