Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

  AÇUDE, DA  PONTE DERRUBADO PELAS CHEIAS, ESTÁ A CRIAR EROSÃO NA MARGEM SUL DO RIO DE AFIFE.

DSC05577.JPG

As linhas a vermelho, mostram a falha da levada e a erosão, que já fez na margem, pois o caudal, está já próximo de chegar ao caminho.

O facto das cheias ter destruído parte da levada do rio de Afife a jusante da ponte do caminho de ferro, está a originar a erosão na parte sul da margem do rio e até pode perigar a própria estrutura da ponte ferroviária. Foi há dois anos que as correntes mais fortes e a fragilidade do açude, vieram a arrastar algumas pedras de grande dimensão que suportavam as aguas, para alimentar os moinhos de aguas. A partir daqui as aguas ganharam velocidade no seu trajecto para o mar e vieram a criar situações de erosão na margem sul, retirando grande parte de sedimentos e  neste momento a margem do rio, aproxima-se perigosamente do caminho ali existente.

DSC05582.JPG

Pode-se observar na continuidade da linha vermelha, o fundão que está a ser criado, com a retirada de sediementos junto do pegão, tudo se fica a dever ao acelerar das aguas, depois da destruição da levada.

Já no pegão sul da ponte ferroviária, a erosão é bem evidente, criando ali um espaço de certa profundidade, que terá chegado já as suas fundações, o que pode  num futuro, por em perigo a própria estrutura da ponte. A erosão neste momento faz-se sentir num espaço significativo da margem sul, enquanto que o rio vai ganhando um novo caudal, perdendo margem na parte norte. Assim questiona-se se não seria de todo importante repor a parte destruída, para então normalizar o caudal e a velocidade da corrente das aguas, quando em tempos de cheias. A junta de freguesia, já alertou a Infra-estruturas de Portugal, para o facto da erosão que se faz sentir na margem do rio, porque a ponte pode vir a sentir os seus efeitos. Recorde-se que neste troço do rio, dado a sua inclinação e porque existe um espaço reto entre a Fatria e a ponte, as aguas ganham uma maior velocidade, o que origina a destruição das partes mais frageis das margens e isso é o que se está de momento a verificar.

DSC05578.JPG

A imagem mostra a erosão que se está a verificar na margem sul do rio, pois a agua, circula a levada e bate na margem.

DSC05588.JPG

A imagem mostra a curva que neste momento já  se verifica no rio, pois antes o rio passava por cima da levada em situação reta.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub