Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




 

 HA 151 ANOS, FOI CRIADA SOCIEDADE DE    TEATRO AFIFENSE.                               

  

Antiga Bandeira do Club Afifense, recuperada pela direcção do Casino Afifense, esta Bandeira é datada do ano de 1899 e encontra-se na sala da direcção do Casino Afifense.

Foi no dia 27 de Fevereiro do longínquo ano de  1859   que pelas três horas da tarde reuniu a primeira assembleia-geral daquela que foi a primeira associação de Afife e que teve a sua sede no número 5 do Largo do Cruzeiro, em que nessa altura reuniram 22 associados, naquela que foi a sua primeira assembleia. Aqui nasceu o movimento associativo da freguesia, que ao longo dos tempos teve vários desenvolvimentos e ramificações, com muitas divisões pelo meio que originaram desmembramentos e uniões, sempre com o objectivo de se fazer melhor.

O objectivo da criação da então Sociedade de Teatro Afifense, era o de criar uma casa própria para os espectáculos e recreio e promover a instrução e todos os meios honestos e úteis.   Assim na altura alugaram a casa situada no Largo do Cruzeiro, certamente por ser um local de movimento e tratar-se de um Largo importante na altura da freguesia, pois ali e na centenária mesa de pedra se faziam as rematações publicas, reuniões entre outros pontos de interesse colectivo. Ainda hoje nessa residência particular se pode ver uma placa que indica o local onde funcionou essa primitiva associação. Assim este sábado o associativismo Afifense, completou pelas três horas da tarde 151 anos, sem que no entanto tenha havido qualquer programa que viesse a evocar esta efeméride que guindou Afife na arte da representação através de muitas décadas, nas várias casas associativas que Afife teve antecessoras do actual Casino Afifense. Hoje o movimento associativo, não é tão significativo como ainda há poucos anos atrás, onda a casa se enchia de afectividades e o teatro e a popular revista, subiam ao palco várias vezes ao ano, sempre com os actores amadores de Afife, que sempre se mostraram como grandes profissionais, dado o gosto que tinham pela arte de Talma. Foram muitos os grandes actores amadores Afifenses que pisaram os palcos das várias casas de espectáculo que existiram em Afife, tal como nos documenta David Freitas no seu trabalho sobre as Associações da Freguesia. Ultimamente o teatro está esquecido e abandonado, certamente devido à falta de iniciativa, ou mesmo dinamismo e é caso para se dizer, quando não haviam condições, o teatro estava vivo e bem vivo em Afife e agora que o casino tem tudo o que é necessário para se fazer teatro, este morreu. Não acreditamos que não hajam actores em Afife, nem tão pouco gente com vontade de representar, o que é necessário é fazer as pessoas chegarem ao Casino e inseri-las na actividade, sejam elas novas ou menos novas. Tudo isto para não se ouvir coisas como em outras sociedades onde se faz teatro com a chuva a cair na plateia, sem que a casa tenha condições e nós em Afife com uma casa que mais parece um museu de arte, adaptado ao teatro, temos um salão fechado à cultura teatral.  É urgente revitalizar o teatro em Afife, até porque este ano o Casino fez 125 anos e o movimento associativo 151, pelo menos para evocar aqueles homens que ao logo de muitos anos tudo fizeram para que hoje possamos ter uma casa de espectáculos, que é a melhor da região, onde os artistas de Afife primaram para que o seu trabalho fosse apreciado ao mesmo tempo que a arte teatral de grande qualidade.

Tudo será possível e mais fácil, se se recordar aquilo que foi conseguido no  passado e fazer tal como esses Afifenses de grande valor,   que quando ultrapassavam as divergências e se fazia a união, a obra nascia e eram ultrapassadas todas as dificuldades.

 27 DE fEVEREIRO DE 2010

 Afife Noticias Informação

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:53



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D



Favoritos