Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Rio de Cabanas

por afifenoticias, em 25.09.10

    - RIO DE AFIFE, COM CAUDAL MUITO REDUZIDO.      

          

 A foto, mostra uma parte do rio,logo a seguir à ponte, em que se pode ver o rio quase seco e com agua parada.
O rio de Afife, regista este ano uma substancial redução do seu caudal, que faz com que em alguns pontos da sua parte final apenas corra um fio de água. A seca, deve-se acima de tudo à falta de chuva e ao tempo quente que se tem feito sentir desde Junho. Não tem sido nos últimos anos registada uma diminuição tão grande do caudal das águas do rio, especialmente partir da ponte da estrada 13, mas aqui também há que salientar que diariamente é retirada água do rio, precisamente a partir da ponte da estrada 13 e da ponte do Xisto em que há meses a esta parte, cisternas ali se abastecem, para depois colocarem agua nas condutas que foram colocadas para o futuro abastecimento de agua ás populações do Minho e Lima.
A foto documenta trabalhadores a retirarem a mangueira do rio, depois de terem abastecido reservatórios instalados em carrinhas. 
A agua tem sido retirada do rio de Afife e é colocada nas condutas, ali junto aos viadutos, entre outros locais, em que estão instaladas as entradas de agua.
Carrinhas a abastecerem de agua do rio.
 Esta situação de falta de água, tem-se reflectido ainda nas captações de água de abastecimento de Gateira, em que a autarquia já se viu obrigada a restabelecer os níveis dos depósitos em várias alturas desta época. No caso do fraco caudal do rio de Afife, há situações a jusante da ponte do Fial, em que o rio se encontra quase seco e há situações em que poderá mesmo virem a desaparecer algumas espécies piscícolas habituais deste espaço do rio.
Tractor com cisterna a abastecer a conduta de aguas do Minho e Lima instalada junto ao viaduto.
 O charco, no final do rio, que dado as últimas mares em Agosto deixaram este sem saída para o mar, encontra-se de momento com aguas certamente impróprias, dado estarem já com coloração e por vezes até existem cheiros, já que ali uma colónia significativa de gaivotas se fixou e nota-se o espaço com significativa sujidade junto da água. Perante a situação que se vive de seca no rio de Afife, não se compreende como é possível retirar diariamente aguas do rio de Afife à vista de todos e a partir da ponte da estrada nacional 13, quando o rio está quase seco a partir daqui e se tivermos em conta que há peixes a partir deste local para jusante. Em tempos para tirar água do rio, para servir a agricultura, como na rega do milho, era necessária uma licença e só poderia ser retirada água em locais previamente designados e em certas alturas que o caudal o permitisse e nunca foram passadas mais que duas licenças. Agora ou a Lei mudou e já se pode retirar a agua deste curso de agua sem regra, ou então alguém está a ocorrer numa infracção, que assim sendo deveria ser punida por Lei.
25 de Setembro de 2010
Afife Noticias Informação

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:40



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTADOR

estatisticas gratis


geo-visitas




Favoritos