Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





viana

por afifenoticias, em 31.08.13

 Aprovado Plano de Desenvolvimento Social e da Saúde de Viana do Castelo

O Plano de Desenvolvimento Social e da Saúde de Viana do Castelo (PDSS) para 2013-2016 foi aprovado pelos parceiros envolvidos com o objetivo de promover o desenvolvimento social, a qualidade de vida e o capital mental da população de Viana do Castelo. Os objetivos são promover o empreendedorismo e criar oportunidade de emprego; promover a saúde e bem-estar da população ao longo do ciclo de vida; e promover a coesão social do território.

O documento, que assenta numa visão holística e integrada tendo por base a ideia de um território coeso, inclusivo e saudável, foi construído com base nas metodologias participativas através dos contributos dos diferentes parceiros na deteção de problemáticas sentidas pelas populações expressas, quer no Diagnóstico Social para 2013, quer nas múltiplas reuniões de trabalho com os parceiros Institucionais.

O objetivo geral do Plano é promover o desenvolvimento social, a qualidade de vida e o capital mental da população de Viana do Castelo, sendo que a estratégia chave está centrada nas pessoas e no seu capital mental e tem por base o pressuposto que a adoção de determinados tipos de comportamentos (quer individuais, quer coletivos) que são promotores de uma melhor qualidade de vida, no território onde nascem, vivem, investem, trabalham e convivem em comunidade.

Foram identificadas três prioridades de intervenção (eixos estratégicos da ação): promover o empreendedorismo e criar oportunidade de emprego; promover a saúde e bem-estar da população ao longo do ciclo de vida; e promover a coesão social do território. Neste sentido, foram traçados 18 objetivos específicos que se concretizam através de 30 ações para os próximos 4 anos.
Os principais Parceiros envolvidos na coordenação das ações foram os agrupamentos de escolas do concelho; associação empresarial de Viana do Castelo; Câmara Municipal de Viana do Castelo; Centro de Respostas Integradas de Viana do Castelo; Centro Distrital de Segurança Social de Viana do Castelo; Gabinete de Atendimento à Família; Instituto do Emprego e da Formação Profissional; Instituto Politécnico de Viana do Castelo e a Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM).

No total participaram 27 Instituições do Concelho e estiveram envolvidas 72 pessoas mais o Núcleo Executivo do Conselho Local de ação Social (CLAS), que assim elaboraram um plano que assenta numa responsabilidade partilhada, através de uma parceria efetiva e dinâmica que articule a intervenção social dos diferentes agentes locais, para que todos se sintam mobilizados na construção e concretização de um projeto que é de todos. Agir implica conhecer, intervir e mudar no sentido de promover um território mais coeso, inclusivo e saudável.

 

Envolvente da Capela de S. Vicente na Meadela vai ser reabilitadaEnvolvente da Capela de S. Vicente na Meadela vai ser reabilitada

A Câmara Municipal de Viana do Castelo chegou a acordo com os proprietários das edificações antigas situadas na envolvente da Capela de S. Vicente, na Meadela, junto ao quartel dos Bombeiros Municipais de Viana do Castelo. Agora, a área envolvente vai ser objeto de reabilitação para valorizar aquele edifício do século XIX.

As edificações já demolidas foram adquiridas pela autarquia por acordo com o proprietário e o espaço vai agora ser objeto de um estudo urbanístico para valorização da Capela de S. Vicente, de elevado valor cultural e religioso.

Para os restantes quatrocentos metros quadrados situados junto do quartel dos Bombeiros Municipais, vão ser criadas condições para que futuramente se possa ampliar as instalações destes serviços, nomeadamente áreas de treino e de formação.

A Capela de S. Vicente, na Meadela, com um pequeno adro com um cruzeiro sobre um pedestal, é composta por nave e capela-mor com sacristia, sendo o seu interior coberto de lambril em azulejo brancos com data de 1938. Foi, no entanto, construída no século XIX, tendo sido alvo de beneficiação e restauro naquela data. A sua arquitetura é neoclássica mas tem, como caraterísticas próprias, os tetos pintados com motivos fitomórficos e alusivos ao orago e o retábulo em talha pintada de estilo neoclássico.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00

Pág. 1/16



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D

CONTADOR

estatisticas gratis


geo-visitas




Favoritos