Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

AFIFE DIGIT@L jornal on-line de Afife

NOTICIAS LOCAIS E REGIONAIS ACTUALIZADAS SEMANALMENTE AOS SÁBADOS ÀS 21h30 ........ e-mail: afifenoticias@sapo.pt

Piroga do Rio Lima na exposição “O tempo resgatado ao mar” do Museu Nacional de Arqueologia

Piroga do Rio Lima na exposição “O tempo resgatado ao mar” do Museu Nacional de Arqueologia

Uma piroga do rio Lima, uma das seis embarcações encontradas em Viana do Castelo, integra a exposição “O tempo resgatado ao Mar” do Museu Nacional de Arqueologia, que dá a conhecer os principais resultados da atividade arqueológica náutica e subaquática realizada em Portugal nos últimos trinta anos.

As pirogas, embarcações monóxilas feitas a partir de um tronco de árvore escavado, conhecido na Europa desde a pré-história e mais precisamente desde o neolítico, foram utilizadas no Rio Lima e, por serem embarcações construídas através de uma tecnologia muito particular, merecem grande relevo e assumem enorme importância para a comunidade científica portuguesa e internacional. Em Viana do Castelo foram encontradas seis pirogas entre as freguesias de Moreira de Geraz do Lima e Mazarefes, sendo que as cinco identificadas foram enviadas para a Divisão de Arqueologia Náutica e Subaquática para restauro, estudo e conservação.

Uma delas está agora em exposição em Lisboa, depois de ter sido descoberta na margem esquerda do Lima, junto ao Lugar da Passagem (Moreira de Geraz do Lima) em Maio de 1996. A embarcação, datada por radiocarbono entre a segunda metade do século VII e finais do século IX, foi construída a partir de carvalho-roble e serviria para atravessar o rio durante a Idade Média. Com 385 centímetros de comprimento, 55 de largura e 45 de altura, a embarcação esteve juntamente com outra, em 2013, no Museu Nacional de Arqueologia Subaquática – ARQUA, em Cartagena, para conservação e uma delas esteve mesmo em exposição.

Agora, integra uma mostra que apresenta uma seleção de peças oriundas de ambientes marítimos, fluviais ou húmidos de todo o território nacional desde a época pré-romana ao século XX, com maior incidência na época moderna, resultado de numerosos naufrágios referenciados.

 

 

A nova Comissão Municipal de Trânsito reuniu pela primeira vez depois de eleito o representante da Assembleia Municipal. Na reunião, foi aprovado o alargamento a novas entidades, nomeadamente às juntas de freguesia de Darque e Areosa e a um representante da APHORT – Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo.

 

A Comissão, que reúne para resolver com maior eficácia as questões de trânsito e apoiar nas alterações de tráfego no âmbito de intervenções realizadas no Município, tem sido composta por representantes da Câmara Municipal de Viana do Castelo, Polícia de Segurança Pública, Guarda Nacional Republicana, Direção Geral de Viação, Direção de Estradas, Assembleia Municipal, Associação Empresarial, pelo coordenador do Serviço Municipal de Proteção Civil e pelas Juntas de Freguesia da Cidade, integrando agora novos elementos.

 

O objetivo é ter contributos para uma melhor resposta na gestão da mobilidade da área urbana do concelho, nomeadamente com a entrada das juntas de freguesia que também pertencem ao perímetro urbano e com representantes pelas atividades comerciais e de restauração. Ao alargar o leque de atores desta Comissão, pretende-se assim uma maior e melhor identificação das necessidades e constrangimentos de trânsito e facilitar a resolução dos mesmos.

 

Para os responsáveis, a integração dos novos elementos serve ainda para uniformizar princípios e regras em toda a área urbana, pelo que foi saudada a entrada dos novos membros, que agora assumem uma maior representatividade do tecido social e económico da cidade.

 

Na primeira reunião da Comissão de Trânsito, foram analisadas as novas regras de circulação das novas artérias que nascem com as intervenções de reabilitação da antiga fábrica de chocolates e a nova Rua Pedro Homem de Mello. O mesmo órgão efetuou ainda a monitorização das alterações introduzidas em Dezembro de 2012 na Rua de Aveiro e que irão ser mantidas uma vez que a avaliação foi positiva.

 

 

 

Corpo de Bombeiros Municipais vai assinalar 234 anos de existência com “Quartel Aberto.

Corpo de Bombeiros Municipais vai assinalar 234 anos de existência com “Quartel Aberto”

O Corpo de Bombeiros Municipais de Viana do Castelo vai assinalar o seu 234º aniversário, que se comemora no próximo dia 22 de Março (sábado) com um conjunto de atividades, com destaque para o “Quartel Aberto” pelas 11h00 na Praça Marques Júnior.

O aniversário tem um programa de comemorações que começa com a eucaristia em memória dos Bombeiros Falecidos na Capela de S. Vicente, seguindo-se uma romagem ao Cemitério e o Quartel Aberto, onde estarão disponíveis viaturas e instrumentos utilizados pela corporação.

Os Bombeiros Municipais foram fundados em 22 de Março de 1780 com a designação original de Companhia da Bomba, sendo atualmente o terceiro mais antigo de Portugal, logo a seguir aos Sapadores de Lisboa e Porto. Tem como função e objetivo principal o salvamento e proteção de pessoas e bens, tendo como área de atuação o Município de Viana do Castelo a quem cabe a responsabilidade e intervenção prioritária, apoiando, no entanto, outros Corpos de Bombeiros fora deste sempre que solicitado pela estrutura da Autoridade Nacional de Proteção Civil.

O corpo tem uma estrutura profissionalizada, possuindo veículos de combate a incêndios, veículos tanque, um veículo auto-escada com trinta metros, ambulâncias de socorro, viaturas de socorro e assistência estratégica, veículo de comando, um de apoio a mergulhadores, veículos de apoio diverso e bote de socorro e resgate. Em termos de capacidade intervenção, está preparado para incêndios, desobstrução e desencarceramento, matérias perigosas, salvamento em grande escala, ambiente subaquático e mergulho e ambientes de condições atmosféricas e anti-corte.

A Câmara Municipal de Viana do Castelo vai comemorar o Ano Internacional da Agricultura Familiar com um vasto conjunto de iniciativas durante todo o ano. O lançamento/inauguração está agendado para o próximo sábado com diversas iniciativas no Mercado Municipal de Viana do Castelo.

Assim, no próximo sábado, pelas 10h00, está previsto o Feirão "Sabores da Nossa Terra" com a participação dos produtores agrícolas do concelho e que marca a inauguração oficial do Ano Internacional da Agricultura Familiar. Pelas 10h30 e pelas 15h00, decorre a " Hora do Conto" com o “Alimentação Saudável” de Daniela Silva, desta vez a decorrer no primeiro andar do Mercado Municipal e não na Biblioteca como normalmente. De destaque ainda para o showcooking “Sabores da Nossa Terra” com o chef Mário Rodrigues e a equipa “Mãos na Massa” pelas 11h30, no Mercado Municipal.

Ainda no Mercado, decorre uma Sessão de Esclarecimento "O enquadramento e a obrigação contributiva dos produtos agrícolas" por João Vieira e Carolina Silva (Segurança Social) e "IVA e IRS - esclarecimento no âmbito da atividade agrícola" José Cadilha (Direção de Finanças). Às 18h00, decorre uma degustação e exposição dos “Sabores da Nossa Terra”.

Exposições, “Conversas de Fim de Tarde”, oficinas de aprendizagem, projetos pedagógicos, concursos, feirões e mostras pedagógicas fazem parte da programação anual destas Comemorações, organizadas pelo Centro de Monitorização e Interpretação Ambiental.

Recorde-se que a Assembleia das Nações Unidas proclamou 2014 Ano Internacional da Agricultura Familiar. A agricultura familiar é uma forma de garantir a produção agrícola e silvícola, assim como a pesca, o pastoreio e a agricultura, gerida e dirigida por uma família que na sua maior parte depende da mão-de-obra familiar não assalariada, tanto de mulheres como de homens. A família e a exploração estão vinculadas, coevoluem e combinam funções económicas, ambientais, reprodutivas, sociais e culturais.

“Coração Solidário” pela Casa dos Rapazes

A Câmara Municipal de Viana do Castelo está a promover um sorteio e um leilão online para angariar fundos para a Casa dos Rapazes de Viana, que luta com dificuldades para terminar as obras de requalificação e ampliação. O projeto “Coração Solidário”, atualmente na sua terceira edição, apela aos munícipes para que participem em atividades diversas contribuindo assim para apoiar instituições vianenses.

Nesta edição, a primeira ação passa pela venda de rifas e de um leilão online de peças diversas do ciclista vianense Rui Sousa até 25 de Maio e o valor angariado reverte na totalidade a favor da Casa dos Rapazes. O leilão dos sapatos e luvas da Volta a Portugal em Bicicleta 2013 tem base de licitação de 50 euros e decorre até 25 de Maio. Já o sorteio “símbolos da vitória”, com a camisola de Campeão Nacional 2010, o capacete do terceiro lugar na Volta a Portugal 203 e um par de óculos usados em diversas provas é feito através de rifas e decorre também até 25 de Maio.

O sorteio é feito no final da prova “16.º Prémio de Ciclismo Cidade de Viana do Castelo” e a entrega dos prémios e do valor angariado à Casa dos Rapazes é entregue a 30 de Maio no final da prova “26º Grande Prémio de Ciclismo JN”.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2011
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2010
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2009
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2008
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2007
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub