Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





caminha

por afifenoticias, em 27.10.12
.
Júlia Paula Costa recebe uma comitiva do Rotary Club de Caminha e a Governadora do Distrito 1970.

Júlia Paula Costa, presidente do Município de Caminha, recebeu ontem, dia 25, na Câmara Municipal, uma comitiva do Rotary Club de Caminha e da Governadora do Distrito 1970. Esta visita realizou-se no âmbito das comemorações do 20º aniversário do Rotary Club de Caminha.

Júlia Paula recebeu a Governadora do Distrito 1970, Teresinha Fraga, o presidente do Rotary Club de Caminha, João Paulo Garrido, o presidente da Universidade Sénior de Caminha, José Avelino Pedra, o past presidente do Rotary Club de Caminha, José Covelo e o secretário do Conselho Diretor, António Inglês.

A autarca sublinhou o bom trabalho que o Rotary Club de Caminha tem desenvolvido no âmbito social em prol da comunidade caminhense e reiterou a disponibilidade do Município em continuar a ser parceiro do Rotary Club de Caminha de acordo com as suas possibilidades.

Recorda-se que os rotários de Caminha criaram a Universidade Sénior, um projeto em ascensão, e desenvolvem uma série de iniciativas tais como: os cabazes de natal que todos os anos são entregues aos mais necessitados, as bolsas de estudo, as várias campanhas e rastreios que executam, entre muitas outras atividades.

Júlia Paula deu as boas vindas à Governadora do Distrito 1970 e felicitou-a pelo papel que desenvolve e pelo fato de ter sido a primeira mulher a exercer o cargo.

É de salientar que o Rotary Club de Caminha foi admitido pelo Rotay Club Internacional no dia 2 de setembro de 1992 e foi no dia 25 de outubro do mesmo ano que lhe foi entregue a Carta Institucional, ou seja, há vinte anos.

 
Entrega de prémios do VI Concurso de Recolha da Tradição Oral Galego-Portuguesa decorre em Caminha.Entrega de prémios do VI Concurso de Recolha da Tradição Oral Galego-Portuguesa decorre em CaminhaEntrega de prémios do VI Concurso de Recolha da Tradição Oral Galego-Portuguesa decorre em Caminha

A entrega dos prémios do VI Concurso de Recolha da Tradição Oral Galego-Portuguesa subordinado ao tema "Ponte...a contar" decorreu hoje, dia 26, em Caminha. A cerimónia juntou mais de uma centena de jovens do norte de Portugal e da vizinha Galiza. O vice-presidente da Câmara anfitriã, Flamiano Martins, elogiou o trabalho desenvolvido pelas escolas participantes.

A principal mensagem difundida na cerimónia visa a inexistência de duas realidades diferentes, mas sim a existência de uma só realidade com um rio pelo meio. O trabalho conjunto e a manutenção das tradições galego-portuguesas servem para acabar com as únicas fronteiras que são as mentais. Um bom exemplo tem sido a cooperação entre a EB 2,3/S de Caminha e o Centro IES A Sangriña, de A Guarda, que já decorre há cerca de 10 anos. Fruto desse trabalho, as duas escolas foram umas das premiadas, arrecadando o 1º prémio na categoria Ensino Secundário Obrigatório/Ensino Secundário, com o projeto conjunto "A Ínsua".

Na cerimónia, o vereador com o pelouro da Educação e também vice-presidente da Câmara Municipal de Caminha, Flamiano Martins, sublinhou a importância do sentido de união entre os povos portugueses e galegos e enfatizou o bom trabalho desempenhado pela EB 2,3/S de Caminha, escola que tem vindo a arrecadar vários prémios e lugares de destaque pelos bons resultados.

O concurso promovido pela Associação Cultural e Pedagógica "Ponte...nas Ondas!" visa mostrar às novas gerações a existência de um rico e variado Património Cultural Comum, de forma a eternizar o Património Imaterial Galego-Português.

Para além da entrega de prémios, decorreram ainda atuações dos alunos portugueses e espanhóis que apresentaram danças tradicionais, dois marinheiros falaram da sua experiência de vida e, no final, todos os presentes puderam fazer uma visita guiada pelos principais monumentos da vila de Caminha.

 

 

Lista de premiados por categoria

 

Ensino Primário/Ensino Básico

1º Prémio: para o projeto apresentado pelo jardim de infância de Boavista-Aldreu, Agrupamento Vertical de Escolas de Fragoso, coordenado por Jorge Manuel da Fonseca Barbosa, e que tem por título "A Herança da Velhinha". Valoriza-se a identificação correta de um autêntico conto tradicional através dos seus transmissores, a aproximação educativa e lúdica aos valores que este transmite e o aproveitamento didático do conto, com o envolvimento ativo de toda a comunidade escolar.

2º Prémio: Ao projeto apresentado pela Escola Básica Integrada de Apúlia, coordenado por Maria Eiras Enes, e que tem os seguintes títulos: "A cidade e a aldeia", "A história do coelhinho branco", "Lenda da Fonte da Senhora" e "Manel Ceguinho". Valoriza-se a aproximação dos estudantes à tradição dos contos, da música e das lendas populares, a identificação dos portadores e transmissores desses relatos e a sua recriação no âmbito escolar.

Ensino Secundário Obrigatório / Ensino Secundário

1º Prémio: para o projeto conjunto apresentado pelos centros IES A Sangriña, da Guarda (Pontevedra), e EB2 3/S Caminha, coordenados, respectivamente, por Teresa Callis e Filomena Cruz, e que tem como título "A Ínsua". Valoriza-se o projecto de colaboração entre as duas escolas, a partir dum património físico e imaterial imediato e comum, e que, em consequência, propicia a descoberta, por parte dos estudantes de ambos os centros, da história e cultura próprias das duas margens duma fronteira exclusivamente administrativa.

2º Prémio: ao projeto apresentado pelo IES Aquis Querquernis, de Bande (Ourense), coordenado por Xoán Carlos Domínguez Alberte e que leva por título "São-te contos!". Valoriza-se o rigoroso cumprimento das bases do concurso, a qualidade e a quantidade de os textos compilados e, especialmente, por propiciar a presença dos portadores deste património imaterial no espaço escolar.

Accésit: De acordo com o estabelecido nas bases do Concurso, os membros do Jurado acordam conceder um accésit ao trabalho "Contos com história" apresentado pelo aluna Adela Conde Toyos, de 3º ano de ESO do IES Terra de Turonio, de Gondomar (Pontevedra), sob a coordenação de Begoña Fernández Lareo. Valoriza-se a iniciativa para identificação e compilação deste património literário oral (três contos e uma lenda) no âmbito familiar e privado, assim como o esforço individual para partilhar valores como a troca de saberes e de experiências entre pessoas de diferentes gerações.

Ensino Profissional

1º Prémio: para o projeto apresentado pela Escola Profissional Infante D. Henrique, do Porto, alunos do 2º e 3º ano Curso Profissional de Técnico de Restauração, coordenados por Joana Maria R. F. Varajão Gonçalves Andrade. Valoriza-se o estabelecimento de pontes de comunicação com os portadores dos saberes culturais tradicionais através de contos e lendas, em vários casos de temáticas ligada aos estudos profissionais dos alunos participantes, e a contextualização dos mesmos, nos âmbitos familiar e de vizinhança.

Bacharelato/Ensino Complementar

1º Prémio: ao projeto apresentado pelo IES Aquis Querquernis, de Bande (Ourense), coordenado por Xoán Carlos Domínguez Alberte, e que responde ao título "As memórias da Baixa Limia". Valoriza-se o interesse por promover o conhecimento dos usos tradicionais dos contos recompilados, e em geral por contextualizar a literatura popular tradicional, assim como por o respeito mostrado à língua dos transmissores nas transcrições da língua oral.

Universidade/Ensino Universitário

1º Prémio: para o projeto apresentado por Tamara Costas Caamaño, doutoranda na Faculdade Química da Universidade de Vigo, e Carlos Álvarez Gómez, Estudante de Enfermagem na Povisa-Universidade de Vigo, pelo trabalho apresentado sob o título "Contos de Cego". Valoriza-se a identificação, a gravação e compilação em diferentes lugares e datas, da documentação e transcrição de vários textos e músicas dos chamados "cantares de cego", histórias tradicionalmente divulgadas pelos cegos e cegas nas feiras e que constitui a fase inicial de um estudo complementar e profundo sobre este género ou subgénero das letras e músicas populares tradicionais.

 

Funcionários municipais estão a beneficiar a zona envolvente ao Polidesportivo de Argela.

O Município de Caminha está a intervir na freguesia de Argela. Os funcionários municipais estão a beneficiar toda a zona envolvente ao Polidesportivo da Freguesia, com o objetivo de a transformar num parque de merendas agradável.

Os funcionários estão a proceder à limpeza do local e a calcetar o caminho que se situa ente o parque de merendas e o cemitério. Já colocaram algumas mesas e arborizaram o espaço. O parque de merendas vai ser complementado com um parque infantil, que também está a ser reparado pelos funcionários.

É de salientar ainda que as mesas, cujas madeiras utilizadas foram reutilizadas, foram também construídas pelos funcionários autárquicos.

Dotar as freguesias do concelho de espaços públicos nobres é um dos objetivos deste executivo camarário. Muitos têm sido os trabalhos realizados pelos funcionários municipais em todas as freguesias do concelho, com vista a torná-las atrativas e a dotá-las das condições necessárias ao bem-estar dos seus residentes.

 

Nova aula das Piscinas Municipais é dedicada à camada sénior .

Há uma nova aula nas Piscinas Municipais - Vila Praia de Âncora. Chama-se Hidro 65+ e é especialmente programada a pensar no exercício físico necessário às pessoas com mais idade.

As turmas de Hidro 65+ vão abrir às segundas e sextas-feiras das 9h45 às 10h30. As inscrições devem ser feitas na receção das Piscinas Municipais - Vila Praia de Âncora.

Os maiores de 65 que tenham aderido ao Cartão Caminha 65+ têm direito a um desconto de 25% no valor da mensalidade. Relembramos que o cartão que dá direito a descontos em quase uma centena de estabelecimentos comerciais, bem como aos serviços municipais, pode ser adquirido, gratuitamente, na Câmara Municipal de Caminha ou no Gabinete de Apoio ao Munícipe de Vila Praia de Âncora.

 

Sessão de esclarecimento sobre o Programa de Desenvolvimento Rural atrai muitos jovens. .

A agricultura e os apoios que existem para investimentos agrícolas levaram muitos jovens à sessão de esclarecimento sobre o Programa de Desenvolvimento Rural (PRODER), que decorreu no sábado em Caminha. Flamiano Martins também defendeu a importância da agricultura para a economia local. A sessão contou ainda com o testemunho de dois jovens, candidatos ao PRODER.

A agricultura é uma área em expansão e que está a suscitar interesse sobretudo junto das camadas jovens. De facto, esta sessão encheu a sala, sobretudo de jovens oriundos de toda a região do Minho à procura de informações sobre o tipo de apoios disponíveis.

Flamiano Martins, vice-presidente do Município, abriu a sessão e salientou a importância dos jovens começarem a abraçar a agricultura. Também mencionou a importância desta área para o desenvolvimento turístico e económico da região.

O autarca realçou que a Câmara Municipal de Caminha está disponível para colaborar e lembrou que todas as quartas-feiras está na autarquia um engenheiro agrónomo que poderá facultar mais informações e esclarecer os interessados.

Apoio ao investimento na Agricultura e na Agroindústria (ação 1.1.1); investimentos de pequena dimensão (ação 1.1.2); incentivos à instalação de jovens agricultores (ação 1.1.3) foram os temas focados por Luísa Hipólito, da Direção Regional da Agricultura e Pescas do Norte. A iniciativa contou ainda com a apresentação de casos práticos de empreendedorismo no setor agrícola com o apoio PRODER. António Calvino apresentou o seu projeto de helicicultura (cultura de caracóis) e Orlando Oliveira de pequenos frutos (mirtilos).

Pensionistas do concelho de Caminha convivem em arraial minhoto.

Mais de 1300 pensionistas do concelho de Caminha participaram, no dia 19, no XVII Passeio/convívio promovido pela Câmara Municipal. A Eucaristia decorreu no Templo do Sagrado Coração de Jesus, em Santa Luzia, Viana do Castelo, e depois a festa decorreu numa quinta de arraial minhoto.

Júlia Paula Costa, presidente da Câmara Municipal de Caminha, deu as boas-vindas à comunidade pensionista e recordou que esta era uma promessa sua que, mais uma vez, cumpriu.

A autarca agradeceu à sua equipa: o vice-presidente Flamiano Martins e os vereadores Mário Patrício e Paulo Pereira, pelo profissionalismo, empenho e cooperação. Elogiou ainda o trabalho dos funcionários municipais, "dos quais se diz que pouco fazem, mas que na maioria são trabalhadores dedicados e esforçados". Júlia Paula Costa enfatizou o trabalho dos funcionários com trabalho externo, nas ruas, sob todas as condições climatéricas. A presidente da Câmara dirigiu ainda palavras de apreço a todas as instituições presentes e aos bombeiros voluntários de Caminha e de Vila Praia de Âncora.

Júlia Paula Costa ressaltou ainda a criação do programa Caminha Solidária, no qual a Câmara Municipal vai disponibilizar um fundo de apoio às famílias no valor de 30 mil euros para apoiar as famílias caminhenses que mesmo com apoios da Segurança Social e de outras instituições não conseguem suportar as suas despesas e estão em situações de carência.

No mesmo dia, os presentes puderam inscrever-se no Cartão Caminha 65+, o cartão que dá direito a descontos em quase uma centena de estabelecimentos comerciais do concelho. A carrinha do CaminhAjuda também marcou presença no exterior da Quinta, de forma a lembrar os participantes no Passeio que o novo programa está a arrancar. É neste meio de transporte que os funcionários municipais se vão deslocar para efetuar as reparações domiciliárias.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D



Favoritos