Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

...

 AFIFE DIGITAL 

  SEMANÁRIO ON-LINE DE AFIFE

EDIÇÃO ACTUALIZADA AOS SÁBADOS PELAS 21H30

EDITADO POR AFIFE NOTICIAS

ENVIE-NOS NOTICIAS PARA E-mail: 

 afifenoticias@sapo.pt

 *   Andebol, Afifense perdeu por 19-22,no jogo de apresentação da equipa senior aos associados. O jogo foi frente ao Leça, agora e antes do inicio do campeonato,o Afifense joga com o Azurara e domingo joga-se o triangular, a partir das 15h00, no pavilhão deAfife.  

* O ultimo domingo de Agosto, levou mais de 10 mil ás praias de Afife, o que constitiu o pico de afluencia deste verão  .  

*   Independentes e CDU, são os concorrentes por Afife ás proximas eleições autarquicas.  

*  .  

*   Folclore de Afife, actuou nas festas de Viana, com os bombos a passarem e ainda por cima a aparelhagem de som estava com cortes.   

 

 *  Está a ser feito o levantamento no terreno, para as obras do Polis do Litoral em Afife. 

 *      Triquelitraques de Afife, vão participar no cortejo das festas da Senhora da Bonança, em Vila Praia de Ancora.        

 *    APCA, alerta em comunicada, para o estado em que se encontra a Cividade de Afife/Ancora.  

*  Utentes da praia da Insua, deixam reclamações, no placard do Polis do Litoral.   

 *    Epoca balnear a chegar ao fim, já se nota nas nossas praias.   

 Estas e outras noticias, vão ser desenvolvidas na proxima edição do AFIFE DIGITAL

 

 

 

 

 

 

***********************************************

CLIK  _--------------para saber as ultimas em NOTICIAS EM TEMPO REAL ou em REGIONAIS

 

 NOVAS NOTICIAS  EM  --NOTICIAS EM TEMPO REAL 

 

 NOVAS  NOTICIAS do ALTO MINHO EM  --  NOTICIAS DA REGIÃO       

 

 NÃO HÁ --  Noticias em NECROLOGIA     

                 **************************************************

 

    ***********************************************************************

 

 

 

 

...

 AFIFE DIGITAL 

  SEMANÁRIO ON-LINE DE AFIFE

EDIÇÃO ACTUALIZADA AOS SÁBADOS PELAS 21H30

EDITADO POR AFIFE NOTICIAS

ENVIE-NOS NOTICIAS PARA E-mail: 

 afifenoticias@sapo.pt

 *  domingo  no Centro Cultural de Vila Praia de Ancora, pelas 21h30, vai haver um espectaculo com varios artistas em que a receita viasa ajudar a ANA PAULA, na angariação de uma cadeira de rodas. NÃO FALTEM E VAMOS AJUDAR ESTA JOVEM de 30 anos que sofre de esclerose multipla.    

*   Campeonato do mundo de Body Board, decorre na praia da ARDA, até domingo dia 16.  

*   A partir deste domingo e até dia 23, pode ver no Casino Afifense uma exposição de pintura da artista Maria Ricardina Santos Silva. Pode visitar entra as 21 e as 23 horas.  

*    APCA, denuncia o estado de abandono e de destruição que enfrenta a Mamoa de Ereira .  

*   Nadadores da praia da Arda, ajudaram  um casal de Espanhois, que sentiram dificuldadesjunto ás pedras do Bico.   

 

 *   Praias de Afife, registaram esta semana, uma afluência que se aproxima da dos anos anteriores..      

 *  Abriu hoje a época de caça e em Afife, nem um tiro se ouviu,é caso para se perguntar se será que a crise está nos caçadores, ou a culpa é da caça            

 *     

*   

 *    DEVIDO AO PERIODO DE FERIAS E DURANTE O MÊS DE AGOSTO, NÃO VAI HAVER A ,EDIÇÃO SEMANAL NORMALIZADA  DO AFIFE DIGITAL AO SABADO.  ASSIM A EDIÇÃO VAI PASSAR A FAZER-SE SEMPRE QUE HAJAM NOTICIAS EM PRIMEIRA PAGINA.  EM SETEMBRO, TUDO VOLTARÁ  Á EDIÇÃO SEMANAL REGULAR.    

***********************************************

CLIK  _--------------para saber as ultimas em NOTICIAS EM TEMPO REAL ou em REGIONAIS

 

  NOVAS NOTICIAS  EM  --NOTICIAS EM TEMPO REAL 

 

   HÁ  HÁ NOVAS  NOTICIAS do ALTO MINHO EM  --  NOTICIAS DA REGIÃO       

 

 NÃO HÁ --  Noticias em NECROLOGIA     

                 **************************************************

 

    ***********************************************************************

 

PRAIAS DE AFIFE, ONDE SE PAGA PARA IR Á CASA DE BANHO.                                           

                              

 

As pessoas já se habituaram e sabem que se tiverem que utilizar os serviços sanitários nas praias de Afife, tem que pagar a taxa que a autarquia Afifense resolveu aplicar há alguns anos a esta parte, nas praias da Arda e do Caracol.

Cada utilização das casas de banho destas praias de Bandeira Azul em Afife, custam 25 cêntimos. A cobrança  não tem registado queixas pelo pagamento deste serviço e até há pessoas que pagam com um Euro e nem sequer querem o troco. Para a autarquia local, esta taxa simbólica, obriga a que seja prestado um serviço de qualidade aos utentes destes serviços e estes até tem um maior cuidado na sua utilização, pois na  maior parte dos casos, até são estes que deixam as instalações limpas.

                   

 

Na praia da Arda Adolfo Carvalho é o responsável por estes serviços há seis anos a esta parte, embora seja a mulher quem detêm o contrato de prestação deste trabalho, mas muitas vezes são os dois a trabalharem.  Diz-nos que este ano são menos as pessoas que utilizam estes serviços, refere no entanto que há menos veraneantes que os outros anos. O movimento maior ainda são os banhos, é que no final do dia as pessoas quando regressam a casa gostam de um banho de chuveiro, que igualmente custa 25 cêntimos.

Quanto á utilização das casas de banho, refere que são as senhoras as que mais utilizam este serviço e diz que os homens poucas vezes lá vão, já que na maior parte dos casos, fazem as suas necessidades no meio da vegetação, mas garante que nunca ninguém reclamou por pagar. Na altura presenciamos uma situação em que duas senhoras de Braga que utilizaram pela primeira vez esta praia e estas instalações sanitárias, ficaram maravilhadas com o perfume dos detergentes utilizados na limpeza e lá teve o senhor Adolfo que conseguir saber as marcas e o local onde a autarquia os adquire, para transmitir aquelas senhoras, que certamente os vão passar a utilizar nas suas próprias residências. Alguns dos utentes destes serviços por nós contactados, para sabermos a sua opinião sobre o pagamento e a limpeza, todos foram unânimes em afirmar que o serviço merece mais que os 25 cêntimos, pois está tudo muito limpo e higiénico, o que desde logo deixou o senhor Adolfo bastante satisfeito.

        

Agora e com uma etapa de Surf a realizar nesta praia, a Câmara de Viana, colocou junto ás instalações sanitárias existentes, quatro casas de banho amovíveis, duas para homens e duas para mulheres, no entanto acontece que logo nos primeiros dois dias e porque a sua utilização era grátis, as sanitas esgotaram logo a sua lotação e quando se abria a porta o cheiro era bastante. Sobre esta situação, Adolfo mostrou logo a sua indignação, por aquelas estruturas terem sido colocadas naquele local, porque diz que já sabia que não iria haver a manutenção e muito menos ao fim de semana, dizia-nos que tudo aquilo era o pior que se podia fazer a uma praia de bandeira azul e por onde passa tanta gente. Comprovamos que de facto tudo aquilo se pautava por uma situação nada higiénica e mal cheirosa, em que muitas pessoas se lhe dirigiam e ao abrirem a porta desistiam logo de utilizarem estes serviços, no entanto passados três ou quatro dias, foi feita a manutenção e limpeza dessas casas de banho, mas ou são mal utilizadas, ou tem pouca capacidade de armazenamento, pois voltamos dias depois a visitar o local e as condições degradantes repetiam-se.  Adolfo, diz-nos que foram muitos aqueles que utilizavam as suas casas de banho e que reclamavam pela colocação daquelas amovíveis, em que se ventilava que só ali foram colocadas, para servirem de apoio ao Surf, pois durante o mês de Agosto é esperada uma maior afluência de atletas a esta praia, devido aos vários campeonatos internacionais que ali vão ter lugar. Em visita guiada pelo senhor Adolfo, visitamos todas as instalações sanitárias da praia da Arda e pudemos comprovar que existe limpeza e higiene, logo que há uma utilização, é feita a limpeza com esfregona agua e detergente e não fica uma só areia, o mesmo acontece na parte dos banhos. Já registou mais de 40 utilizações diárias, agora a media baixou para as 15 ou 17, mas diz que também há menos gente na praia.

    ENTREVISTA, COM ADOLFO CARVALHO.   

Dias depois, voltamos a falar com o senhor Adolfo:

           

AD-Senhor Adolfo, Há quantos anos está aqui á frente destes balneários:

Adolfo.- Eu estou há cinco anos, eu estou aqui desde o tempo que o Zé tinha ali o bar, eu vim para cá, quer dizer a  minha mulher é que tem o trabalho, mas fazemos os dois, umas vezes eu, outras vezes ela e até outras os dois, porque isto dá muito trabalho, temos que ter sempre tudo limpo.

      

AD: --Há muito movimento  todos os dias.

Adolfo: Não, não, a principio sim, não parávamos era sempre a dar-lhe, porque as pessoas utilizavam mais isto, até chegaram a vir cá jogadores de futebol, agora não, olha ontem vieram cá três pessoas, o tempo também não ajudou muito, é a crise as pessoas não vem de ferias e também não querem pagar e por isso não vem, vão ao meio das australias.

AD:- que é que as pessoas dizem quando vem cá:

Adolfo:- Não dizem nada, eu nunca tive uma reclamação grande, já tive conversas com alguns homens que me diziam que se não devia pagar, mas muitos para urinarem nem sequer precisam de cá vir, não é. As senhoras é que não reclamam, mas também nunca me disseram que não estava tudo limpinho como deve ser.

AD:- Quem utiliza mais estas instalações, são os Portugueses ou os estrangeiros:

Adolfo:- É capaz de serem os Portugueses, mas também há muitos estrangeiros que cá vem, olha hoje foi tudo Portugueses.

AD:- E como é que faz para dizer aos estrangeiros que tem que pagar 25 cêntimos.

Adolfo:- Tenho que  os fazer compreender e se não conseguir que eles compreendam, aponto para a placa em cima da porta e eles compreendem logo, por vezes vem cá sem dinheiro, mas depois vão buscar e nunca ninguém ficou a dever.

AD:- Qual é o maior movimento, é nos banhos ou nas casas de banho:

Adolfo:- Olha que nem sei, durante o dia, são as casas de banho, mas ao fim da tarde são os banhos, pois tudo sai da praia e quer tomar banho. Ora agora tem havido muitos banhos, porque como está a decorrer o campeonato de Surf até ao dia 16 e recebi ordens, que os surfistas que se  identifiquem que estão a participarem no campeonato, não pagam e assim há mais banhos, ai isso há mais, mas quando for o campeonato em que vem os estrangeiros no dia 16, então isso vai haver aumento.

          

AD: -Disse-me que agora há menos gente a utilizarem estas instalações, porque é  que isso acontece.

Adolfo:- Olha a principio quando eu vim para aqui, havia ali o bar do Zé, tu nem sabes o movimento que o bar dava aqui e depois havia muita segurança, estava sempre ali gente e o bar a funcionar fazia vir cá gente que agora não vem. Olha muitos até nem sequer vinham para irem para a praia, vinham até ao bar, bebiam um copo faziam despesa e movimentavam este sitio, depois tiraram o Zé daqui e olha isto ficou pior é só austral ias, até mete medo. Quando o Zé tinha o bar, vinha cá gente importante, vinham ver os das pranchas, vinham passar a tarde e dava gosto estar aqui, agora atiraram o Zé lá para baixo e isto aqui perdeu muito.

AD:- Mas há menos gente nesta praia ou não, em relação aos outros anos:

Adolfo: -Há menos gente, não vês, isto dantes era tudo cheio de carros até lá cima á estrada e agora só há carros no parque,  é a crise, é a crise, tem sido fraco, agora é o surf, mas mesmo assim é pouca gente.

AD:- Esta aqui desde quando, Junho?

Adolfo:- Estou desde 15 de Junho, foi quando abriu a época, mas em Junho pouca gente veio á praia, o tempo também não ajudou, mas o Junho é sempre muito fraco, as pessoas ainda não estão de ferias.

AD:-E em Julho, foi melhor em gente na praia.

Adolfo: -Pouco melhor foi a partir de meio de Julho, começou a aparecer mais gente, mas mesmo assim foi pouca, mas também  agora puseram isto aqui e não se paga é gratuito (trata-se da colocação de casas de  banho amovíveis colocadas pela Câmara) e as pessoas vão todas lá, mas vai ver como aquilo está, vai lá abre a porta e vai ver tira fotografias, aquilo está desde ontem e hoje já estão cheias até cima.   Não se paga e as pessoas vão todas para lá, mas limpeza é zero, mas eles querem assim, é assim.

                

AD:- Aqui as pessoas já reclamaram este ano pelo pagamento.

Adolfo:- Não por reclamar está tudo bem, querem é serem bem servidas e estando sempre tudo como deve ser, não podem reclamar, a Junta quer que o serviço seja de qualidade e nós fazemos por sermos os melhores eu quero que estas sejam as casas de banho mais limpas de todas as praias. Já passaram aqui a ASAE duas vezes, a Delegação de Saúde duas vezes, mas aqui está tudo bem, cheira bem está sempre tudo impecável e não encontras melhor limpeza que aqui, vai ver, vai ver e depois diz.

AD:- Vocês estão sempre a fazer limpeza, quando há utilização das casas de banho ou chuveiros?

Adolfo:- Isso é sempre, alem de quatro a cinco limpezas gerais que fazemos por dia, vai uma pessoa, nos limpamos, vai outra pessoas voltamos a limpar, tem que ser assim senão não se consegue prestar um bom serviço.

AD:- Quem é que mais utiliza estes serviços, são os Portugueses ou os estrangeiros.

Adolfo: -há mais Portugueses, os estrangeiros são menos, também não se vêem por cá muitos estrangeiros, a não serem os surfistas e ainda hoje tivemos aqui um problema. Faltou a agua e as pessoas queixaram-se, eu disse logo sem agua, não pode utilizar as casas de banho, eu só queria saber quem fechou  a agua, porque telefonei logo para o presidente da Junta e para o Artur e ele veio de propósito de Barcelos para resolver a situação, mas quando ele chegou já havia agua, eu só queria saber quem fechou a agua, nós sem agua não podemos trabalhar.

AD:- As pessoas vão mais aquelas casas de banho que a Câmara colocou ali ao lado?

Adolfo:- Vão, vão olha ali não pagam, mas também é uma sujidade, ás vezes as pessoas não querem dar 25 cêntimos e depois encontram aquela sujidade e sujeitam-se, até pode ser perigoso para a saúde.

AD:- Então o Julho foi também fraco para a praia.

Adolfo:- Tem sido sempre uma altura fraca  eu não sei porque é, mas é a falta de dinheiro, não há dinheiro e as pessoas vão para onde é mais barato, não há gente e assim as casas de banho não podem funcionar.

AD:- O seu serviço é só nas casas de banho, ou tem mais que fazer na praia.

Adolfo:- Eu tenho as casas de banho e limpo todo o parque e apanho o lixo, este ano até há muito pouco lixo no parque, há muito pouco, também há os sítios para meter o lixo, mas mesmo assim há muito pouco lixo.

AD:- e o Agosto que espera que seja, com mais gente, mais trabalho, ou vai continuar tudo como até aqui.

Adolfo:- Não sei, não sei, da maneira que vejo isto, não me parece que venha mais gente, mas também vai haver o campeonato de Surf e vai vir gente de muito lado, mas não sei se o Agosto será  melhor, para mim era bom que tivesse muito trabalho, pois assim era da maneira que havia muita gente na praia, vamos ver mas não acredito muito.

AD:- Muito bem senhor Adolfo, lá para o fim da época vamos voltar cá para saber-mos como foi o Mês de Agosto.

No entanto concluímos que os 25 cêntimos pagos por cada utilização dos serviços sanitários, são aceites por todos em geral e até alguns deixam o troco, verificamos no local que o serviço prestado aos utentes é do melhor que se vê em qualquer lado. Ora condenamos a colocação  das  casas de banho colocadas ali ao lado, pois só não fotografamos por respeito aos nossos leitores, já que não são dignas de uma praia como a da Arda, já que estas ficam com a lotação das sanitas esgotadas, certamente por deficiência da limpeza com agua após a sua utilização. Mais valia as pessoas servirem-se do meio da vegetação, que ficar aquela situação pouco digna á vista de todos.

15 de AGOSTO de 2009 

Afife Noticias Informação

 

 

 

 

casino afifense, com bar renovado

 

 

BAR  DO CASINO, RENOVADO.        

 

         

Depois de algumas semanas de obras, reabriu de cara lavada o bar do Casino Afifense. Este foi mais um encargo que a direcção teve que arcar, mas que era uma obra que precisava de ser feita, assim a direcção resolver dar uma imagem diferente a este espaço da associação. Para tal, foi colocado um novo piso, foi retirada a floreira, foi nivelado  todo o piso do bar, bem como foi dado um arranjo e pintura ás paredes. As paredes agora ficaram pintadas de cor de rosa e vermelho, foi ainda colocado um novo balcão e mobiliário, que dão um toque diferente a todo este local, muito frequentado pelos associados.

A direcção do Casino, tem entre mãos  outras obras, como é a conclusão do salão nobre em estuque decorativo e artístico, obra esta que só ainda não foi concluída, dado a falta de verbas, pois trata-se de uma obra de despesas acrescidas e de grande envergadura.

              

 É ainda intenção da direcção, proceder á recuperação das janelas do edifício que mostram em algumas partes, sinais de envelhecimento. Quanto a estas obras agora concluídas, não são como sempre acontece ao gosto de todos, já que foram vários aqueles que ouvimos, uns a favor outros a discordarem da cor ou outros pormenores.

Certamente que todos se vão habituar a esta nova imagem da bar da associação e aqueles que agora discordam, vão acabar por se habituarem e assim dar valor aquilo que agora foi feito.

15 de Agosto de 2009

Afife Noticias Informação

 

Pág. 1/7

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

CONTADOR

Contador Gratis

Favoritos

Links

.

  • .

.

  • .

.

  • .
  • .

.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

on line


contador de visitas