Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

...

AFIFE DIGITAL   

  SEMANÁRIO ON-LINE DE AFIFE                

EDIÇÃO ACTUALIZADA AOS SÁBADOS PELAS 21H30    

EDITADO POR AFIFE NOTICIAS                       

ENVIE-NOS NOTICIAS PARA E-mail:               

 afifenoticias@sapo.pt

*  Andebol, Afifense  venceu em casa a formação do MONTE.  

*  ESTE DOMINGO O PAÍS VAI A VOTOS, AS SECÇÕES DE VOTO EM AFIFE, FUNCIONAM NO EDIFICIO ESCOLAR.  

*  Foram menos 50 mil veraneantes nas praias de Afife, durante a epoca balnear.     

*  Caminho das Baganheiras, vai ser concluido na proxima semana .  

*   .  

  *  Associação Desportiva Afifense, inicia a epoca de atletismo a 1 de Outubro e tem abertas inscrições para novos atletas.

.. 

 *  SAIBA TODOS OS RESULTADOS ELEITORAIS NA HORA  CLICANDO EM NOTICIAS EM TEMPO REAL.  

 *   Obras de requalificação da praia da Gelfa, já se iniciaram com uma demolição e marcações da obra.    

*   

 *     

***********************************************

CLIK  _--------------para saber as ultimas em NOTICIAS EM TEMPO REAL ou em REGIONAIS

 

 NOVAS NOTICIAS  EM  --NOTICIAS EM TEMPO REAL 

 

 NOVAS  NOTICIAS do ALTO MINHO EM  --  NOTICIAS DA REGIÃO       

 

    NÃO  HÁ --  Noticias em NECROLOGIA     

                 **************************************************

 

    ***********************************************************************

 CASA DO POVO EM OBRAS.      

       

 A direcção da Casa do Povo de Afife, está a efectuar obras mo edifício, onde funciona o Infantário, posto medico e de enfermagem. As obras centram-se na cobertura, onde está a ser colocada telha nova, assim como isolamento adequado em toda a cobertura. As obras já se encontram em fase adiantada, estando agora os trabalhos centrados na parte central do edifício. Este edifício inaugurado nos anos 60, é da autoria do arquitecto Afifense (já falecido) Silvestre Lomba, que projectou este edifício com o enquadramento de uma casa rural, afim de melhor se enquadrar na freguesia. Tudo aconteceu numa altura em que havia um projecto  uniforme para todas as Casas do Povo e que passava pelo tipo de pavilhão, como em Soutelo. Aqui há que louvar todos os elementos que compunham a direcção na altura e a ajuda preciosa de Silvestre Lomba, que pugnou para a construção de um edifício que se enquadrasse naquele local, que é um sitio importante da Freguesia e mesmo central. Assim é caso para se dizer, que foi deita obra, pensada, conseguida e enquadrada.

Agora imagine-se que o Silvestre Lomba, não fosse o arquitecto da obra, que a direcção estivesse mais interessada no edifício que no seu enquadramento, hoje teríamos ali um pavilhão tipo fabrica com cobertura de lusalite, desenquadrado com o local e ferindo a vista de quem passa.

Assim há que louvar esta gente que escolheu bem o  que era melhor para a Freguesia e ainda nos dias de hoje, este edifício, suporta algumas alterações interiores que são possíveis dado a qualidade do projecto.

.

26 de Setembro de 2009 

Afife Noticias Informação

 

 

 

  

EPOCA BALNEAR EM AFIFE

-

EPOCA BALNEAR EM AFIFE, COM MENOS VERANEANTES.

                  

Finalizou a época balnear e as praias de Afife, continuam a ser aquelas que registam a maior afluência do distrito, muito embora este ano se tivesse a nível geral registado uma quebra de veraneantes. As causas apontadas, são o tempo de crise, acrescido com a oferta mais em conta para outros destinos e ainda o tempo instável que retirou em vários dias da época, milhares de veraneantes. Em Afife em balanço final e segundo o estudo feito no terreno em mais três quilómetros de praia e avançado pelo Afife Digital, aponta para uma quebra de afluência às praias registada nos três meses de verão, o que em números gerais aponta para menos 50 mil veraneantes que o ano anterior. Esta quebra nota-se em todos os meses da época balnear, embora em Agosto as diferenças tivessem sido menores, comparativamente à época anterior.

                  

                                         JUNHO   

Em referência ao mês de Junho e tendo em conta o inicio da época balnear que foi o dia 15, foram cerca de 20 mil aqueles que passaram pelas praias de Afife, tendo em conta dez praias da freguesia. (praia dos Seixos, praia da Carrasqueira, praia das Mós, praia do Porto, praia da Ínsua, praia de Piares, praia do Caracol, Praial, praia da Arda e praia do Bico.) A praia que mais gente movimentou durante esse período foi a da Arda, com 10 mil veraneantes e com o pico registado no dia 14 (domingo) com 5 mil veraneantes, onde a temperatura chegou aos 27 graus. De realçar que em Junho só são tidos em conta os dias a partir da abertura da época balnear. Durante este periodo registou-se vento de norte em regime de nortada em muitos dias, algumas manhãs de nevoeiro e mesmo periodos de chuva.

JULHO 

                

O mês de Julho, foi igualmente de fraca afluência, em termos comparativos com o ano anterior, dado a instabilidade do tempo com chuva e dias de vento, muito embora as duas últimas semanas tivessem tido uma afluência significativa, dado uma substancial subida da temperatura e melhoria das condições atmosfericas. Assim e durante este mês, foram mais de 74 mil (88 mil em 2008) os veraneantes que frequentaram as praias, tendo a da Arda voltado a ser a mais movimentada. Os picos de afluência durante este mês, aconteceram no dia 26, onde estiveram mais de 10 mil veraneantes nas praias de Afife. Durante este mês, aconteceram dois fins-de-semana de 11-12 e 18-19, em que não foi registada afluência devido à chuva e tempo nublado. Este mês registou-se uma vez mais o regresso de turistas Belgas, que tal como havia acontecido o ano anterior, parece estarem de regresso às nossas praias.

AGOSTO

O mês de Agosto como acontece habitualmente regista sempre uma maior afluência em relação aos meses anteriores, mas a afluência mais significativa fez-se sentir a partir do dia 11, dado a subida da temperatura e aproximou-se das afluências de 2008, já que foram mais de 212 mil aqueles que frequentaram as praias de Afife em que quase todos os dias foram de bom tempo e temperaturas agradáveis, à excepção do dia 25 em que choveu. Os picos de afluência aconteceram no dia 16, com mais de 11 mil veraneantes contabilizados nas praias de Afife e a praia da Arda, voltou a ser aquela que registou maior afluência. Quanto a resultados finais relativos à época balnear de 15 de Junho a 13 de Setembro e tendo em conta as praias, dos Seixos, Carrasqueira, Mós, Porto, Ínsua, Piares, Caracol, Praial, Arda e Bico, dão-nos conta que comparativamente ao ano passado valores bem mais baixos nas afluências de veraneantes e que se fizeram notar essencialmente em Junho e primeira metade de Julho.

AS PRAIAS 

Afife contou com duas praias de Bandeira Azul, Arda e Caracol, em que todas as análises realizadas nos últimos cinco anos, são de boa qualidade, tanto nas águas como nas areias. As 10 praias existentes em Afife, todas elas registaram afluências embora as de bandeira azul tivessem sido as mais preferidas. A praia da Arda, volta a ser escolhida pela gente jovem e desportos radicais, que contou com uma etapa do campeonato do mundo de surf e campeonatos a nível nacional e dado a sua extensão, é aquela que suporta mais veraneantes. A praia do Caracol registou uma afluência de veraneantes Belgas, Espanhóis e Ingleses no mês de Julho, enquanto em Agosto foram os emigrantes que ocorreram em força, especialmente aqueles que se encontram em França e na maioria dos casos apetrechados de malas térmicas, faziam a refeição no areal.

                      

A praia da Ínsua, foi a terceira mais movimentada e esta praia vem a ganhar adeptos, já que se registou uma afluência que supera a do ano transacto. Quanto às outras, destaca-se a praia dos Seixos, a norte da Freguesia e com melhor acesso a partir de Ancora, teve uma afluência significativa, com a prática de nudismo, situação contestada por muitos, tal como aconteceu com a praia do Bico.

OS ACESSOS.

                            

Os acessos ao areal das praias de Afife, deixam, muito a desejar, já que os passadiços se apresentam degradados, com difícil acesso na sua parte final e quase de impossível acesso a uma pessoa com deficiência física, muito embora tenham sido recuperadas algumas partes. No tocante ao acesso viário, as dificuldades sentidas, aconteceram no caminho de acesso à praia da Arda, que devido ao estacionamento por vezes nas duas bermas, originou grandes complicações de trânsito. Quanto a estacionamento, este ano não foram registadas muitas situações complicadas, já que embora um pouco mais distante, as pessoas lá foram encontrando locais para deixarem a sua viatura.

AS QUEIXAS

As queixas também se fizeram sentir, primeiramente pela dificuldade ao areal através dos passadiços e a partir de meio de Agosto a colocação de quatro casas de banho amovíveis na praia da Arda, deixaram os utentes desta praia descontentes, já que estas logo esgotavam a sua capacidade de armazenamento e ficava ali uma situação de mau cheiro e uma imagem degradante.

                    

Algumas chamadas de atenção, foram ainda para o policiamento, que este ano, não se viu, embora não tivesse sido registada qualquer anormalidade em toda a área de praia. O encerramento do restaurante da praia do Caracol, também deixou desagradados muitos dos utentes desta praia.

O ESTACIONAMENTO  

Quanto ao estacionamento este ano as dificuldades não foram muito acentuadas, relativamente à praia do Caracol, já que só uma vez se registou a ocupação do passeio em toda a sua extensão. Os automobilistas optaram por estacionarem os seus veículos em locais mais distantes da praia e assim resolveu-se o problema do estacionamento em cima dos passeios, que complicava assim a circulação naquela via. Pior, foi o caso do acesso à praia da Arda, onde se criaram problemas complicados de circulação, dado o caminho ser de largura reduzida e muitos estacionavam em ambas as bermas, impossibilitando assim a passagem de um carro pelo outro, tendo muitos sido obrigados a fazer manobras complicadas, no meio de toda aquela confusão.

LIMPEZA E HIGIENE   

                    

Nas instaloações sanitarias das praias de Bandeira Azul a sua utilização, custava uma taxa de 25 centimos, mas haviam todas as condições higienicas.

A limpeza, que foi garantida pela Junta de Freguesia, não teve reparos, já que era feita com frequência a limpeza do areal com meios mecânicos e manuais, assim como a recolha do lixo depositado nos receptáculos espalhados pelo areal.   As areias mantiveram-se sempre  em optimas condições, dado as frequentes passagens dos meios mecanicos. Quanto aos sanitários, estes das praias com bandeira Azul, era cobrada uma taxa de 25 cêntimos por cada utilização, tiveram uma utilização mais reduzida, especialmente na praia da Arda, pois muitas pessoas para não pagarem, serviam-se do matagal em redor da praia.

                                  

No entanto e em ambos os casos, não foram registadas reclamações pelo pagamento e até houveram elogios, pela qualidade daqueles serviços, que sempre mostraram todas as condições higiénicas. A maior parte das pessoas que utilizavam estes serviços, foram as senhoras, que sempre se mostraram agradadas com o serviço.

                                               AFLUENCIAS  

                                                   2009

Veraneantes contabilizados, no conjunto das 10 praias, por cada mês: 

JUNHO  

JUNHO. ------- mais de ----------------------------------- 20.000

O mês de Junho refere-se aos últimos 15 dias.

Pico de afluência, dia 14 mais de 7.000 veraneantes contabilizados.

Praia da Arda contou com mais de   ----4000

Caracol- mais de ----------2.000

Outras—mais de -------  -1.000

Media relativa a 10  dias  de afluência, foi de 2000 veraneantes dia.

JULHO 

JULHO---- ---- em 4 sábados mais de—        ----------14.000

MEDIA      Mais de   --- 3500 veraneantes por sábado   

                            3 Domingos mais de –-------------- 10.000

MEDIA        Mais de   ---  3300 veraneantes por domingo

 

Dias de semana mais de-------------------------------   50.000

 Media   Mais de 2600 veraneantes por dia de semana.

Pico de afluência, dia 26 mais de ---6.500 veraneantes

Total de veraneantes em Julho foi mais de---------  74.000

(dias 12 e 17 choveu e não foi registada qualquer afluência ás praias)

Dias de semana, que contou com 4 dias de chuva, onde não se registou qualquer afluência às praias,

MEDIA dia de Julho, foi de mais de  3700  veraneantes.

                                       

AGOSTO 

5 Sábados, mais de  ---------------            22.000 veraneantes contabilizados

5 Domingo, mais de --------------              30.000

20 dias de semana contabilizados—     160.000

MEDIAS:    Por sábados de Agosto, mais de   4.400 veraneantes.

                    Por domingo de Agosto, mais de    6.000 veraneantes

Media geral de Agosto  foi de mais de ---------7.000  veraneantes dia

TOTAL de veraneantes contabilizados em Agosto:  212.000

Pico de afluência, dia 16, mais de 11.000 veraneantes.

                                              SETEMBRO 

Contabilizados que foram12 dias, até ao encerramento da época balnear, registou-se uma acentuada quebra de afluência de veraneantes, tendo sido contabilizados durante estes dias mais de 6.000 veraneantes, pelas praias da Ínsua, Caracol e Arda.

O pico registou-se no dia 13, com 1800 veraneantes no conjunto destas praias.

DADOS GERAIS:  

JUNHO-------     20.000       veraneantes

JULHO ------      74.000                                                                            

AGOSTO----    212.000                                    

SETEMBRO---      6.000                                         

Total de veraneantes contabilizados em 2009          312.000                                

Total de veraneantes contabilizados em 2008     - --360.000

Todos os dados recolhidos no terreno, aconteceram diariamente, entre as 15 e as 16horas, em todas as praias. 

CARROS  

Contabilidade de carros estacionados por praia, dados recolhidos aos domingos e tido como referencia o dia 16 de Agosto:

PRAIA DA ARDA:

         

Parque---------------------- 1000

Caminhos da veiga--------2.040

 Na praia do Caracol: 

Parque-- ------- ----------------          300

Parque do rio------------------          400 

Estrada l praia lado norte ---          70

Caminho para sul ao rio -----    250

Estrada a norte -------------      215

Caminhos da veiga------------  150

ÍNSUA       

Parque------------- -----------  70

Caminhos-------   ----------  200

Estrada nascente-------------40

Parque dos salmões---- --- 30

Caminho-----------------  ---108

Caminho da Ínsua ao Caracol---- 160

Outros locais mais distantes----  -170

Neste dia foram contabilizados ----- 3200 carros nas áreas de praia, não sendo contabilizados aqueles que estavam fora da área geográfica da Freguesia e onde se presume que os seus ocupantes frequentassem as praias de Afife.

                   

OCUPAÇÃO.    

Foi igualmente fraco ano para as pessoas que regularmente alugam casas a turistas, já que foram muito poucos aqueles que conseguiram alugar e aqueles que alugaram, foi com turistas habituais. As unidades do ramo de hotelaria, consideram que os níveis de ocupação estiveram abaixo do habitual, no entanto uma unidade turística da freguesia, diz não se queixar muito, já que os níveis de ocupação foram de certa maneira significativos, embora com clientes que não ficavam mais que quinze dias. Quanto ao turismo de habitação e são varias as casas existentes na freguesia, a época foi das piores, pois os níveis de ocupação foram fracos, já que os estrangeiros, que são aqueles que mais frequentam este tipo de turismo, vieram em numero muito reduzido. Quanto aos restaurantes, dizem ter sido notada a crise, pois trabalharam menos que aquilo que era habitual nesta altura. Um dos restaurantes que mais refeições serviam em Afife, era o da Praia que foi encerrado pela ASAE, ainda antes da abertura da época balnear e não mais abriu.

26 de Setembro de 2009

Afife Noticias Informação

                                                                               

 

escola de afife

ESCOLA DE AFIFE É UM EDIFICIO SECULAR.                             

      

 

O edifício escolar de Afife, completa este anos um século da sua construção e precisamente 100 anos depois, vai ser beneficiado com a sua requalificação e adaptação aos tempos que correm. A Câmara Municipal de Viana já lançou o concurso para a requalificação e ampliação, que implica um investimento na ordem dos 425 mil Euros num dos poucos exemplares do arquitecto Adães Bermudes, estando este edifício classificado, como escola de valor patrimonial nacional. Esta escola foi construída  no ano de 1909, sobre a orientação arquitectónica de Adães Bermudes, sendo uma referencia no país das primeiras escolas da Republica. Esta escola é classificada como Escola de Valor Patrimonial e no concelho de Viana é a única em actividade, embora a mesma classificação tenha sido dada à escola  da Igreja em Barroselas, mas esta está desactivada. A escola de Afife  integra o plano Centenário de Salazar, em que todas as escolas eram projectadas com o mesmo modelo.

O projecto integra a remodelação e adaptação do equipamento existente, que se mostra bastante degradado, tal como se pretende  com esta intervenção dotar o edifício com uma cozinha, que vai funcionar  com apoio ao serviço de catering , um refeitório, espaço de apoio com condições higienizadas de funcionamento, instalações sanitárias adequadas e uma biblioteca-mediateca. No primeiro piso vão ser mantidas as salas existentes, enquanto que uma vai ser dividida, passando um espaço a funcionar como cozinha. Também no primeiro andar será instalada a biblioteca e haverá ainda um recreio coberto e fechado. As obras vão ter inicio aquando as ferias da Pascoa e as aulas a partir daí, serão dadas nas estruturas do polidesportivo de Cabanas.

-

26 de Setembro de 2009  

Afife Noticias Informação

 

AFIFENSE, SOMA E SEGUE

AFIFENSE, TRÊS VITORIAS EM TRÊS JOGOS.   

             

 O Afifense venceu em casa a formação da A. C.DD. de Monte, de Aveiro por 28-20, na terceira jornada do nacional de andebol da terceira divisão e até ao momento conta por vitórias os jogos realizados., ocupa agora a primeira posição na classificação, com os mesmos pontos que o Callidas. Esta foi uma partida onde o Afifense se viu desfalcado de alguns jogadores influentes, como o Pedro Borges, sendo a primeira parte pautada por um certo equilíbrio, embora com o Afifense estivesse sempre à frente no marcador. No entanto ainda se assistiu a uma primeira reacção do Monte entre os 4 e os 10 minutos, em que chegou a estar à frente do marcador. O Afifense viu-se ainda impossibilitado durante largos minutos de contar com o João Pedro, devido a um corte e que teve que ser assistido fora e teve alturas em que jogou em desvantagem numérica de dois jogadores. Na baliza e grande parte da primeira parte esteve a cargo do Ricardo Fontainhas, que defendeu dois livres de sete metros e fez algumas boas defesas. Quase no final da primeira parte entrou Romeu, que em grande forma e com a sua experiencia proporcionou grande espectáculo com magnificas defesas, o mesmo pode-se ainda dizer do guarda redes contrario. Já perto do final entrou o terceiro guarda redes, Ricardo Cunha, que foi logo excluído, pois dada a sua pouca experiencia no andebol, já que era guarda redes do Futsal, ao fazer uma boa defesa festejou gritando virado para o jogador contrario, o que lhe custou uma exclusão. No entanto o Afifense foi para intervalo a ganhar por 15-12. 

A equipa do Monte, mais pesada e experiente, causou algumas dificuldades em contra ataques rápidos e remates de primeira linha, mas valeu a prestação dos guarda redes do Afifense, que se mostraram sempre muito seguros. Na segunda parte, o Afifense que partiu com três golos de vantagem, entrou determinado e houve espectáculo por parte de ambos os guarda-redes que defendiam tudo aquilo que era possível e foram 15 minutos onde só se marcaram cinco golos. Os últimos quinze minutos foram determinantes para o Afifense, que devido a uma melhor frescura física, conseguiram dilatar o marcador e controlar a partida.

QUEM MARCOU OS GOLOS: 

Tiago----------------7

João Pedro--------- 6

Castro---------------6

Hugo----------------3

Sandro------------- 2

Henrique -----------2

Marcio--------------1

AMARELOS                

Sandro      Tiago     João Pedro

EXCLUSÕES de 2 minutos:

Tiago----------  2

Sandro--------   1

Joaõ Pedro----- 1

 O EVOLUIR DO MARCADOR EM CADA 5 MINUTOS: 

    1ªparte                                        2ª parte

5m  -----    2-3                                 16-13

10m ----     6-4                                 17-14

15m ----     7-5                                 19-16

20m ----   10-7                                 20-17

25m ----   12-9                                 24-18

30m ----   15-12                                28-20

RESULTADOS                                

Afifense-28    Monte -  20

Callidas - 30    Azurara -18

Fermentões 27  Santana- 27

Gondomar -  22  Leça -24

Ílhavo - 31    Estarreja - 25

    CLASSIFICAÇÃO.         

1-Callidas---------9

2º-Afifense---9  

3º-Santana------ 8

4º- Ílhavo   ------7

5º-Leça---------  7

6º-Gaia---------- 7

7º-Monte ------- 5

8º-Gondomar---- 5

9º-Azurara----    5

10º-Fermentões--4

11º-Infesta-------3

12-Estarreja----- 3

O QUE DISSERAM OS TREINADORES:       

Começamos por ouvir C.ábé, o treinador Afifense:

AD:- Cábé esta  e com estes números é uma vitoria moralizadora;

C.ábé:- É a partir de agora vamos jogar jogo a jogo, começamos o campeonato  motivados, começamos com tres vitorias como tu disses-te, a equipa está coesa, está a subir. Hoje notou-se que um jogador influente teve que sair que foi saturado num sobrolho com tres pontos  e a equipa correspondeu  até porque tivemos que utilizar outro central, já que o Pedro Borges este fim de semana não pode dar o seu contributo à equipa, fiquei assim sem nenhum central de raiz, o cartão do jogador que podia jogar a central tambem ainda não veio, que é um jogador novo, mas mesmo assim a equipa soube superar as dificuldades e comandar o marcador até ao intervalo. Depois na segunda parte, tivemos um periodo de desconcentração, num periodo em que não estivemos tão bem, mas a equipa está bem está a trabalhar bem os jogadores estão motivados e conseguimos por em pratica aquilo que sabemos fazer e ganhar, o que acabou por se tornat facil.

AD:-A 15 minutos do fim foi uma altura em que o Afifense se distanciou no marcador, isso fica a dever-se a uma melhor frescura fisica do Afifense.

Cábé:- Sim tambem e se tu reparares o Afifense tem uma equipa mais nova, muito mais leves muito mais rapidos  e estamos a trabalhar bem à semana e isso depois nota-se ao fim de semana. O Monte é uma equipa mais pesada com mais idade e as coisas não lhes correram bem e começaram a não correrem,  são jogadores que gostam pouco de correrem para trás e nos corremos mais e por isso conseguimos dilatar o resultado.

AD:-   Os guarda redes mostraram estarem em grande plano.

C.ábé:- Sim o Romeu já todos nós conhecemos que quando está motivado faz grandes jogos, hoje fez para aó 13 14 defesas durante o jogo o guarde redes deles é de grande envergadura e nós na segunda parte começamos a falhar os remates, não sei talvez algum receio, falei com eles e disse-lhes que tinhamos que assumir o jogo e depois as coisas começaram a correrem bem.-

AD:-   Agora será uma deslocação ao Leça, vai ser uma partida dificil.

Cábé:- O Leça é sempre uma equipa complicada, é uma equipa que nos conhece bem, são sempre jogos muito equilibrados com muita rivalidade, embora tenhamos num lado e noutro amigos é um clube que está em parceria em todo o trabalho que faz, mas são sempre jogos equilibrados e nós aqui na nossa apresentação vimos  que foi um jogo equilibrado em que perdemos por dois e lá vai ser complicado, porque jogar em Leça nunca é facil. 

SEGUIDAMENTE OUVIMOS O TREINADOR DO MONTE,  JOÃO MARQUES .    

AD:- que  comentario se pode fazer aquilo que foi estejogo.

JM:- O Afifense entrou muito bem no jogo, teve uma defesa muito coesa uma defesa de 6-0 muito agressiva  forte e que nos dificultou muito a nossa maneira de jogar e a nossa acção atacante e quando se perde por oito golos, não se pode dizer muito.

AD:- Os 15 minutos finais foram fatais para o Monte, foi o baixar os braços.

JM:-Eu penso que o atraso que nós tivemos, já que nos enganamos  no percurso, fomos ter a outro lado e não tivemos aquele tempo que haviamos de estar aqui a preparar o jogo e esse não o tivemos entramos nervosos e na segunda parte não conseguimos suster a pressão forte do Afifense.

AD:- O guarda redes do Monte mostrou estar em grande forma.

JM:- É um bom guarda redes, tem experiencia e está moralizado, na primeira parte não teve grandes ipoteses de brilhar, na segunda falou-se com ele tentou-se motivar  e ele  entrou bem, uma das coisas que eu tinha dito foi que se ele estivesse bem a equipa tambem ia estar bem, ora acontece que ele esteve só a equipa é que não esteve.

AD:- Conhecia já esta equipa do Afifense.

JM- Via a semana passada em Estarreja estudei mais ou menos a equipa mas esperava uma reacção diferente dos meus jogadores. se tivessem vindo os jogadores todos, se a equipa tivesse entrado bem  não diria que tivesse ganho o jogo, mas pelo menos disputava o jogo até final. Esta diferença de 8 golos acaba sempre por se justificar, a equipa adverssaria marca e quem está em campo quer sempre marcar mais, a minha equipa quebra e a partir daí é sempre mais facil marcar mais.

AD:- Quais vão ser os objectivos da equipa para este campeonato.

JM- Os nossos objectivos passam pela manutenção, queremos fazer uma boa promeira fase para depois entrarmos mais descansados na fase seguinte é que chegar á fase final é muito dificil.

 Sábado e para a quarta jornada, o Afifense desloca-se ao Leça, jogo que vai ter lugar às 21h30.

26 de Setembro de 2009

Afife Noticias Informação

QUIM BARREIROS EM ACTUAÇÃO

QUIM BARREIROS DEU CONCERTO NA INAUGURAÇÃO.                                     

         

Quim Barreiros, foi a grande atracção na inauguração das obras de requalificação do Parque Ramos Pereira em Vila Praia de Ancora. Foi um banho de multidão que encheu por completo o espaço a que a Câmara de Caminha apelidou de praça multiusos, inserido na obra.

           

O agora novo Parque Ramos Pereira de Vila Praia de Ancora, inaugurado, mas não acabado, possui parque infantil, com vários equipamentos para as crianças, há um espaço onde jovens e menos jovens se podem exercitar com alguns equipamentos, o parque multiusos, que é um espaço onde vão decorrer algumas actividades e realizações, como a feira do livro entre outras. Possui ainda 146 lugares para estacionamento, no entanto e para a obra ficar concluída, há ainda que construir o bar de apoio e sanitários, já que tudo está inserido no mesmo projecto.

                    

No meio da actuação do Quim Barreiros, que desde logo pôs toda a gente a dançar e a baterem palmas, procedeu-se a uma alocução da presidente da Câmara de Caminha que conjuntamente com o presidente da Junta de Freguesia da Vila subiram ao palco, recebendo até os aplausos de muitos presentes.

                    

Júlia Paula, que foi a oradora deu a conhecer a obra e as suas valências para a população local. Referenciou que a obra se realizou porque o povo assim o quis e que essa é uma obra de qualidade que não envergonha ninguém, pois considerou que aquele era um parque doente, porque as arvores de então estavam caducas e agora o parque vai ter um novo pulmão com arvores novas. Aproveitou ainda para criticar as obras de executivos anteriores, como o caso da ETAR que diz que segundo o estudo encomendado, revela que esta prejudica o rio Ancora e a própria Vila. Depois de feito o discurso a musica voltou e o Quim Barreiros lá foi apresentando os seus mais recentes trabalhos, pois ninguém arredou pé e até assim sendo, foi uma maneira bem pensada, já que obrigou todos a ouvirem aquilo que a presidente da Câmara queria transmitir.

-

26 de Setembro de 2009 

Afife Noticias Informação

PONTE ESTÁ A SER RECUPERADA

GRADEAMENTO DA PONTE, VAI SER           RECUPERADO.                              

                  

A Junta de Freguesia de Afife, vai finalmente conseguir a recuperação do gradeamento da ponte da Estrada Pedro Homem de Mello, depois de uma viatura ter embatido e causado estragos consideráveis na estrutura da ponte. O caso remonta a Janeiro passado, quando um condutor embateu contra o pegão de suporte do gradeamento, tendo atirado este para o rio e causado ainda outros estragos na parte granítica. Na altura o condutor pôs-se em fuga, mas foi detectado por uma testemunha que presenciou o embate. O caso transitou para o seguro e quando se pensava que o caso iria ser resolvido rapidamente, o seguro colocou problemas quanto aquilo a pagar e a autarquia teve que levar o caso para o contencioso.

   

Agora e passados oito meses a situação foi ultrapassada a companhia de seguros e a Junta de Freguesia, chegaram a acordo e a obra vai ser recuperada. Para tal foi já removida do local uma base em granito, para ser reparada, assim como o pegão e posteriormente será feita a recuperação do gradeamento em ferro fundido, em que parte desapareceu na altura, certamente levado pela corrente do rio, já que com o embate o gradeamento terá partido em pequenos pedaços. Neste momento a Junta de Freguesia sinalizou o local, para evitar o aproximar das pessoas e espera que brevemente o trabalho esteja concluído e a ponte recuperada.

26 de Setembro de 2009 

Afife Noticias Informação

 

AFIFENSES CHAMADOS A VOTOS

ELEIÇÕES LEGISLATIVAS, SÃO ESTE DOMINGO. 

Este domingo acontecem as eleições em que o povo vai eleger  os elementos que vão compor a Assembleia da Republica e o governo, que vai dirigir os destinos do País nos próximos quatro anos, ou assim se espera. Este ano a campanha eleitoral mais centrado nos meios de comunicação social, nomeadamente rádios e televisões, onde em debates e entrevistas os candidatos e os partidos tentaram convencer o povo em legar-lhe o seu voto. Agora a campanha tem moldes diferentes daquilo que em tempos foi habitual, como as pinturas em muros e espaços públicos, bem como a colagem desmedida de cartazes, em que por vezes não se respeitava o local, causando depois prejuízos que quase sempre depois eram arcados pelos prejudicados, que neste caso eram os donos das estruturas ou edifícios. A Câmara Municipal de Viana do Castelo, tal como o faz nas outras Freguesias do concelho, colocou os placards para que os partidos possam aí colocar os seus cartazes, mas pelos vistos estes nem sequer vieram a ser necessários, já que nenhum partido se interessou por colocar nesse local a sua propaganda. No passado domingo fomos saber se as pessoas estavam identificadas com o acto eleitoral e muitos ficavam confusos e até perguntavam se era para eleger a nova Junta de Freguesia, outros mais informados, diziam que eram sempre os mesmos candidatos que não valia a pena votar. Perguntamos ainda se sabiam onde seria o local de voto e aqui todos sabiam que nos últimos anos tem sido na escola,  pensam que agora vai voltar a ser, mas não tem a certeza. Quando perguntamos  em que secção de voto votavam, haviam dúvidas, mas diziam uns na última votei na parte norte, agora não sei, tenho que perguntar lá. Certamente que por falta de informação no local, que é a escola, ninguém vai deixar de votar, porque todas as informações são sempre prestadas pelos elementos que compõe as mesas de voto. Agora e para estas eleições, a freguesia não sentiu a colocação de cartazes e outros utilizados nas campanhas eleitorais e ainda bem que assim é, já que desta maneira tudo fica limpinho e não acontece como antigamente, em que os partidos colocavam a sua propaganda, mas passadas as eleições era a Junta de Freguesia que se via na obrigação de retirar todos os cartazes, porque quem os havia colocada, depressa se esquecia  de os retirar depois.

 

.
26 de Setembro de 2009
Afife Noticias Informação
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ATLETISMO

 ATLETISMO DA ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA AFIFENSE.

A secção de atletismo da Associação Desportiva Afifense, vai iniciar  os treinos dos seus atletas a partir do dia 1 de Outubro, com vista à nova época que se aproxima e vai iniciar com os corta-matos. De momento a secção tem abertas as inscrições para novos atletas e apela assim a todos aqueles que queira vir praticar esta modalidade, nas suas variadas disciplinas, que devem dirigirem-se à sede da ADA, nas instalações do pavilhão David Freitas, onde podem ser informados pormenorizadamente. A secção de Atletismo é dirigida pelo técnico principal, Jaime Fernandes, treinador conceituado que orienta os atletas nas várias disciplinas técnicas. A secção de Atletismo da ADA, vai contar com todos os escalões em actividade, virados para disciplinas de pista e estrada para seniores e veteranos, vai participar nos campeonatos de corta-mato a abrir  a época, além da pista coberta. Há atletas da ADA, que conseguiram na época passada, resultados de grande valor a nível nacional, assim como obteve vários títulos regionais. A secção de atletismo da ADA, no intuito de conseguir cativar mais atletas, colocou panfletos nos locais mais movimentados da Freguesia, indicando  as disciplinas  que podem praticar, assim como onde se devem dirigir.

-

26 de Setembro de 2009

Afife NoticiasInformação

 

COLONIA DE GAIVOTAS

COLONIA DE GAIVOTAS, FIXOU-SE JUNTO À FOZ DO RIO.                                                  

                 

 

Uma significativa colónia de gaivotas, pode ser vista junto à foz do rio de Afife, onde se fixou nas últimas semanas. Não era habitual ver-se por ali tanta gaivota no areal, mas é facto que estas resolveram agora no fim do verão ficar por estas bandas. A situação poderia ser preocupante, caso estivéssemos na época balnear, já que estas fazem as suas necessidades na areia, estas secam e misturam-se na areia e por tal podem ser prejudiciais para as pessoas. No entanto e porque avançamos para a época em que o tempo começa a ser mais húmido, esta situação não se torna preocupante, até porque em tempo de chuva dilui e lava as areias. Outra situação que se põe é o porque deste ajuntamento de gaivotas nesta área. Segundo pessoas que nos alertaram para a situação, dizem-nos que terá sido o local onde elas encontram mais facilmente alimentação, mas também nos adiantam que  pode causar poluição na área. Lembramos que durante a época de Inverno, tem sido habitual verem-se algumas colónias de gaivotas ao longo da nossa praia, no entanto concordamos que esta é bem mais numerosa que aquilo que tem sido habitual.

.

26 de Setembro de 2009    

 Afife Noticias Informação

 

...

AFIFE DIGITAL   

  SEMANÁRIO ON-LINE DE AFIFE                

EDIÇÃO ACTUALIZADA AOS SÁBADOS PELAS 21H30    

EDITADO POR AFIFE NOTICIAS                       

ENVIE-NOS NOTICIAS PARA E-mail:               

 afifenoticias@sapo.pt

 

 

*   Andebol, Afifense soma a segunda vitoria consecutiva.  

*  Duas listas, concorrem às proximas eleições autarquicas em Afife.  

*   Afife esteve em peso, nas festas de Vila Praia de Ancora.    

*  Idosos fizeram baile e desfolhada no Casino Afifense. .  

*   Epoca balnear fecha este comingo e para já em Afife o balanço é positivo .  

  *  Associação Desportiva Afifense, apresentou as suas equipas jovens que vão participat nos varios campeonatos.

.. 

 * Atletismo do Afifense, inicia a epoca a 1 de Outubro, data agendada para o inicio dos treinos.  

 *   Estão a ser feitos convites, para varios Afifenses, afim de ser constituida a nova comissão de festas de Santo Antonio de 2010.    

*   

 *     

***********************************************

CLIK  _--------------para saber as ultimas em NOTICIAS EM TEMPO REAL ou em REGIONAIS

 

 NOVAS NOTICIAS  EM  --NOTICIAS EM TEMPO REAL 

 

 NOVAS  NOTICIAS do ALTO MINHO EM  --  NOTICIAS DA REGIÃO       

 

  NÃO   HÁ --  Noticias em NECROLOGIA     

                 **************************************************

 

    ***********************************************************************

 

.

REUNIU A ASSEMBLEIA DE FREGUESIA DE AFIFE.                                

        

Reuniu a Assembleia de Freguesia de Afife, naquela que foi a ultima sessão deste mandato, contando com três pontos a fazerem a ordem de trabalhos. Registaram-se três faltas, de um elemento da lista independente, um da CDU e outro do PS, este último há várias sessões que não participa nos trabalhos. No período de antes da ordem do dia. Amaro Moreira perguntou em que pé é que se encontra o Polis do Litoral Norte, especialmente no que se refere a Afife e se foram contemplados os acessos, pois no prosjecto que lhe chegou às mãos, nada era referido quanto a acessos. Chamou a atenção para a praia da Arda, onde diz que se vão gastar milhares de Euros e tem um acesso que qualquer dia vai ser necessário colocar um semáforo já que não há condições para passar um carro pelo outro. Considerou ainda que os acessos são uma vergonha, são da patuleia e que a praia da Arda com este investimento merece um acesso melhor, assim pergunta o que vai ser feito em termos de acessos. 

                 

 O presidente da Junta Arlindo Sobral, deu a conhecer que o Polis do Litoral Norte, é um projecto que engloba a requalificação da área costeira entre Caminha e Esposende e ainda não foi lançado o concurso para projectos, mas que vai ter que haver uma coordenação entre a Junta e os outros organismos intervenientes. Para Afife esclareceu que vão ser feitas obras nos parques da Ínsua, Caracol e Arda, no entanto e quanto a acessos nada está previsto, no entanto adiantou que foi alertada a situação da praia da Arda, já que é uma praia muito movimentada e tem um caminho de largura reduzida, mas até ao momento, não há qualquer indicação nesse sentido, embora ainda não haja projecto, até porque é uma obra que terá que estar concluída em 2013 e por tal vai-se prolongar no tempo.

                

Referenciou ainda que no próximo ano ser feitos os projectos e colocados a concurso, no entanto adianta que o caso dos acessos não é esquecido pela autarquia. Seguidamente Joaquim Pinheiro do PS na sua intervenção, começou por dizer que aquela era a sua última intervenção na assembleia de Freguesia, e referenciou:  “Lamento profundamente não haver uma lista PS às próxima eleições autárquicas em Afife, porque se perde a oportunidade de mostrar aos Afifenses o melhor caminho para resolver os problemas da Freguesia. Mas os meandros da política têm por vezes percalços que nos apanham de surpresa. Mas não tenho duvidas, o socialismo assim como foi o nosso passado será o nosso futuro e que nos obriga a viver atentos e vigilantes. Voltaremos a tempo de dar a melhor orientação a esta Freguesia e de ela ter o lugar que merece no caminho do futuro respeitando o passado. E numa altura em que muito vem falar de verdade, entendo que a verdade não é propriedade de ninguém. Os que levantaram agora a bandeira da verdade esquecem que no passado a esqueceram e volto a repetir, a verdade não é propriedade de ninguém. A verdade deve existir sempre, mas e exige rigor, elevação nos debates, não recorrendo, por exemplo aos insultos, a verdade deve ser credível com honestidade princípios e objectivos, a verdade exige qualidade. E deixem que vos diga, foi sempre o que pretendi nesta Assembleia de Freguesia” Seguidamente Albino Pires fez uma intervenção referente às obras previstas para as praias da freguesia, lembrou o restaurante da praia que foi encerrado e em que o proprietário gastou dinheiro em reparações e não veio a abrir. Referiu a praia do Forte do Cão em Ancora, que vai ser alvo de grandes obras e Afife vai ficar para trás, refere Afife pertence a Viana e por isso não existem transportes, e salientou o caso do restaurante mais a norte da praia, em que classificou de barracos que se deparam em volta deste criando uma fraca imagem para aquela praia, pois diz que tudo aquilo parece mal. Respondendo às questões então levantadas, o presidente da Junta começou por responder a Albino Pires e começou a faze-lo pelos casos da praia, onde salientou que a autarquia e em relação ao restaurante, está alheia à situação, embora tivessem tentado de alguma forma recompor as coisas, no sentido em que o bar abrisse durante a época balnear.

                   

Considerou que tal não foi possível devido a condições de licenciamento, diz que a Junta tentou mas tal não foi possível. Referiu ainda que há um conflito de licenciamento em questões de alvará em que não foi permitida a abertura. Quanto às praias, diz que elas continuam a estar cheias independentemente de ter apoio ou não, embora todos gostem de ter um apoio, onde as pessoas possam tomar o seu café mas não foi por isso que as praias tiveram menos gente. Quanto à praia da Gelfa, diz não estar nada preocupado com aquilo que vai ser esta praia, porque Afife tem as melhores areias, as melhores aguas e as melhores praias, referindo que “e isso ninguém nos pode tirar “. Albino Pires salientou o trabalho que está a ser feito por uma senhora que trabalha na Junta, que não sendo de Afife se esforça, embora considere que o outro pessoal também é bom.  O presidente da Junta disse que não era só a senhora, porque todos os funcionários da autarquia desempenham os seus trabalhos com profissionalismo.  Seguidamente passou-se à acta da sessão anterior que já havia sido aprovada em minuta e ninguém quis levantar qualquer questão sobre a mesma. Passou-se às actividades da Junta de Freguesia, onde o presidente da autarquia referenciou os trabalhos realizados, referenciando a pavimentação do Caminho da Sapião, pavimentação de um troço do Caminho de Monte Agudo, colocação de um contentor na Cabriteira, fase de pavimentação do Caminho das Baganheiras, colaboração com a comissão de festas para o convívio de encerramento das festas de Santo António, realização do convívio entre freguesias, Afife, Carreço e Freixieiro de Soutelo, participação nas reuniões da ZIF, presença no hasteamento das bandeiras das freguesias na Praça da Liberdade em Viana, colaboração com a comissão de festas da Senhora da Agonia na participação do cortejo, mordomia e festa do traje, limpeza das praias durante a época balnear, abertura dos sanitários das praias, limpeza em caminhos e largos da Freguesia, reparação e manutenção da rede de aguas de Gateira, apoio ao Rancho Folclórico de Afife na realização do seu festival no polidesportivo de Cabanas, atribuição de um subsidio de 200 Euros ao Grupo de folclore, atribuição de um subsidio de 150 Euros e oferta de bonés para uma ida a Fátima do Centro de Dia, colaboração com as festas de Vila Praia de Ancora, para uma participação no cortejo, aquisição de u8m quadro alusivo à mordomia, elaboração do boletim informativo, colaboração com a escola de Afife na recepção dos alunos a partir das 7h45 e no prolongamento até as 18h30. Estas foram as actividades apresentadas, em que estiveram centradas na limpeza das praias, já que em termos de obras e porque estavam em fase final de mandato, não foram avançadas, para não ficarem obras a meio.

               

O presidente da Junta e em relação a este mandato proferiu algumas palavras do seguinte teor: “A Junta de Freguesia de Afife, está na recta final do seu mandato, impondo-se um balanço e uma avaliação do trabalho desenvolvido no último quadriénio. De um modo mais sucinto possível eu vou dar a conhecer a todos os habitantes de Afife  os eventos e execuções que com grande esforço e sacrifício projectamos e elaboramos. A Junta de Freguesia vive à custa das verbas disponibilizadas pelo poder central, Câmara Municipal. O momento é de crise profunda de grandes cortes financeiros e reduções orçamentais que em nada facilitou a vida das autarquias locais, ao nível de freguesias. Com efeito e devido à escassez de transferências do próprio estado agravada com o aumento constante das despesas, tornou-se muito difícil a gestão autárquica. Aliadas a essas dificuldades financeiras, a perda do seu presidente, Manuel Fernando Vale, veio causar grande distúrbio não só sobretudo emocional, a toda a equipa que com ele idealizou e realizou o projecto da Junta de freguesia que agora conclui-mos. Apesar das dificuldades financeiras, que se atravessa e não deixando de honrar os compromissos inicialmente assumidos homenageando também e desta forma o presidente Manuel Fernando que subscreveu, continuamos a trabalhar com a mesma convicção e objectividade em prol do progresso da nossa terra Afife e dos seus habitantes. Foram muitas vertentes em que consumou a realização do mandato desta Junta de Freguesia, as obras realizadas, da mais pequena e insignificante a outras de maior vulto conjugam-se em tudo para a melhoria, dignidade e desenvolvimento da freguesia. No entanto, não podemos deixar de realçar aquela que sendo uma antiga aspiração da freguesia e dos Afifenses mais motivou e finalmente se concretizou, a construção da Casa Mortuária. Era uma aspiração, tornou-se uma ambição e por fim a obra surge como uma necessidade dos tempos de hoje, traduzindo, pela afectividade, respeitabilidade e dignidade que merece todo o ser humano. Para finalizar, o ser humano para existir, tem que co-existir, muitas foram as pessoas que connosco trabalharam e colaboraram e muito particularmente, agradecemos à Câmara Municipal de Viana do castelo, empresas e publico em geral que de alguma forma nos apoiaram e incentivaram, também queria deixar aqui, se me permitirem uma palavra de gratidão a todos os membros da Assembleia, aos nossos adversários políticos pela maior respeitabilidade que tiveram para connosco e também queria pedir desculpa por qualquer inconveniente que tivesse havido da nossa parte, mas aqui nos temos que defender os interesses da freguesia. São estas as palavras que eu queria deixar a esta assembleia.” Foi aberta a discussão, Albino Pires perguntou sobre as obras previstas para a escola, se vão haver e o que está previsto.

              

O presidente da Junta salientou que já pode garantir que as obras vão avançar, pois já foi lançado o concurso. Não tem duvidas que a escola precisa de obras e a Junta tem assumido compromissos, como o prolongamento entre outros. A escola tem cantina a funcionar e garante que não vai fechar. Como não se registaram mais intervenções a presidente encerrou a sessão, ficando aberto o período do público, onde foi focada a época balnear, onde se salientou que foi registada uma quebra acentuada na afluência de veraneantes, foi feita referência ao posto de atendimento da Junta, colocado na praia do caracol. Focou-se o caso desrespeito pelas marcações de estacionamento na praia do caracol bem como as vedações que se vêem no restaurante a norte dom parque da praia do caracol, onde existe ali uma barracada que mais parece um galinheiro.

                   

Foi focado o caso da falta de fiscalização nas praias, onde chegou a haver carros estacionados em pleno areal. Focou-se o caso da escola e para onde levar as crianças. O presidente adiantou que as obras da escola, vão avançar em Março do próximo ano e a junta tem já espaço para as crianças terem aulas, que vai ser o polidesportivo de Cabanas, onde tem todas as condições, mesmo para a colocação de algum contentor. Foi ainda referenciado o caso de a Assembleia ter sido sempre manca, já que faltava sempre pelo menos um elemento eleito pelo PS e assim alertou-se para o novo elenco que há-de vir, para que sejam pessoas que assumam os seus compromissos. O presidente da Junta referenciou que existem duas listas a concorrerem por Afife e que estão expostas na autarquia, uma da CDU e outra independente da qual faz parte. Quanto às faltas na Assembleia, referenciou que essa é uma verdade e que do seu grupo nunca falharam e mesmo com elementos com problemas de saúde, mas estiveram sempre presentes, disse ainda que em relação a Joaquim Pinheiro que havia lido um comunicado, referenciou que o seu grupo nada tem a ver com a situação, pois o seu grupo é independente e vai concorrer às próximas eleições. E assim finalizou a ultima Assembleia de Freguesia, já que se realizam a 11 de Outubro eleições autárquicas, que vão eleger o novo elenco autárquico para os proximos quatro anos.

          

Rui Martins, em serviço para a radio afifense, garantiu a transmissão em directo, substituindo assim o Filipe Costa, que até aqui assegurava este trabalho..

-

19 de Setembro de 2009    

Afife Noticias Informação

 

 

 

Pág. 1/4

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

CONTADOR

Contador Gratis

Favoritos

Links

.

  • .

.

  • .

.

  • .
  • .

.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

on line


contador de visitas