Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





COISAS E CASOS, QUE DEPARAMOS NA FREGUESIA.

por afifenoticias, em 24.04.10

   COISAS E CASOS DE AFIFE.  

Quem for observador atento e vá circulando pelas artérias da Freguesia, vai certamente encontrar motivos que lhe chamam a atenção e em alguns casos há situações, que como diz o povo, não lembram ao diabo. Primeiramente, encontramos uma lâmpada da iluminação pública situada no meio de uma árvore, totalmente encoberta (neste momento, tal já não se verifica, graças ao trabalho da autarquia que nos últimos dias procedeu à poda desta tília) no jardim junto à fonte da Poça. Acontece que esta que por sinal até se encontra avariada, apenas iluminava a folhagem da árvore. Igual situação acontece na Agrela, embora aqui a autarquia já tenha diligenciado no sentido de deslocalizar o poste e como é evidente o ponto de luz. E já que estamos a falar em iluminação pública, estamos certos que a freguesia ainda tem deficiências neste sector e não temos duvidas que a autarquia tem em agenda algumas situação a resolver, com mais ou menos urgentes. Agora não compreendemos porque carga de agua, é que alguns locais tão carentes de luz e por onde passam e moram pessoas, quando encontramos na estrada da praia, dois postes encostados uma ao outro e cada um com um ponto de luz. Aqui a diferença está nos postes, já que um é de cimento e outro é metálico, embora os candeeiros também sejam diferentes. Agora perguntamos nós, Havia Necessidade, pensamos que não, mas que há destas coisas, ao isso há.
Agora e ainda mais grave, aconteceu na passada segunda feira e ao que se presume um camião cisterna de argamassas, que presumivelmente tenha feito serviço para uma obra ali perto do viaduto da Cabriteira, resolveu desfazer-se de sobras num terreno à face da estrada.
Certamente para não dar muito nas vistas o melhor seria deitar a massa num local onde a erva fosse maior, mas para isso teve que galgar o passeio e foi isso que aconteceu, só que para tal e como o camião é pesado, lá se foi o passeio e a massa por ali ficou num monte. Isto é o vulgarmente aplicado de dois em um, ou seja desfez-se da carga que já não necessitava e com certeza até ainda lavou a cisterna nesse local e até conseguiu partir o passeio. Agora quem vai ficar com os prejuízos, são certamente os Afifenses.
24 DE Abril de 2010-

Afife Noticias Informação

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:41



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D



Favoritos