Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

RUÍNAS DO ANTIGO MATADOURO DE CABANAS, PODEM SER PERIGOSAS, PARA QUEM ALI CIRCULA.

DSC05709.JPG

Em Cabanas, existem as ruínas, daquilo que começou por ser uma unidade de criação de trutas e mais tarde viria a ser o matadouro de frangos, que após a construção de um edifício na veiga de Areosa, veio a fazer com que esta estrutura ficasse votada ao abandono, começando a degradar-se e apenas ficaram as paredes ao alto. Acontece que neste momento estas ruínas, são alvo da curiosidade de quem por ali passa e todos querem ver o que há lá por dentro e até ali passa o caminho para Santiago, onde passam inúmeros peregrinos. Pelo interior em alturas de verão, passam muitos dos que se dirigem ao poço azul, agora e bem vistas as coisas, as pessoas nem sequer se apercebem do perigo que ocorrem, pois de um momento para o outro, uma qualquer destas paredes, pode desabar e por conseguinte, pode apanhar um qualquer curioso desprevenido. Não se conhece, quem será  neste momento o proprietário daquela estrutura em ruínas, mas certamente que as entidades com jurisdição nesta área o saberão e deveriam obrigar o seu proprietário a tomas medidas, para evitar o pior. Essas poderiam passar pela demolição daquela estrutura, pois essa seria a melhor opção, ou então vedar o espaço envolvente, não permitindo assim o acesso de pessoas aquela área.

DSC05711.JPG

DSC05713.JPG

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub