Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Relatório de Atividades e Documentos de Prestação de Contas Passivo Exigível Total registou uma redução de 12,4 milhões de euros entre 2010 e 2016

VCT.png

 

O Relatório de Atividades e Documentos de Prestação de Contas de 2016 aprovado em reunião de Câmara de Viana do Castelo aponta para uma redução do Passivo Exigível Total de 4,4 milhões de euros em 2016 face ao ano anterior. Importa referir que, entre o ano 2010 e 2016, o Passivo Exigível Total registou uma redução nominal de 12,4 milhões de euros, que corresponde a uma redução relativa de 35%.

O documento sublinha que, apesar dos constrangimentos dos atrasos na implementação do Portugal 2020, o Município de Viana do Castelo tem conseguido manter toda a atividade municipal graças a uma gestão rigorosa de contenção de custos, que tem permitido aumentar a Poupança Corrente, usada na realização de Investimento e na redução do Passivo Exigível Total.

Assim, a Receita Total de 2016 atingiu o valor de 55,8 mil milhões de euros, que, comparativamente ao ano de 2015, representa uma queda de 5,6 milhões de euros, explicada pela concessão das infraestruturas de água e águas residuais à empresa Águas do Norte, SA, cuja realização financeira no valor de 8,261 milhões de euros ocorreu em 2015. Já a Despesa Total do Município acompanhou a evolução da receita, atingindo no ano de 2016 os 55.7 milhões de euros.

A Taxa de Execução Orçamental voltou a aumentar comparativamente ao ano anterior, atingindo o valor de 84,3%, o mais elevado dos últimos sete anos. A Poupança Corrente tem apresentado valores muito positivos, com tendência de crescimento, que muito tem contribuído para o financiamento do Investimento Global (Câmara, Freguesias e Instituições) realizado no Concelho.

Por tudo isto, o documento refere que 2016 se apresenta como um ano de referência de Viana do Castelo, elencando um vasto conjunto de prémios e reconhecimentos, mas também eventos de cariz internacional. “Registamos uma atividade intensa ao longo de 2016, junto de organizações europeias, ibéricas, nacionais e regionais nomeadamente na Associação das Cidades do Arco Atlântico (presidência), Rede Ibérica Transfronteiriça (presidência assembleia geral), Comité das Regiões (coordenador delegação portuguesa), Associação do Eixo Atlântico (presidência assembleia geral), Associação Municípios com Centro Histórico (direção), Rede Cidades Saudáveis (Presidência Assembleia Geral), Comunidade Intermunicipal Alto Minho (presidência), AENOTUR (presidência).

Em 2016, refere ainda o Relatório, iniciaram as obras de modernização e eletrificação da Linha do Minho entre Nine e Viana do Castelo, o início das obras de requalificação dos Serviços de Urgência do Hospital de Viana do Castelo, a aprovação do PEDU – Reabilitação Urbana de Viana do Castelo no montante de 17 milhões de euros, a aprovação da candidatura da Requalificação da Escola Frei Bartolomeu dos Mártires, a aprovação da Candidatura dos Resíduos Sólidos Urbanos/Compostagem no montante de 4 milhões de euros, a aprovação da candidatura de redes de água e saneamento no valor de 3,9 milhões de euros.

A atividade de acolhimento empresarial teve, em 2016, um ano excecional com a instalação do Contact Center da Altice, ampliação da Uchiyama, ampliação da Suavecel/Fortissue, nova unidade fabril da Mephisto, nova unidade fabril da Howa-Tramico, nova unidade fabril da Eurostyle, ampliação da Saertex, ampliação das instalações da KGS, novas instalações da Ovnitur, e novos projetos da Aludec, Eurosap, Keyma, Bontaz, Steep Plastique e Cadilha e Santos. Registamos também a instalação e ampliação de unidades empresariais das novas tecnologias no centro histórico da cidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:18



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D

CONTADOR

estatisticas gratis


geo-visitas




Favoritos