Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

UM ANO PARA ESQUECER-2017

hqdefault.jpg

 

       2017 foi um ano para esquecer, dadas as desgraças que aconteceram em Junho e em Outubro, com incêndios que originaram cerca de 100 mortos e destruição total ou parcial de bens, dos seus moradores.

     Em Junho , no incêndio de Pedrógão Grande, segundo o relatório de especialistas, os meios foram insuficientes e o comando falhou no terreno. Em Outubro, os incêndios, voltaram a destruir e a matar pessoas e bens.

       Como é costume , neste País, foram exigidas responsabilidades a todos os responsáveis, neste campo ,relatórios e mais relatórios,mas todas as entidades “sacudiram a água do capote”e agora, no fim do ano, ainda, que eu saiba, não existe nenhum culpado. Os lesados, continuam a aguardar que lhe arranjem as casas, para poderem recomeçar a sua vida. Contudo, muitas famílias passaram o Natal ao relento, junto das suas casas destruídas, embora com a visita do Sr. Presidente da República. Acho que o Sr. Primeiro Ministro deveria estar presente. Salvo melhor opinião, ainda não sei onde param os milhões de euros que foram angariados em festas e outros contributos, vindos até do estrageiro. Faço votos para que, quando começar a época dos fogos, o Governo olhe bem para o que aconteceu em Pedrógão e noutras localidades, para não se repetirem mais mortes.

     E já que estou a falar de incêndios, olho para a minha região, o Alto Minho e pergunto se os Municípios já começara a limpar as suas matas e a ordenar aos proprietários das bouças, a sua limpeza. É que o aconteceu em Pedrogão Grande, pode acontecer no Pinhal da Gelfa ou no Pinhal do Camarido. O Pinhal da Gelfa é, na minha modesta opinião, um barril de pólvora. Ainda recentemente estive lá dentro e vi a quantidade de matéria, inflamável a qualquer momento. MAIS VALE PREVENIR QUE REMEDIAR.

       Também aconteceu o roubo de munições no Quartel deTancos e ainda hoje não se sabe o que realmente aconteceu e se houve culpados. Existe um relatório confidencial que ninguém sabe. Não compreendo que num Quartel tão bem organizado, com segurança total, possa alguém entrar e levar munições sofisticadas, sem ser visto. Custa a acreditar.

   REPITO, 2017 FOI UM ANO PARA ESQUECER.

     RENOVO OS VOTOS DE UM 2018, SEM INCENDIOS E SEM ROUBOS DE ARMAS, AO DIRECTOR DO JORNAL , AOS SEUS COLABORADORES E AOS MEUS LEITORES, DESTE HUMILDE JORNALISTA QUE QUER O MELHOR PARA O SEU ALTO MINHO.

 

 

ANTERO SAMPAIO

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub