Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





viana

por afifenoticias, em 31.12.11

SMSBVC adquirem mais duas viaturas eléctricas .

HPIM3545Os Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo (SMSBVC) acabam de adquirir mais duas viaturas eléctricas de resíduos para o centro histórico. Com mais esta compra, são agora seis os veículos eléctricos municipais a circular, numa altura em que está a ser implementada uma política de redução de emissões de carbono.

A aquisição das viaturas eléctricas, que se destinam a limpeza e lavagem das ruas no centro histórico da cidade, foram uma opção dos SMSBVC que, assim, reduzem a emissão de CO2 mas também seguem a política que teve início em 2004, com a aquisição dos autocarros eléctricos que circulam no centro da cidade e com a adesão, em 2009, ao projecto Mobi E – Rede Piloto para a Mobilidade Eléctrica.

O Mobi-E, recorde-se, contempla a implementação das infra-estruturas e sistemas de suporte necessários ao carregamento de veículos eléctricos a ser executada em três fases, nomeadamente com a instalação de pontos de carregamento Mobi-E.

Recorde-se que Viana do Castelo é uma das cidades a receber a fase piloto deste programa, que permite ao município assumir-se como um território de experimentação, teste e validação de novas soluções de mobilidade eléctrica, criando um laboratório de experimentação de soluções de mobilidade eléctrica à escala nacional, visando a criação de sinergias entre os diferentes municípios.

O programa integra também a implementação do modelo para a Mobilidade Eléctrica (MOBI.E), cujas áreas de intervenção implicam a utilização de veículos eléctricos mas também sistemas de mobilidade/intermodalidade, modelos energéticos, ordenamento do território e planeamento urbano, entre outros. Neste âmbito, as Autarquias que subscreveram o plano constituem-se como centros de inovação, conhecimento e criatividade, mas também como laboratórios de experimentação.

 

Câmara Municipal apoia realização da XIV Meia Maratona Manuela Machado .

_AB34204aA Câmara Municipal aprovou ontem, em reunião de executivo, a concretização de um apoio financeiro para a realização da XIV Meia Maratona “Manuela Machado” – Viana Fica no Coração, em paralelo com a XII Mini Maratona para atletas seniores e jovens a partir dos 12 anos e a VIII Caminhada para o público em geral.

Esta prova, que está integrada nas Comemorações da Elevação de Viana a Cidade Viana do Castelo, realiza-se no dia 22 de Janeiro de 2012, pelas 10.30 horas, com partida e chegada na Alameda 5 de Outubro.

Pela importância do evento e enquanto forma de promoção desportiva mas também pelo seu âmbito solidário (o valor das inscrições reverte a favor da Liga Portuguesa contra o Cancro), a autarquia aprovou que possam ser realizadas despesas até vinte mil euros, destinados a cobrir os custos com publicidade e divulgação, prémios, medalhas e outras despesas necessárias a sua realização.

Este apoio, e no âmbito da política de contenção de despesa corrente da Câmara Municipal, é inferior à da edição de 2011, para a qual foi atribuída uma verba de trinta mil euros.

A Meia Maratona conta com uma participação cada vez maior de atletas nacionais e internacionais, bem como com a presença da ex-campeã mundial, Manuela Machado, que participa e organiza a prova.

Esta não é só uma competição desportiva, mas também uma festa popular do atletismo, constituindo, por isso, uma excelente jornada de promoção da prática desportiva e de indução da nossa juventude à aquisição de hábitos saudáveis e de positiva e proveitosa ocupação dos tempos livres.

           

Câmara Municipal põe fim à apresentação de processos em papel .

 

A Câmara Municipal de Viana do Castelo, no âmbito do processo de modernização administrativa e de desmaterialização processual dos serviços de licenciamento de obras particulares e gestão urbanística, vai pôr fim à apresentação de exemplares em papel para a instrução de processos de operação urbanística já a partir de 02 de Janeiro de 2012 (segunda-feira).

 

Esta iniciativa, relativa a serviços já certificados pela APCER, é mais uma acção de simplificação e, na prática, permitirá que a partir da próxima semana deixe de ser necessária a apresentação de exemplares em papel para a instrução de processos de operações urbanísticas, sendo suficiente a apresentação de CD que contenha os elementos instrutórios de acordo com as especificações constantes nas normas técnicas disponíveis no sítio da internet do município.

 

Com o objectivo de simplificar procedimentos, os projectos aprovados serão fornecidos em formato digital devidamente autenticadas no acto do pedido de emissão de alvará de licenciamento ou admissão de comunicação prévia (isento de custos) ou noutros momentos (valor previsto no Regulamento Municipal de Taxas e Outras Receitas de Urbanização e Edificação), o mesmo acontecendo com as telas finais, isentas de custos no acto de entrega ou noutros momentos (valor previsto no Regulamento Municipal de Taxas e Outras Receitas de Urbanização e Edificação).

 

Recorde-se que esta é mais uma acção do ambicioso projecto de modernização administrativa e desmaterialização processual dos serviços de licenciamento de obras particulares e gestão urbanística que marca uma nova “era” na relação do Município de Viana do Castelo com os seus concidadãos.

 

O recurso às novas ferramentas tecnológicas - tramitação digital de todos os procedimentos administrativos na área do licenciamento - tem permitido uma agilização e consequente celeridade nas decisões, bem como uma elevada e garantida transparência das respectivas decisões associadas.

 

 

Câmara Municipal assina protocolo de financiamento do Centro de Alto Rendimento de Surf .

 

O Presidente da Câmara Municipal, José Maria Costa, assina hoje, em Lisboa, um aditamento ao protocolo de financiamento do Centro de Alto Rendimento de Surf, actualmente em construção na Praia do Cabedelo. Na prática, esta adenda permitirá uma reprogramação de 70 para 85 por cento da comparticipação do POVT/ FEDER (Programa Operacional Temático Valorização do Património).

 

Esta assinatura, uma cerimónia onde marcam também presença o Secretário de Estado do Desporto e o Secretário de Estado Adjunto, da Economia e Desenvolvimento Regional, nasce da reprogramação dos fundos comunitários, que permitem agora uma maior comparticipação, aumentando a despesa total elegível face ao custo total do investimento que, no caso do Centro de Alto Rendimento de Surf atinge os 1,1 milhões de euros.

 

O Centro, que nasceu de uma candidatura conjunta do Instituto do Desporto de Portugal, servirá de apoio e formação aos desportos náuticos como o surf e o bodyboard. Este projecto do arquitecto vianense Jorge Cavaleiro está a nascer junto ao espaço da Orbitur, tratando-se de uma importante infra-estrutura para o desenvolvimento desportivo e para a afirmação de Viana do Castelo como destino de excelência para a prática do surf, do bodyboard e outros desportos náuticos.

 

            O Centro de Alto Rendimento de Surf vai receber atletas de alta competição desta modalidade, sendo que o edifício, a ser implantado numa área de cerca de mil metros quadrados, vai ser dotado de salas de formação, de apoio médico, de exercício, e ainda dormitórios e refeitório, para além de armazéns para material e de espaço de apoio à praia.

 

            O local escolhido – a Praia do Cabedelo – tem fortes tradições neste desporto, sendo procurada por praticantes vindos de todo o mundo, razão pela qual foi escolhido para instalar este Centro de Alto Rendimento.

 

 

 

           

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:31



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTADOR

estatisticas gratis


geo-visitas




Favoritos