Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Viana

por afifenoticias, em 30.05.10

Viana

Cerca de 1500 alunos passaram pela Caravela Vera Cruz

 Caravelaa

A Caravela Vera Cruz, a réplica quinhentista que está ancorada até amanhã junto ao antigo edifício do Instituto de Socorros a Náufragos em Viana do Castelo, já recebeu a visita de cerca de 1500 alunos das escolas do concelho, tendo acolhido igualmente diversos eventos culturais, como o espectáculo de João Ricardo e “The Insiders” do Grupo de Marionetas.

A caravela, uma embarcação inventada e usada pelos Portugueses durante a Era dos Descobrimentos nos séculos XV e XVI, tem como principais características a rapidez, o facto de fácil manobra, apta para a bolina, de proporções modestas e que, em caso de necessidade, podia ser movida a remos. Foi numa Caravela que Bartolomeu Dias dobrou o Cabo da Boa Esperança, em 1488 e uma réplica pode agora ser visitada em viana do Castelo.     

A Caravela Vera Cruz é uma réplica exacta das antigas Caravelas usadas pelos Portugueses na Era dos Descobrimentos. Foi construída no ano 2000 no estaleiro naval de Vila do Conde no âmbito da comemoração dos 500 anos do Descobrimento do Brasil e destina-se a possibilitar o treino de vela e experiências de mar, sobretudo a jovens, a participar em provas e outros eventos náuticos e à investigação do comportamento e manobra das antigas Caravelas.

Até amanhã, a Vera Cruz acolhe diversas iniciativas, como é o caso de “Tripulassom” de João Ricardo, uma instalação de intervenção sonora do artista vianense. Pela embarcação passaram muitas das escolas do concelho, que puderam visitar a caravela e mergulhar na época quinhentista.

Município de Viana do Castelo homenageou Aurora de Freitas

 DSC_0275a

O Presidente da Câmara Municipal recebeu hoje Aurora de Freitas, a vianense emigrada em França que recebeu o Prémio Mercado Único atribuído pela Presidência sueca e Comissão Europeia. A sessão, que se segue a uma homenagem efectuada pela Junta de Freguesia de Mujães de onde Aurora de Freitas é natural, serviu para que a homenageada explicasse o longo trabalho que tem desenvolvido e para que o Presidente da Câmara a convidasse a acompanhar algumas iniciativas da Autarquia, como a Romaria d’Agonia.

O prémio, que pretende realçar a importância do mercado interno, foi atribuído pela primeira vez pela Presidência sueca e pela Comissão Europeia. Foi conferido a Aurora de Freitas, vianense emigrada em França que, desde 2004, pressiona os poderes públicos franceses no sentido de facilitarem a concessão de títulos de residência em França a cidadãos portugueses.

O Prémio que prestigiou a emigrante pretende realçar a importância do mercado interno e, simultaneamente, sensibilizar para as oportunidades associadas à livre circulação de pessoas, mercadorias, serviços e capitais da União Europeia, chamando a atenção para as empresas, as pessoas ou organizações que contribuam para melhorar a eficácia do mercado interno.

Aurora de Freitas, de 65 anos, vive em França desde 1968. Trabalhou como designer e estilista durante muitos anos, estando aposentada. Hoje, dedica-se a auxiliar outras pessoas a fazerem valer os seus direitos no mercado interno europeu, encontrando soluções práticas para os problemas e procurando evitar obstáculos.

Elogiada pelo autarca José Maria Costa pelo trabalho que desenvolve, Aurora de Freitas aproveitou a ocasião para divulgar o seu trabalho, nomeadamente a associação “Minhotos de Viana do Castelo”, criada em 2007 em França.

Câmara Municipal e Associação Nacional de Direito ao Crédito assinaram parceria

 

A Câmara Municipal de Viana do Castelo e a Associação Nacional de Direito ao Crédito assinaram o acordo de parceria que permite criar o Gabinete Municipal de Apoio ao Micro-Empresário. A intenção é promover a inserção de pessoas na comunidade, nomeadamente através do sucesso de projectos de micro-crédito, pelo que o Presidente da Câmara Municipal aproveitou para sublinhar que este é mais uma das diversas iniciativas que pretendem apoiar o empreendedorismo em Viana do Castelo.

O acordo de parceria tem em conta o impacto da situação financeira na economia real dos vianenses mas também a certeza de que a criação de emprego no sector privado é fundamental para a revitalização da economia. Em causa está o estímulo ao empreendedorismo através do acesso ao financiamento que apoia sobretudo desempregados, trabalhadores em regime precário e pessoas sem ocupação e que tenham uma boa ideia de negócio que necessite de um pequeno financiamento que não ultrapasse os dez mil euros.

Para tal, foi hoje estabelecida uma parceria que implica o fornecimento de serviços directos, bem como a ampla divulgação do serviço na rede de conhecimentos da autarquia, nomeadamente através da Divisão de Acção Social, o que obriga à criação de contactos directos que garantam a promoção entre empreendedores e respectivo acesso ao crédito.

Este acordo tem como objectivo a divulgação e promoção do micro-crédito em Viana do Castelo e possibilitar que pessoas economicamente excluídas possam ser inseridas através da via económica.

A Associação Nacional de Direito ao Micro-Crédito foi fundada em Dezembro de 1998 e, desde então, já apoiou 1319 projectos, tendo criado mais de 1800 postos de trabalho. Em Viana do Castelo, fruto de diversas parcerias, foram já apoiados oito projectos, dois dos quais foram apresentados hoje na sessão que decorreu no Museu de Arte e Arqueologia.

Câmara Municipal assinala Dia Mundial Sem Tabaco

 

A Câmara Municipal de Viana do Castelo, através do Gabinete Cidade Saudável, vai promover, entre 28 de Maio e 6 de Junho, diversas iniciativas para assinalar o Dia Mundial Sem Tabaco, criado pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Do programa, destaca-se o workshop sobre saúde e beleza e o impacto do tabaco destinado a profissionais e formandos de cursos de estética.

A iniciativa, que decorre da participação de Viana do Castelo na Rede Nacional e Europeia das Cidades Saudáveis da OMS e onde o tabagismo surge como uma das prioridades de intervenção, é assim uma forma do Município se associar à iniciativa, cujo tema para 2010 é o “Género e Tabaco: estratégias de marketing dirigidas às mulheres”.

Por isso, o Gabinete Cidade Saudável vai dinamizar, entre 28 de Maio e 06 de Junho, diversas iniciativas como a realização de um Workshop /Oficina, no dia 31 de Maio, às 15:00h, sobre o tema “Saúde e Beleza: Impacto do Tabaco”, dirigido aos profissionais da área da beleza feminina (cabeleireiros e centros de estética do centro da cidade), formandos do curso de cuidados e estética do cabelo do Centro de Formação Profissional de Viana do Castelo e formandos do curso de estética e cosmetologia da Psicoviana; divulgação da campanha através da colocação de outdoors em vário locais da cidade e o fornecimento de um marcador de livros alusivos ao tema, para sensibilizar a população, explicando os benefícios de deixar de fumar.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o tabaco é a principal causa de morte prematura que se pode evitar modificando o comportamento individual. Calcula-se que cada cigarro diário reduza um ano na esperança de vida de um fumador regular e que os fumadores têm, em média, menos 10 anos de vida do que os não fumadores.

As doenças cardiovasculares, uma das principais causas de morte, bem como a bronquite crónica e o enfisema, estão directamente relacionadas com o consumo de tabaco, traduzindo-se em elevados gastos na área da saúde.

O Dia Mundial sem Tabaco, assinalado a 31 de Maio, foi criado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), com o intuito de sensibilizar o maior número possível de pessoas sobre os males causados pelo consumo de tabaco e seus derivados, numa tentativa de mudar comportamentos e evitar o aumento das doenças associadas a este consumo.

Remodelação da Rua D. Amélia de Morais

 

A Câmara Municipal de Viana do Castelo vai efectuar obras de remodelação da Rua D. Amélia de Morais, em Monserrate. A empreitada, que terá início na próxima quarta-feira (26 de Maio), fica a dever-se ao mau estado de conservação do piso e aos passeios irregulares e estará concluída no final do próximo mês de Julho.

A rua, que também vai ser alvo de uma intervenção por parte dos Serviços Municipalizados de Saneamento Básico de Viana do Castelo, vai ser intervencionada com a remodelação dos pisos existentes de modo a reparar e melhorar aquela infra-estrutura.

Ao novo piso betuminoso, serão acrescentados novos passeios, que serão executados em cubo de granito e guias e rampas de acesso a passadeiras e garagens. Para melhorar as acessibilidades, um dos passeios será alargado de um metro para 1,6 metros, mantendo a circulação automóvel actual e o estacionamento informal.

Estes trabalhos vão ser devidamente acompanhados pelos serviços camarários e pela equipa de arqueologia do Município.

Delegação romena em Viana do Castelo

 DSC_0210a

O Presidente da Câmara Municipal, José Maria Costa, e a Vereadora da Acção Social, Ana Margarida Ferreira da Silva, receberam hoje uma delegação de Ialomita Council County, da Roméria, que tem estado em Viana do Castelo para conhecer casos de boas práticas de planeamento, de preparação de candidaturas a fundos comunitários, de acção social e de turismo. Na cerimónia de boas vindas, o autarca defendeu a aposta no turismo e no planeamento como fórmulas para uma “visão estratégica de território”.

Composta por autarcas, esta delegação tem estado reunida com técnicos da Câmara Municipal, tendo sido prestadas informações sobre temas de intervenção das autarquias como a preparação de candidaturas a fundos comunitários, turismo, práticas sociais e planeamento. A propósito, José Maria Costa salientou o turismo como uma das mais importantes apostas da autarquia: “Quando se aposta no turismo, a aposta passa igualmente por outras áreas como a qualificação do património, políticas de protecção e de emprego”.

Para o autarca, é ainda necessário planeamento estratégico, afiançando que é isso que a Câmara Municipal de Viana do Castelo está a fazer com a recente revisão do Plano Estratégico e defendendo uma “visão estratégica” para o município. “Em 2010, a aposta passa pelo mar, pela educação e cultura, pela área social e coesão do território e do acolhimento do investimento”, concluiu o autarca.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:07



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D



Favoritos