Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





VIANA

por afifenoticias, em 06.11.10

VIANA NO ENCONTRO COM O VINHO E SABORES.     

gerazA Câmara Municipal de Viana do Castelo, através dos  seus Serviços de Turismo e do Gabinete de Apoio ao Investidor, vai marcar presença no Encontro com Vinhos e com Sabores. Para tal, e com a colaboração da APHORT, a autarquia vai instalar um stand no Pavilhão do Rio no Centro de Congressos de Lisboa para dar a conhecer vinhos e produtos gastronómicos, nomeadamente dos produtores da Casa do Abade, Casa dos Pintos, Sobrinho do Arcipreste e Solar de Merufe, do Restaurante o Augusto, Restaurante O Pescador e da Pastelaria AMeadella e a pastelaria Manuel Natário.

O encontro, que decorre entre 05 e 08 de Novembro, nasceu de um convite da Associação de Municípios Portugueses do Vinho (AMPV) e é organizado pela Revista de Vinhos com quatro dias de exposição e uma grande prova de vinhos e sabores seleccionados aberta a consumidores e interessados, nomeadamente na área de produtos gourmet e delicatessens de origem artesanal portuguesa ou provenientes de alguma da melhor indústria alimentar.

Recorde-se que Viana do Castelo aderiu à AMPV o principal objectivo promover a importância estratégica do Vinho Verde das Terras de Geraz como valor económico do concelho. A integração na AMPV justifica-se assim com a vontade da Câmara em promover os vinhos das Terras de Geraz, dada “a importância que a associação assume na promoção conjunta de um produto muito importante para o concelho de Viana do Castelo”.

 

EXPOSIÇÃO SOBRE SERES VIVOS VEGETAIS.                               anima

O Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental de Viana do Castelo inaugura, no próximo sábado às 10h30, a exposição “Anima Vegetalis, imaginário botânico do Mosteiro de Tibães”, uma mostra de fotografia diferente de autoria de Paulo Gaspar Ferreira. A exposição estará patente até 04 de Dezembro com entrada gratuita.

A exposição, assente na aposta do Centro na dinamização de exposições temáticas que, desde Junho de 2007, tem vindo a promover sobre três a quatro temas diferentes por ano, é uma perspectiva diferente sobre seres vivos vegetais. “São elementos individuais que sabemos terem pertencido a um todo, possivelmente com outras formas e cores; e cada um, de uma forma muito especial e particular, teve um papel fundamental na biodiversidade do espaço em que coabitaram”, refere o autor.

Desde a sua inauguração, o CMIA de Viana do Castelo já produziu oito exposições temáticas, que actualmente estão disponíveis para requisição por qualquer entidade. Esta tem sido uma aposta de sucesso pois, para além de escolas, existem autarquias, associações, ecotecas e Centros de Educação Ambiental por todo o país que já usufruíram deste recurso disponibilizado pelo CMIA.

As duas últimas exposições produzidas pela Câmara Municipal, através do CMIA, são “Portugal Subaquático” de autoria do fotógrafo Luís Quinta, patente desde 22 de Setembro no Navio-Hospital Gil Eannes, por ocasião das comemorações do Dia Mundial do Mar, e ainda “Biodiversidade em espaços naturais de Viana do Castelo” que esteve patente no CMIA de 5 de Junho até 28 de Outubro, tendo sido visitada por mais de três mil pessoas.

Do programa do CMIA para Novembro constam ainda uma Oficina de Aprendizagem sobre “Introdução à poda de árvores ornamentais” no dia 13, as Comemoração do Dia Nacional do Mar com “Vaivém Oceanário” de 15 a 20 Novembro, as Comemorações da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos de 20 a 28 Novembro, as Comemorações do Dia da Floresta Autóctone entre 22 e 27 Novembro, mais uma Conversa de Fim de Tarde sobre “MUSGOS E LÍQUENES, O QUE OS UNE E OS DISTINGUE" a 26 Novembro e o II Encontro Nacional do Projecto Rios no dia 27 Novembro.

 

REUNIU O CONSELHO ECONOMICO E SOCIAL.                    

ces4 Conselho Económico e Social (CES) de Viana do Castelo, órgão consultivo da Câmara Municipal criado em Novembro de 2009, reuniu ontem para, entre outros, apreciar o ponto de situação da revisão do Plano Estratégico de Viana do Castelo e abordar as questões relacionadas com Viana do Castelo Cidade Náutica.

A Câmara Municipal criou o Conselho Económico e Social de Viana do Castelo como órgão consultivo da Autarquia, envolvendo parceiros de todos os sectores da sociedade com o objectivo de apoiar o executivo a pensar o concelho, apoiando e valorizando, mas também participando no enriquecimento e adequação da estratégica autárquica do Executivo para os próximos anos.

A missão do Conselho Económico e Social é, por isso, assegurar a continuidade da dinâmica do planeamento estratégico de Viana do Castelo, através do diálogo e do aprofundamento do processo de formulação e reformulação do plano e da implementação coordenada de acções, de acordo com um modelo de parcerias e de cartas de compromisso que envolva os agentes da cidade e do concelho.

A sua primeira missão é apoiar a Revisão do Plano Estratégico, a cargo da Quaternaire Portugal, empresa que elaborou o Plano Estratégico de Viana do Castelo em 1995. Ontem, foi efectuado o ponto de situação da revisão e abordadas as apostas de Viana do Castelo, que passam pela reabilitação urbana (procedimentos e incentivos), Polis Litoral Norte, Centro de Mar /Náutica de recreio, Gabinete de Acção Costeira e eficiência energética. Na sessão, foi ainda abordada com mais atenção a questão de Viana Cidade Náutica, nomeadamente o Centro de Mar, Porto de Mar e Estaleiros Navais de Viana do Castelo.

O Plano Estratégico, recorde-se, aponta para que sejam cumpridos seis eixos de aposta política para 2009-2013 que passam pela consolidação do projecto de requalificação urbana e excelência ambiental de Viana do Castelo, pelo aprofundamento da coesão do território através de projectos e parcerias com as freguesias, pela aposta na educação, no desporto, na cultura e na criação cultural como factores essenciais do desenvolvimento humano, pelo ambiente favorável para acolhimento empresarial, para a inovação e para a promoção do comércio tradicional, pelo desenvolvimento das bases de uma nova Cultura Marítima e promoção da Cidade Náutica do Atlântico e pelo alargamento e aprofundamento das políticas municipais de solidariedade social.

 

DINAMIZAÇÃO DO MERCADO MUNICIPAL.                                   

feira

Com o objectivo de dinamizar o espaço, o Mercado Municipal de Viana do Castelo vai ter uma feira de vestuário e tecidos no primeiro piso do edifício a partir da próxima terça-feira, dia 09 de Novembro. A iniciativa, que surge depois da requalificação do espaço e do lançamento do projecto “Saúde e Sabores do Mercado”, pretende assim atrair mais clientes e reforçar o papel do Mercado Municipal.

A feira, que integra comerciantes que às sextas-feiras estão na feira semanal de Viana do Castelo, poderá tornar-se num factor apelativo de forma a que os potenciais clientes visitem mais o mercado municipal, estando também para breve outras iniciativas de dinamização daquele espaço público.        

Entretanto, continua a ser dinamizado o projecto “Saúde e Sabores do Mercado”, que está a decorrer desde Outubro para valorizar aquele espaço através da diversificação da oferta de produtos alimentares, bem como da promoção de hábitos alimentares saudáveis junto da população. Com esta iniciativa, a Câmara Municipal pretende igualmente reforçar o papel do Mercado Municipal na aquisição de alimentos frescos e nutritivos, pelo que está a promover um concurso e a disponibilizar receitas saudáveis e informações sobre os frutos e legumes.

O concurso tem regras de funcionamento, já aprovadas pelo Governo Civil de Viana do Castelo, e que passam pela aquisição de produtos superiores a cinquenta cêntimos que dá direito a senhas a ser depositadas numa tômbola no mercado. Em Novembro, os produtos em destaque são a castanha e a abóbora e, em Dezembro, será a ver da noz e a couve galega.

Recorde-se ainda que o Mercado Municipal foi alvo de obras de requalificação, nomeadamente com pintura de todo o edifício, a instalação de alpendres laterais, o aumento de portões, instalação de novas portas no interior da zona central do mercado e novo espaço para a peixaria, no primeiro piso do edifício.

Foi igualmente criada uma nova imagem promocional para melhorar as condições de trabalho e a atractividade do Mercado Municipal e os dois autocarros eléctricos, cujo circuito duplicou recentemente, passam agora junto ao Mercado Municipal.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:32



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTADOR

estatisticas gratis


geo-visitas




Favoritos