Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





caminha

por afifenoticias, em 30.11.13

Miguel Alves quer dialogar com o Governo para encontrar uma solução que impeça os serviços públicos de encerrarem em Caminha

Os presidentes de Câmara querem dialogar com o Governo e estão dispostos a encontrarem soluções para impedirem o encerramento dos serviços públicos nos seus municípios. Esta é a vontade dos autarcas que marcaram ontem presença em Castelo de Paiva, numa reunião onde se debateu o possível encerramento de várias repartições de finanças em cerca de 150 municípios do país, bem como de outros serviços públicos. "O Município de Caminha não se bate só contra o encerramento das Finanças, também apresentamos alternativas de espaço, recursos humanos e até de competências de modo a que o serviço se possa manter no concelho sem incremento de custos para a Administração Central" reiterou Miguel Alves perante os 20 presidentes de Câmara presentes.

Sobre a importância desta reunião, Miguel Alves realça: que "fiz questão de estar presente nesta reunião de autarcas que não se limitam a lutar por manter a repartição de Finanças no concelho. Esta foi uma reunião maior, uma reunião para debatermos o país que queremos, para abordarmos o modo como o Estado se dirige e relaciona com os seus cidadãos".

Desta reunião resultou a certeza de que os autarcas presentes estão disponíveis para o debate e não se limitam a lutar para impedirem o encerramento das repartições de Finanças. Muito pelo contrário estão dispostos a criarem as condições necessárias que proporcionem a continuidade dos serviços públicos nos seus concelhos.

No caso de Caminha, Miguel Alves explicou que "existem boas e específicas razões para manter este serviço de proximidade porque a fazenda tem uma histórica ligação com o concelho, porque o nosso Município é o terceiro maior contribuinte do distrito, porque o movimento da nossa repartição está em linha com Ponte de Lima e só é superado por Viana do Castelo" e acrescentou que "as razões principais da justiça da nossa luta estão no dever que o Estado não pode esquecer de servir a população com qualidade e proximidade".

Este é um assunto que está na ordem do dia para o executivo que está em funções há um mês. Recorde-se que o presidente o levou logo à primeira reunião de Câmara, onde apresentou ao executivo uma moção de repúdio pela possibilidade de encerramento da repartição de Finanças de Caminha, argumentando que este serviço tem existência consolidada no concelho e constitui um serviço público de proximidade às empresas e, sobretudo, aos cidadãos. O edil caminhense garante que a Câmara Municipal vai lutar para encontrar uma solução para que seja mantido este serviço de proximidade que afeta a vida social e económica do concelho. Esta moção, recorde-se, foi aprovada por unanimidade.

Também na passada sexta-feira a Assembleia Municipal de Caminha votou por unanimidade essa mesma moção. Miguel Alves reiterou na sessão extraordinária que vai lutar para encontrar uma solução para que seja mantido este serviço de proximidade que afeta a vida social e económica do concelho.

 

 

Campanha de redução de 50% dos encargos com ligação à rede de saneamento até final do ano

O Município de Caminha tem em curso as campanhas de redução de 50% relativamente aos encargos resultantes da instalação de ramais de ligação à rede de drenagem de águas residuais domésticas de habitações unifamiliares (saneamento) em Vile, nas zonas de ampliação da rede existente das freguesias de Vila Praia de Âncora e de Riba de Âncora, em alguns arruamentos nas freguesias de Âncora e de Moledo. Estas campanhas têm como objetivo incentivar os munícipes a procederem à ligação das habitações às novas redes públicas de saneamento.

Nas freguesias de Vile, Vila Praia de Âncora, Riba de Âncora e Moledo, a campanha de redução de 50% com os encargos da instalação de ramais de ligação à rede de saneamento está em vigor até ao final do ano (31 de dezembro). Assim, os proprietários de habitações unifamiliares na freguesia de Vile, nas zonas de ampliação da rede existente nas freguesias de Vila Praia de Âncora e de Riba de Âncora podem aproveitar a referida campanha até 31 de dezembro. O mesmo se passa para os proprietários de habitações unifamiliares da freguesia de Moledo, nos lugares de Andoreiras, Prado, Perrinchão, Cabanelas e Cardosas.

No caso da freguesia de Âncora, a campanha de redução de 50% da instalação de ramais de ligação à rede de saneamento termina a 4 de setembro de 2014 e abrange os arruamentos Avenida Forte do Cão, a Rua da Gelfa e a Rua do Madorno.

Estas campanhas ainda preveem que os restantes 50% do valor em causa possam ser pagos em doze prestações mensais anexadas na fatura da água.

Câmara Municipal de Caminha apoia festival ARTBEERFEST

O Festival ARTBEERFEST apresentou ontem o seu plano de atividades para 2014, numa ação promocional -press lunch/menu de degustação para cervejas artesanais que contou com a presença do Município de Caminha. "Este evento é uma marca que nasceu em Caminha, por isso o ARTBEERFEST terá o apoio da Câmara Municipal de Caminha e tenho a certeza que terá também o apoio da nossa população", disse Miguel Alves.

A OG&ASSOCIADOS, organizadora do Festival ARTBEERFEST, em parceria com o Restaurante AREIA, promoveu ontem um press lunch/menu de degustação para cervejas artesanais com o objetivo de apresentar à imprensa nacional e galega o plano de atividades do Festival ARTBEERFEST para 2014. Entre os convidados institucionais esteve Miguel Alves, presidente da Câmara Municipal de Caminha. Este ato contou ainda com a presença dos chefes Margarida Bessa Rego e Eloy Cancela de Santiago de Compostela.

Sobre a importância deste evento cultural para o concelho de Caminha, Miguel Alves realçou: "fiz questão de estar presente neste almoço de degustação promovido pela ARTBEERFEST porque esta é uma marca que nasceu em Caminha, mas que quer alargar-se a todo o país e até para o estrangeiro levando o nome do nosso concelho" e, acrescentou, "é importante sabermos cultivar eventos na nossa terra, de qualidade, com capacidade para promover a nossa economia, interpelar os nossos empreendedores e qualificar a oferta cultural que temos para oferecer àqueles que nos visitam", rematou o presidente.

Sobre a próxima edição, a OG&ASSOCIADOS avançou que "está a ser preparada e promovida com um enorme interesse de parceiros e produtores europeus, que darão uma dinâmica e um mediatismo Internacional ao evento e a Caminha".

Segundo a organização, "é a primeira vez que em Portugal é apresentado um menu degustação exclusivo para 5 Cervejas Artesanais Portuguesas e 'uma convidada' de honra da vizinha Galiza, sob a orientação dos conceituados Chefes Margarida Bessa Rego - uma Caminhense - e Eloy Cancela, de Santiago de Compostela

 

Câmara Municipal de Caminha apoia a campanha dos Bancos Alimentares Contra a Fome

A Câmara Municipal de Caminha apoia a campanha de recolha de alimentos promovida pelos Bancos Alimentares Contra a Fome, que se realiza este fim de semana (dias 30 de novembro e 1 de dezembro), nos estabelecimentos comerciais do concelho.

A campanha consiste na recolha de alimentos nos estabelecimentos comerciais do concelho de Caminha e tem como objetivo mobilizar a sociedade a ajudar quem mais precisa. Assim, nas portas dos estabelecimentos comerciais estarão voluntários devidamente identificados a convidar a população a doar alimentos, nomeadamente, leite, atum e salsichas, azeite e óleo, açúcar, farinha, massas, arroz, entre outros, a quem mais precisa.

O resultado será distribuído localmente a pessoas com carências económicas, por intermédio de Instituições de  Solidariedade Social, previamente selecionadas e acompanhadas ao longo do ano

Oficina temática O Mundo dos Cogumelos decorre domingo

 

 domingo, dia 1 de dezembro, o Centro de Interpretação da Serra d'Arga, em parceria com Carlos Venade, vai promover a oficina temática "O Mundo dos Cogumelos".

Com esta atividade, pretende dar-se a conhecer a diversidade e o potencial dos cogumelos silvestres, ensinar técnicas de identificação das várias espécies e demonstrar diferentes formas de conservação e utilização. Para além da sessão em sala, está prevista uma saída de campo e uma degustação de algumas aplicações gastronómicas preparadas com cogumelos silvestres.

A oficina decorre na Junta de Freguesia de Dem, das 9h30 às 16 horas e a inscrição tem um custo de 10 euros (não inclui almoço).

-

-

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:52



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTADOR

estatisticas gratis


geo-visitas




Favoritos